MÁS DE 3000 "GÍRIAS" Y EXPRESIONES IDIOMÁTICAS EN PORTUGUÉS

7
gírias, expresiones idiomáticas, portugués, traducciones, traductora

SI ERES TRADUCTOR LITERARIO, ESTO TE INTERESA

Claro que si no eres traductor literario y estás por tomar un curso de portugués, también te será útil para entender muchas de las expresiones idiomáticas que usan los brasileros a diario. Aquí te comparto este diccionario de português que incluye más de 3000 "gírias" y expresiones. La organización de este material estuvo a cargo de Elias Canuto Brandão, docente de la Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), coordinador del Grupo de Estudios e Investigaciones en Políticas Públicas de Educación del Campo (GEPPPEC-UEPR), investigador en el Grupo de Estudios e Investigaciones en Políticas Públicas y Gestión Educativa (GEPPGE), de la Universidade Estadual de Maringá (UEM).

Con seguridad, muchas de estas expresiones ya están en desuso en el día a día. Sin embargo, ningún término es menor cuando se trata de traducciones. Es muy buen material para todo traductor, especialmente en el área de traducción literaria.

DICIONÁRIO POPULAR DE GÍRIAS E EXPRESSÕES
A CASA CAIU = deu zebra, tudo errado.
A CASA ESTÁ CAINDO = briga feia em casa.
A COISA TÁ PRETA = sem solução, difícil.
A CORDA ARREBENTA DO LADO MAIS FRACO = o lado mais fraco perde.
A FLOR DE ZIÁCO = afrodisíaco.
A PULSO = à força, na marra.
A RODO = muito legal, muito bom.
À TOA = sem fazer nada, parado, vida boa, folgado.
A VACA FOI PRO BREJO = situação ruim, coisa ruim, dificuldades.
A VER NAVIOS = ficou a olhar, abismado, sem ação e reação.
A VERA = muito legal, muito bom.
A'DE = capaiz!?!, há de ser verdade, espanto, nossa!, "vich" ou "bah".
ABACAXI = rolo, problema.
ABAFAR = esconder, disfarçar, fazer de conta.
ABAFAR O CASO = esconder, fazer de conta que não existe, esquecer.
ABAIXA A BOLA = calma, devagar.
ABALAR = causar impacto, detonar, arrasar.
ABALOU BANGU = surpreender.
ABARCAR = pegar, alcançar, conquistar.
ABEA = abelha.
ABEIA = abelha.
ABÊIA = tratamento pejorativo para homem.
ABESTADO = fora de si, bobo, descontrolado, sem posição firme, sem informação, lesado.
ABESTALHADA(O) = pessoa voada, desligada, perdida.
ABESTALHADO = bobo, perdido.
ABILOLADO = abestalhado, que se parece besta, bobo.
ABISCOITADO = desligado, distraído, desatento.
ABISMADO = ficar impressionado.
ABOBADO = metido a besta, perdido, desorientado.
ABÓBORA = girimum.
ABOBRINHA = besteira.
ABOTOAR O PELETÓ = morrer, falecer, partir para o "além".
ABRAÇA = continua querendo, vai ficar na vontade.
ABRACADABRA = abrir rápido, muito rápido.
ABRAÇAR O JACARÉ = cair do cavalo, se dar mal, dar o tiro pela culatra.
ABRAÇELE = abraça ele.
ABRAÇO PRO GAITERO = despedida, tchau, coisa ou assunto sem solução.
ABRIDA = aberta, abrir.
ABRIR AS PERNAS = ceder, facilitar, entregar de mãos beijadas.
ABRITAGEM = sacanagem, adulterado.
ABUSADO = metido, avançado, chato.
ABUSAR = encher o saco, perturbar.
ACABÁ = acabar.
ACABAR EM PIZZA = acordo denotando acertos corruptos sem punição a culpados, onde no final, todos festejam o resultado com pizza.
ACABRUNHADO(A) = triste, envergonhado, cabeça baixa, quieto, mole.
ACALENTAR = acariciar, bajular, cuidar.
ACARCÁ = apertar, torcer.
ACARQUEI = apertei, torci.
ACELERAR A MENTE = apressar, pressionar.
ACERTÁ = acertar.
ACERTAR NA LATA = ser preciso, pessoa que advinha.
ACERTAR NA MOSCA = certeza no que disse, acertar em cheio na primeira.
ACERTOU NA MOSCA = adivinhou.
ACHAPONADO(A) = apaixonado(a).
ACHAR CHIFRE NA (EM) CABEÇA DE CAVALO = procurar problemas, procurar o que não existe.
ACHAR PELO EM OVO = procurar problemas, procurar o que não existe.
ACHAR POR BEM = acreditar, decidir, desejo.
ACHA-SE O GÁS DA COCA = acha-se o tal, come todas.
ACHEGA = apeia, descansa, encosta, descer, desmontar.
ACHEGAR = chegar, sentar, encostar.
ACOCHADO = apertado, fixo.
ACÓDE = socorre, acodi.
ACOLÁ = não muito longe, ali perto, próximo.
ACORDI = acordar.
ACOXAR = apertar.
ACROCADO = agachado, de cócora.
ACUDIR = socorrer, acudir.
ADEMAIS = inclusive, enquanto não esqueço.
ADEVOGADO = advogado.
ADONAI = pessoa feia, que não chama a atenção pelo físico.
ADRENALIZAR = cheio de energia, cheio de coragem, muita energia.
ADUBAR O VASO = defecar, cagar.
ADVOGADO DO DIABO = pessoa que vê coisa boa onde aparentemente só há situações negativas e ruins.
AÉREO = fora de si, longe, pensativo, desligado, relaxado, desatento, perdido.
AEROPORTO = pessoa careca.
AEROPORTO DE MOSQUITO = careca.
AFE ou AFF = espanto, admiração, novidade.
AFF MARIA = espanto, nooossa.
AFOGÁ = refogar, afogar.
AFOGANDO O GANSO = fazendo sexo.
AFOGAR AS MÁGOAS = chorar, beber para esquecer alguma derrota ou coisa ruim, assistir um filme ou ver TV para esquecer determinadas situações.
AFOGAR O GANSO = fazer sexo, transar, molhar o biscoito, masturbar.
AFOGAR O PERIQUITO = transar, praticar ou fazer sexo.
AFOLOSADO = frouxo, quebrado, podendo cair.
AFROXOU = recuou, desistiu.
AGASALHANDO O CROQUETE = cobrindo o cabelo, guardando o pênis...
AGAZÁIA = agasalhar, aconchegar, proteger.
AGENTI = nós.
AGOA = regar plantas, agoar.
AGROTOXIO = agrotóxico.
AGU'IÁ = agulha.
ÁGUA = zebra, problema.
ÁGUA NA BOCA = ficar com vontade de alguma coisa e não poder realizar o gosto, desejar.
ÁGUA OXIGENADA = loira falsificada.
AGUNEIA = apressar, forçar, cobrar.
AGUNIADO = tenso, nervoso.
AH BOM = entendi, sim.
AÍ SÃO OUTROS 500 = Outra coisa, diferente, controverso.
AIGORÁ = pressentimento.
AIPIM = mandioca.
AIR BAG = mulher com seios grandes.
AJEGADO = sujeito bem dotado no pênis.
AJOJADO = cansado, quebrado, necessitado de descanso.
AJUDÁ = ajudar.
ALARDEAR = divulgar, tornar conhecido.
ALARDEIA = divulga, torna conhecido.
ALEMBRO = lembrar, recordar.
ALEMOA = loura.
ALERTI = alertar, avisar.
ALGAZARRA = bagunça, confusão.
ALMA-SEBOZA = ter maldade na mente, ladrão.
ALMOÇO ARREGADO = almoço forte, bom, pesado, gostoso.
ALOPRADO = exagerado, demais, apaixonado.
ALPARGATAS = chinelo de pés feito de brim, lona ou couro.
ALUADO = desligado, voado, bobo, distraído.
ALUGAR = ficar no pé, não largar a pessoa, pegar para Cristo, tomar o tempo de alguém, enrolar, mentir.
ALUMIA = clareia, aceso.
ALVISSAREIRA = interessante, merecedora de aplausos.
ALVORÍ = árvore.
AMADA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
AMANHECER COM A BOCA CHEIA DE FORMIGA = ser assassinada, levar tiros e morrer.
AMARELAR = entregar, ceder, possibilitar, ficar com medo de fazer alguma coisa, desistir.
AMARRADÃO = apaixonado, avexado por alguém.
AMARRAR O BODE = encostar, empacar, não sair do lugar.
AMARRAR O BURRO = travar, não sair do lugar, repousar, folgar.
AMARRAR O JEGUE = recusar de fazer alguma coisa, plantar-se, ir embora.
AMASSAR BOMBRIL = fazer sexo.
AMASSO = agarrar, abraço forte, pegar.
AMBUÂNCIA = usado mais ou menos assim "larga de ambuância" (deixa de ser chato, resmungão).
AMEBA = pessoa aérea.
AMEIA(O) = meia(o) a meia(o), de ameia(o).
AMIGADO = juntar-se, casar-se sem compromisso.
AMIGO DA ONÇA = traidor, que se faz amigo e trai, falso amigo, pessoa traiçoeira.
AMOFADINHA = pessoa que anda nos trinks, engravatado, rico, burguês.
AMOSTRADO = chamar a atenção para si, aparecer.
ANDAÇO = virose, vírus transmitido de um para outro.
ANDAR À TOA = nada fazer, perambular.
ANDAR NA LINHA = ser e andar certo, não cometer erros, ser elegante, andar corretamente, não perder a compostura.
ANDAR NAS NÚVENS = pessoa distraída, desatenta.
ANDÔ = andar, andou, agir.
ANEL DE COURO = ânus.
ANIMAL = algo muito bom, legal ou muito legal.
ANIMAL PAKAS = algo extremamente bom.
ANIMÁR DE TETA = pessoas bobas.
ANIMÁR VÉIO = pessoas bobas.
ANSIN = assim.
ANTA = pessoa pouco inteligente.
ANTÃO = então.
ANTONTI = ante ontem, antes de ontem, dois dias atrás.
AO DEUS DARÁ = esquecido, abandonado, perdido, sem rumo.
AO PÉ DA LETRA = executar algo tal qual determinado, literalmente.
AÔÔÔ TCHETCHÊNIA = grito de felicidade.
AOS TRANCOS E BARRANCOS = improvisado(a), de qualquer jeito, desajeitado.
APAGAR = eliminar alguém, matar, dormir, descanso.
APAGAR O CARA = eliminar, matar, assassinar.
APALAVRADO = combinado, acertado.
APANHA = pega, dá para mim, colhe.
APANHAR = pegar, colher, levar uma surra.
APARGATA = alpargata, chinelo.
APÊ = bairro, região.
APEIA = desce, achega, encosta, descer, desmontar.
APERREADO = preocupado, com problemas, agoniado, stress, apoquentado, nervoso, apertado financeiramente.
APERRIADA = inquieta, agitada.
APERRIADO = inquieto, preocupado.
APERRIAR = atrapalhar, encher o saco, torrar a paciência, incomodar.
APERTÁ = arrochar.
APERTA O F5 = cai na real, atualiza-se.
APERTAR = arrochar.
APETRECHO = objeto, coisa.
APIÁ = descer.
APIADO = descido, embaixo.
APIEDÔ = teve pena, teve dó, comoveu-se.
APIEI = descer, desci.
APINCHÁ = jogar, tacar.
APODÁ = ultrapassar alguém.
APODAR = ultrapassar um veículo.
APOIO DE FRENTE = flexão.
APOQUENTADO = preocupado, com problemas, agoniado, nervoso, apertado financeiramente.
APRUVEITÁ = aproveitar.
APURADO = nervoso, preocupado.
AQUÉ = dinheiro.
AQUELA COCA É FANTA = gay, travesti, homossexual, bicha, boiola.
AR DO DIA = amanhecer.
ARAME = dinheiro, tutu.
ARDIDA = ardido, apimentada.
ARENGA = briga, luta.
ARENGAR = discutir, brigar.
ARFACE = alface.
ARFÁCIA = alface.
ARGUÉM = alguém.
ARGUMA = alguma.
ARIRANHA = mulher agressiva, brava, sem paciência.
ARMADO ATÉ OS DENTES = preparado para qualquer situação de desavença ou conflito.
ARMAR A(O) BARRACA(O) = brigar, partir para cima, criar confusão, exaltar-se.
ARMAR BARRACA = criar confusão.
ARMAR UM BARRACO = brigar, criar confusão, discutir.
ARMARIA = Ave Maria.
ARMÁRIO = pessoa muito forte.
ARMENTADA = armada, inventada.
ARMOÇO = almoço, comida.
ARRAIÁ = amanhecer.
ARRAIA = pipa, papagaio.
ARRAIAL = lugarejo, vila.
ARRAIÔ = amanheceu.
ARRANCA RABO = briga, perda de controle emocional.
ARRANCAR O RABO = fumar maconha pela primeira vez, ou seja, perder a virgindade em fumar maconha.
ARRANCAR OS CABELOS = ficar desesperado, perder o controle.
ARRANCA-RABO = briga, guerra.
ARRASTÁ = pegar, levar embora, roubar, catar.
ARRASTÃO = roubo coletivo, correria.
ARRASTA-PÉ = dançar.
ARRASTAR = levar embora, rouba, catar.
ARRASTAR AS ASAS = se soltar para alguém, enamorar-se, insinuar-se para outro(a), dar indireta.
ARREBENTAR = conseguir, ganhar, vencer.
ARREBENTAR A BOCA DO BALÃO = estourar, ganhar todas, ser vitorioso.
ARREDA = sai, parti, vai-se daqui.
ARREGAÇAR  AS MANGAS = começar a fazer algum trabalho ou atividade braçal ou intelectual.
ARREGADO = forte, pomposo, cheio.
ARREGO = ajuda, mãozinha.
ARRÊIA OS PNEUS = apaixonado, cheio de amor.
ARRELIADA = atordoada, perdida.
ARREMEDA = imitar, copiar.
ARREMEDANDO = imitando, copiando.
ARREMEDÔ = imitou, copiou.
ARRENTE = a gente.
ARREPIÁ = arrepiar, medo, assustado, descontrolado, trêmulo, ficar bravo, nervoso.
ARRETÁ = mexer.
ARRETADO = excitado, agitado, nervoso, inquieto, zangado, doidão, bravo, ruim, legal, apressado, irritado.
ARRETAR = mexer.
ARRIA = desce, chega, senta.
ARRIÁ = descer, chegar, sentar.
ARRIADO = cansado, mole, caído, derrubado, entregue.
ARRIAR = se entregar, quebrar, não suportar.
ARRIBA = levanta, ergue, sobe.
ARRIBADA = levantada, animada.
ARRIBAR = levantar, animar.
ARRIÉGUA = indignação.
ARROCHADO = apertado, encrenqueiro.
ARROCHAR = apertar, pegar e apertar uma menina, dar bronca, pressionar.
ARROCHAR O NÓ = fazer algo bem feito, não errar no ponto.
ARRODEAR = dar a volta, passar pelo outro lado.
ARRODEIA = dar a volta, passar pelo outro lado.
ARRODIAR = rodear.
ARROIS = pessoa de muito papo, fala muito mas não conquista.
ARROMBADO(A) = violentado(a) sexualmente, acabado(a).
ARROXA = aperta.
ARROZ = pessoa que se acha com as mulheres, mas não passa de acompanhante, que só serve para acompanhar.
ARROZ DE FESTA = pessoa que não perde festa ou evento.
ARRUDEIA = dá volta.
ARRUDIÁ = dar a volta, contornar.
ARRUDIAR = dar a volta, fazer o contorno.
ARRUMAR SARNA PARA SE COÇAR = procurar problema.
ARRUMOU PRA HOJE = não ficou sozinho, conseguiu uma paquera.
ARTO = alto.
ARVI = árvore.
ÁRVORI = árvore.
AS'QUIÉ = acho que é.
AS'VEIS = as vezes, às vezes.
ASCO = nojo, ânsia.
ASMEIA = divide, meia a meia.
ASMUIÉ = as mulheres.
ASNEIRAS = bobagens, frases ou palavras fora de hora, fora da ordem e sem sentido.
ASPITE = pessoa que não faz outra coisa a não ser dar palpite. Vem de "assessor de palpite"
ASPONE = funcionário público sem função, apadrinhado político, desnecessário no serviço público, peso político. "Aspone" significa: Assessor de Porcaria Nenhuma.
ASSAR CARNIÇA = fazer churrasco.
ASSIM MEMU CÔ TÔ = assim mesmo que eu estou.
ASSISTIR DE CAMAROTE = não participar de alguma atividade, ficar de fora, assistir.
ASSO QUIÉ = acho que é.
ASSUNTÁ = ouvir, escutar.
ATABACUDO(A) = pessoa desligada, desatenta, despreocupada.
ATACHAR = enviar, mandar, anexar.
ATAIÁ = cortar caminho, viajar pelo caminho mais curto.
ATAZANÁ = provocar, tirar a paciência.
ATAZANAR = encher o saco, atrapalhar.
ATÉ DEBAIXO D'ÁGUA = garantia, compromisso.
ATÉ DEBAIXO DA ÁGUA = certeza, sem dificuldade, garantia.
ATIÇA = provoca.
ATIÇÁ = provocar.
ATIRADO = sem medo, exibido, corajoso, ousado.
ATIRAR = arriscar, tentar alguma coisa.
ATIRAR PARA TODO LADO = desespero, sem direção.
ATOCHAR = apertar, meter.
ATORA = cortar, serrar.
ATORÁ = cortar.
ATRAIS = atrás.
ATRITAR = provocar confusão, ficar.
ATRITO = confusão.
ATUCANAR = encher o saco, perturbar, provocar.
AUÊ = bagunça, perturbação.
AÚFA = muito e/ou bastante, trabalhou muito, cansado.
AVALIE SÓ = imagine só.
AVÉDE = não acredito, sinônimo de espanto, discordância, surpresa, questionamento, negação...
AVERTIDO = percebido.
AVERTIR = perceber.
AVEXADO = preocupado, apressado.
AVEXE = preocupação.
AVIÃO = mulher bonita, atraente, irresistível, importante, conquistador.
AVIÃOZINHO = transportador de drogas, pessoa que leva e trás coisas ou informações.
AVIL = isqueiro.
AVISSARERA = interessante, merecedora de aplausos.
AVOA NO MATO = jogar fora, jogar no mato, atirar fora.
AVOADO = distraído, sem paciência, que não presta atenção, desligado.
AVOROÇO = confusão.
AZARAÇÃO = namoro, paquera, ficar.
AZIADA = cansada, acabada.
AZUADO = perturbado, doidão.
AZUCRINÁ = tirar do sério.
AZUCRINAR = provocar, bagunçar, irritar, encher o saco.
AZULO = sumiu, pulou para trás, deu no pé.
AZUR = azul.
AZURZINHA = azulzinha.
BABACA = pessoa chata.
BABADO = fofoca, falador, língua solta, fala o que não deve para outra pessoa.
BABÃO = molão, estranho, admirador, elogiador.
BABOZEIRA = lorota, conversa fiada.
BABULETA = borboleta.
BACALHAU = mulher feia.
BACANA = ok, bom, playboy.
BACIA DO CARALHO = buraco, estrada esburacada.
BACURAU = último ônibus a passar na noite (Recife), "cata-corno" - vem de pássaro de hábito noturno.
BACURIM = filhote de porco.
BADALADA = comentada, falada.
BADALAR = comentar, falar, conversar sobre.
BAFAFÁ = converseiro, fala-fala.
BAFO DE ONÇA = bêbado, mau hálito, cheiro de pinga.
BAGAÇA = objeto, coisa, trabalho, atividade, pedido, questão, bobagem, não presta.
BAGAÇÁ = quebrar, destruir, danificar, vencer.
BAGAÇO = coisa velha, acabado, resto.
BAGAÇÔ = venceu, destruiu, danificou, quebrou.
BAGO = testículo, caroço.
BAGRE ENSABOADO = pessoa lisa, que leva vantagem, esperto.
BAGU'IO = pacote, coisa, negócio, lugar, pessoa.
BAGUÁ = legal.
BAGULHO = coisa estragada, coisa velha, alguma coisa.
BAIANADA = atrapalhada, cagada, algo errado.
BAIÃO DE DOIS = feijão com arroz.
BAITA = grande, enorme.
BAITA CAVALÃO = mulherão, mulher grande.
BAITA POTRANCA = mulher grande, mulherão.
BAITELA = grande, enorme.
BAITOLA = gay, boiola, homossexual, travesti.
BAIXA DA ÉGUA = lugar distante, longe.
BAJULAR = agradar, babar.
BALADA = festa.
BALAIO DE GATOS = rolo, confusão.
BALANGANDÃ = saco, órgão genital masculino.
BALÃO = traidor, que passa para trás, rotatória, dar calote.
BALDE DE ÁGUA FRIA = chá de negação, chá de cadeira, posto de castigo.
BALEIA = pessoa gorda, acima do peso.
BALELA = conversa fiada, invenção.
BANANA = sem postura, curvado aos outros, vai com as outras.
BANDA = lado, lado de lá e lado de cá.
BANDERA = deixar transparecer, chamando atenção, dando na cara, dica.
BANDO DE CADARÇOS = maloqueiros.
BANDO DE CRAUDINEI = maloqueiros.
BANGUELA = órgão sexual feminino, vagina.
BANHAR = tomar ou dar banho.
BANZO = ônibus, transporte coletivo.
BÃO = bom, tudo bem?, ok?
BÃOZINHO = bomzinho.
BAQUEADO = mole, acabado, tonto, cansado, bêbado, drogado, entregue.
BARANGA = mulher velha, feia, bruaca.
BARÃO = pessoa que manda no pedaço, que comanda a boca, cara, pessoa, comprimento (diga barão!).
BARATA = moça, filha de alguém.
BARATINHO = objeto
BARBA DE MOLHO = castigado, preocupado, atento, atenção, desconfiar.
BARBARIDADE = posição ou expressão de surpresa, espanto.
BARBEIRO = ruim de volante, mal motorista.
BARDA = costume.
BARRACA = briga, tumulto.
BARRACA ARMADA = pênis duro, excitado.
BARRAQUEIRO(A) = briguento(a), que caça confusão.
BARRIGA-VERDE = novato em alguma coisa.
BASSORA = vassoura.
BATATA = exato, certo, fácil.
BATATA QUENTE = problema.
BATÊ = bater.
BATE PRONTO = pegou rápido, esperto, correr.
BATÊ TRAMELA = bater papo, conversar, papear.
BATE UM PRATO = alimentar-se, comer.
BATEDOR DE CARTEIRA = trombadinha, cinco dedos, marginal.
BATENDO AS BOTAS = morrendo, partindo para o outro "mundo".
BATER AS BOTAS = morrer, partir para o outro "mundo".
BATER BOCA = entrar em confusão, discutir,
BATER CASCÃO = pedir esmola.
BATER COM A LINGUA NOS DENTES = não guardar segredo, falar demais, contar o que ouviu.
BATER PERNAS = sair, caminhar, andar, passear.
BATER SEMPRE NA MESMA TECLA = repetir, falar várias vezes.
BATER TRAMELA = falar demais, conversar muito.
BATER UM FIO = dar ou fazer um telefonema.
BATER UM LERO = ter uma conversa séria.
BATER UM LERO = ter uma conversa séria.
BATER UM RANGO = comer algo, almoçar, jantar.
BATER UMA BÓIA = comer algo, almoçar, jantar.
BATER UMA XEPA = almoçar, fazer refeição.
BATEU AS BOTAS = morreu.
BATUTA = legal.
BAÚ = ônibus, transporte coletivo.
BAXANO = baixando, abaixando.
BEATA = noviça, pessoa religiosa, que reza.
BÉBI = beber.
BEBIM = bêbedo em dobro.
BÊBO = embriagado, passado em bebida.
BEBUM = bêbado.
BEBUNÇO = bêbado.
BECK LOCO = droga, cocaína, traficante.
BEDEL = longe, distante.
BEIÇO = lábios.
BEIÇUDA = órgão sexual feminino, vagina.
BEIRA RETA = pedir esmola.
BELÊ = beleza, certo.
BELELÉU = acabar, partiu, morreu.
BELEZA = ok, aprovado.
BELTRANO = o outro.
BEM DA VIDA = sem problema, feliz, numa boa.
BEM LOKO = massa, interessante, dá hora.
BEM PREOCU = não tô nem ai.
BENGALA = Pão grande.
BENZADEUS = nossa, que coisa.
BERADINHA = beiradinha.
BERGAMOTA = laranja, mexerica, mimosa.
BERRÃO = revólver, arma de fogo.
BESSA = demais.
BESTA = atrasado, pedro bó, bobo, veículo van.
BÊUDO = bêbado.
BEXIGA = expressão de espanto. Ex: está com a bexiga; que calor da bexiga.
BIBA = boiola, homossexual, travesti, bicha, gay.
BICHA = gay, travesti, homossexual.
BICHA BOA = menina bonita, bunduda, gostosa.
BICHIM = bicho pequeno, diminutivo de bicho.
BICHINHO = forma carinhosa de chamar alguém.
BICHO DA GOIABA = pessoa esquisita.
BICHO DE SETE CABEÇAS = difícil, complicado.
BICHO FEIO = complicado.
BICHO MOLE = pessoa parada, sem iniciativa, que não vai atrás do que quer.
BICO = chupeta.
BICUDA = chutar bola com força, chutaço.
BIDET = chiclete.
BIFE = homem ou mulher bonito(a), que chama atenção.
BIGULIM = pênis, órgão genital masculino.
BIKE = bicicleta.
BILA = burca, bolinha de gude.
BILANDO = olhar alguém, fixar alguém ou algo.
BILAU = pênis, coisa velha.
BILIRO = prendedor de metal para cabelo, grampo de cabelo.
BILIZURA = beleza, coisas boa.
BILOTO = pedaço de algum objeto ou coisa.
BIRA = bebida.
BIRIMBAL = periquito, pênis, pinto, pau quando ereto.
BIRIMBAU = pênis (nordeste), instrumento musical.
BIRITA = bebida.
BIRITAR = beber a noite toda.
BIROBA = viado, gay, travesti.
BIRRIQUINHA = barriga pequena.
BISCATE = mulher sem valor.
BISCATINHA = moça dada para os outros, que vende o corpo, prostituta.
BISCOITAR A MENINA = pegar, ficar, namorar.
BIS'CRETA = bicicleta.
BISTECA = mulher boa e bonita.
BITELA = grande, enorme.
BITEROM = pênis.
BITOLA = quadrado, dentro de um espaço, controlado.
BITOLADO = tapado, com problema para aprendizagem. Dependendo da região é: pessoa preocupada com algo, que estuda muito.
BITOLAR = ter problema, assim como decorar, estudar muito, preocupar-se.
BITUCA = resto de cigarro.
BITOCA = beijo.
BIXIGA = bexiga.
BIXIGA LIXA = estar com o diabo no couro, agitado.
BIZACO = bornal, sacola.
BIZARRO = demais, sem sentido ou nexo, estranho, exótico.
BIZERRO = bezerros, novilhos, gado.
BIZÓGA = bornal, sacola.
BIZÓIA = olha, veja, perceba.
BIZÚ = pista, dica, bandeira, dá na cara.
BLOQUEADO = desligado.
BOA PINTA = legal, simpático, aparentemente boa pessoa, gente boa.
BOA PRAÇA = amigo, chegado.
BOBIÇA = coisa sem importância, abandonado.
BOBÓ = ânus.
BOBO = relógio, pessoa desnorteada.
BOCA = lugar que se comercializam drogas, lugar mal freqüentado, de marginais, lugar ruim e perigoso ou pode ser trabalho: fazer uma boca.
BOCA DA NOITE = por do sol, anoitecer.
BOCA NA BOTIJA = gritar, pedir socorro.
BOCA NO TROMBONE = gritar, pedir socorro.
BOCÓ = bobo, ingênuo, tonto, coitado.
BOCOIÓ = bocó.
BODI = bode, cabrito.
BODI EXPIATÓRIO = pessoa que vira saco de pancada, alvo de gozação.
BODINHO = pessoa playboy, cabelos longos, que se acha.
BOFE = homem.
BÓIA = comida.
BÓIA-FRIA = trabalhador rural, diarista, mensalista rural.
BOIAR = nada entender, ficar por fora do assunto.
BOIOLA = homossexual, travesti, gay, bicha.
BOLA = esperto, inteligente.
BOLÁ = pensar, elaborar.
BOLA GATO = chupador de pênis.
BOLACHA = fora, não ser querido(a) pelo(a) outro(a).
BOLACHÃO = gordo, pesado, nojo.
BOLADO = ficar sem saída, situação inesperada, preocupado, cheio, sem saída.
BOLAR = pensar, elaborar.
BOLO NO ESTÔMAGO = mal estar, passando mal, com sensação de vômito, enjôo, náusea.
BOLOU = elaborou.
BOLSINHA = pessoa ridícula, feia, que esconde objeto dentro da bolsa.
BOM BUCADO = bastante tempo, muito tempo.
BOM DA BOCA = que se acha o dono de tudo, dono do pedaço, rico, poderoso, endinheirado.
BOMBADO(A) = forte, bonito(a).
BOMBIÁ = olhar pelo buraco da fechadura.
BONACHÃO = molão, folgado.
BONECO = bagunça, confusão, encrenca, problema.
BONECOU = virou a casaca, tornou-se gay, travesti, homossexual.
BONEQUEIRO = encrenqueiro, bagunceiro.
BOQUETE = que chupa pênis.
BOQUINHA = bico, trabalhar, ganhar dinheiro.
BORA = ir, partir.
BORDUADA = pancada, cacetada.
BORNÁ = sacola, bornal.
BORNAR = sacola.
BOROCOCHÔ = triste, cabeça baixa, mole, indeciso, cabisbaixo.
BORRADO = medroso.
BORRÃO = bloco de rascunhos.
BOSSAL = desinformado, conceitos ultrapassados, otário, bobo, sem noção, besta.
BOSTIÁ = incomodar, atrapalhar.
BOTÁ = colocar, pôr.
BOTÁ SEBO NAS CANELAS = caminhar, partir, ir embora, cair fora.
BOTANDO BONECO = arrumando confusão.
BOTAR = colocar.
BOTAR A BARATINHA NO ESPETO = fazer relação sexual, penetrar o pênis na vagina.
BOTAR A PERERECA PRÁ TOMAR LEITE DE CANUDINHO = relação sexual.
BOTAR BANCA = se achar o tal, ser o maior, o bom, crescer, aparecer.
BOTAR BUNECO = arrumar confusão, aprontar.
BOTAR CHIFRE = O mesmo que botar gaia, trair.
BOTAR GAIA = O mesmo que botar gaia, trair.
BOTAR LENHA NA FOGUEIRA = provocar, atiçar ou instigar briga.
BOTAR NA FITA = apresentar alguém.
BRAÇA = medida linear ao longo de um percurso, distância.
BRAU = cigarro de maconha.
BRAZUCA = brasileiro.
BRECHA = espaço, buraco pequeno, frecha.
BREDO = mato.
BREGA = da hora, interessante, massa, cafona, fora da moda, deselegante.
BREGANHA = troca, barganha, rolo.
BREGANHAR = fazer rolo, negócio.
BREGANHOU = trocou, fez rolo.
BREGUÉÇO = coisa, algo, bagagens.
BREGUENAITH = algum objeto, coisa.
BREJA = cerveja, espumante.
BRIA = brilha.
BRÍBIA = Bíblia.
BRIGADÚ = obrigado, agradecimento.
BRIGUIÁ = trocar, fazer rolo.
BRINJELA = berinjela.
BRINQUIÁ = trocar, de mano ou não.
BROGOIÓ = pessoa idiota.
BROGUI = abobado, tonto, lero-lero.
BRONCA = chingar, falar.
BROTHER = amigo, chegado, chapa, pessoa, cara, gente boa.
BROTINHO = jovem, pessoa nova.
BROU = amigo, chegado.
BRUACA = mulher velha, feia, baranga.
BRUCUTU = ignorante.
BRUSA = blusa.
BRUTO = agressivo.
BUCADIM = bocadinho, pequeno monte.
BUCADO = feixe, quantidade, monte.
BUCHADA = fácil de fazer ou executar.
BUCHO = barriga, mulher idosa e sem atração, estômago.
BUCHO DE LAMA = pessoa barriguda, gordo(a), obeso(a).
BUCHUDA = grávida.
BUCHUDO = pessoa barriguda.
BUDEGA = bar, venda, confusão, briga, rolo, bagunça.
BUFUNFA = dinheiro, trocado.
BUJÃO = butijão.
BULÂNCIA = ambulância.
BULIÇOSO = mexelhão, que mexe em tudo.
BULINAGEM = mexer no que não é seu.
BULIR = mexer em algo ou com alguém, tirar do lugar.
BUM = estalo, lembrar repentinamente de alguma coisa.
BUNDÃO = covarde.
BUNDINHA = endinheirado, filhinho de papai.
BUNDUDA = bunda grande, gostosa.
BURACO = lugar longe, distante, ruim, bagunçado, no fim de mundo.
BURCA = bolinha de gude.
BUSÃO = ônibus, ônibus velho.
BUSCAR FOGO = pressa, rapidez.
BUTIJÃO = gordo, pançudo.
BUTUCA = atento.
BUTUCA LIGADA = atento, prestando atenção.
BUZANFA = bunda, nádegas, traseiro.
BUZÚ = ônibus, ônibus velho.
CABÁ = acabar.
CABA = homem, indivíduo, cara, pessoa.
CABA RUI = pessoa ruim.
CABAÇO = pessoa de cabeça fechada, testículos, virgem, que nunca praticou sexo.
CABEÇA = inteligente, chefe de gangue ou grupo ou organização, chefão.
CABEÇA DURA = que tem dificuldade para entender alguma coisa, que não presta atenção.
CABEÇA FEITA = que não muda de opinião, não se deixa influenciar pelos outros.
CABEÇA OCA = pessoa que parece não ter nada na cabeça, que parece não pensar, planejar, que quase nada sabe.
CABEÇÃO = que tem dificuldade para entender, difícil de entendimento.
CABEÇUDO = ignorante, ruim de aprendizagem e compreensão, bobo.
CABELELERO = cabeleireiro.
CABELERO = cabeleireiro.
CABEU = coube.
CABICEIRA = encosto, de primeira.
CABISBAIXO = cabeça baixa, triste, acabado, pensativo, arrasado.
CABÔ = acabou, acabar.
CABOCLADA = pessoas do interior, favelado.
CABRA = pessoa, animal, cara.
CABRA DA PESTE = pessoa do interior, que se acha.
CABRA DE PÊIA = corajoso.
CABRA RUIM = pessoa ruim, homem ruim.
CABREIRO = com medo, medroso, desconfiado.
CABRERO(A) = preocupado(a).
CABRITO = algo não original, produto falsificado.
CABRUNCO = coisa ruim.
CABUEIRA = mulher feia.
CABUETA = delator, dedo-duro, alguém que entrega o outro.
CABULAR = matar aula, ir à escola e não participar da aula.
CABULO = sem jeito, sem graça, encabulado.
CABULOSO = impressionante, sensacional, bom demais, pessoa chata, que enche, que aperreia, nervoso, chato, peitica, impertinente.
CAÇADORA = mulher à procura de homem, caçando homem.
CAÇAR = procurar.
CACARECO = coisa velha.
CACAREJAM = conversam.
CACAREJAR = conversar, bate-papo.
CACETINHO = pão francês.
CACHANGA = casa.
CACHOLA = cabeça.
CACHORRA = moça fácil.
CACHORRO DA MULESTA = caba da peste.
CACIMBA = poço d'água.
CAÇOAR = tirar sarro, ser indiferente, zombar.
CACOETE = chilique.
CADARÇOS = maloqueiros.
CADEIRA = costa, coluna vertebral.
CÁDENTRODINÓIS = cá dentro de nós.
CAFÉ PEQUENO = fácil.
CAFUÇÚ = trabalhador braçal.
CAFUNÉ = carinho, amor.
CAFUNGADA = cheirada.
CAGA VARA = pau no cú.
CAGAÇO = medo, susto.
CAGADA = baianada, algo errado, serviço mal feito, sorte, sortudo, defecada.
CAGADO = pessoa com sorte, sortudo, medrosa.
CAGANDO GOMA = pessoa chata ou pessoa metida.
CAGANEIRA = diarréia, dor de barriga, disenteria.
CAGAR = medo, necessidades fisiológicas, coco, defecar.
CAGAR A PAU = bater, atacar.
CAGAR O PAU = vacilar, deixar passar sem perceber.
CAGUETÁ = entregar o outro, dedurar.
CAGUETA = pessoa que entrega a outra, dedo-duro.
CAGUETE = delator, dedo-duro, entregar, dedurar.
CAI DURO = cachorro-quente, sanduíche.
CAI NA REAL = atualiza-se, fica atento.
CAIPÓRA = caipira, bobo, babão.
CAIR DO CAVALO = ter decepções, estar confiante em alguma coisa e não ser contemplado, se dar mal, se farrar.
CAIR EM CIMA = dar em cima de alguém ou bater em alguém, brigar.
CAIR FORA = sair de repente, partir rapidamente.
CAIR NA GANDAIA = bagunça, baile, festa, diversão, chegar de madrugada.
CAIR NA PILHA = que cai em mentira.
CAIR NO PAU = apanhar de alguém, entrar em briga.
CAIU A FICHA = entender, compreendeu algo.
CAIU A FOLHA DO PAU = briga feia.
CAIU DO CAVALO = se ferrou, errou.
CAIU FORA = correu, deu no pé.
CAIU NA REDE É PEIXE = tudo que conseguir é bom, tudo se aproveita.
CAIXOTÃO = ônibus.
CALA'SA = cala essa, ficar quieto (cala essa boca; pára de chorar).
CALANGO = lagartixa.
CALIPIAR = monte de aucaliptos.
CALMA!... QUANDO CHEGARMOS EM CASA VOCÊ VAI VER SÓ = ameaça, solicitação de paciência.
CAMARÃO = pessoa muito avermelhada, corada.
CAMASSADA = apanhar.
CAMBALACHO = negociatas, acordos por baixo do pano.
CAMBÃO = ônibus.
CAMBAR = baixar, negociar, trocar.
CAMBIAR = trocar, negociar.
CAMBITOS = pernas finas.
CAMBOIETA = cambalhota.
CAMBOTA = tombo, queda.
CAMELO = bicicleta.
CAMIÃO = caminhão.
CAMIAR = caminhar.
CAMIEI = caminhei.
CAMIM = caminho.
CAMPEÁ = procurar.
CAMPEÔ = procurou.
CAMPIÁ = procurar.
CANA = polícia.
CANAL = melhor caminho, o melhor (ex.: esse é o canal).
CANDANGÃO = rapaz.
CANELINHA DA TIA CHICA = mulher da perna fina.
CANGOTE = pescoço
CANHÃO = mulher muito feia, bruaca, baranga.
CANHENGUICE = pão duro, apegado.
CANTAR DE GALO = dar uma de bom, querer ser o comandante do espaço, querer dominar, querer mandar, falar alto, ser prepotente, contar e ganhar vantagem.
CANTAR PRA SUBIR = partir, ir embora.
CANTAROLAR = cantar.
CÃO = diabo, satanás.
CÃO CHUPANDO MANGA = pessoa muito feia, horrível, que se acha o bom, pensa saber tudo, acha-se o tal, o "tampa de Crush", o "supra sumo".
CÃO SARNENTO = pessoa ruim, xato.
CAPA O GATO = sai fora, vai embora, corre.
CAPÁ O GATO = sair fora, ir embora, correr.
CAPACHO = dependente.
CAPAIZ HOME = ta bom, vou pensar, vou vê.
CAPAIZLOCO VEIO = ta bom, vamos ver.
CAPIAU = pessoa zombada por ser ignorante em algum assunto.
CAPINANDO = carpindo, trabalhando.
CAPTOU? = percebeu?, entendeu?, sacou?
CAPU = capô de carro.
CARA = rosto, brother, meu, mano, amigo, colega, pessoa.
CARA CHEIA = bêbado, chapado.
CARA DE PAU = sem vergonha, entrão, saído, espontâneo.
CARA OU COROA = decisão de um impasse, por exemplo, num jogo ou brincadeira. Quando não se chega a um acordo, parte-se para o uso de uma moeda "cara ou coroa". Ganha o impasse o que escolheu a parte da moeda que cair para cima: cara ou coroa.
CARACA! = expressão de surpresa: puxa! nossa!, muito legal, legal a beça, esquecimento.
CARACAS = raiva, revolta, surpresa.
CARAI = órgão genital masculino, pênis.
CARAI DE ASA = expressão de decepção (que droga!).
CARAI VÉI! = admiração, quando algo muito sério ou muito inusitado acontece.
CARAIO = órgão genital masculino, pênis.
CARALHO = reação (espanto) ou forma de tratamento ou pênis.
CARAMBA = que coisa, o louco, ochente, puxa, rapaz (espanto), surpresa, legal, bom.
CARAMBOLA! = espanto.
CARAMBOLAS = que coisa, admiração.
CARANGO = automóvel, carro.
CARANGUEJO = pessoa que só vai para trás.
CARÃO = levar sermão, passar vergonha, bronca.
CARÇA = calça.
CARCANHÁ = calcanhar.
CARCANHÁ-DU-JUDAS = lugar distante, muito longe.
CARDIM = caldinho.
CARDIUM = caldinho.
CARDO = caldo.
CARECE = precisa.
CARECER = precisar.
CARETA = pessoa antiquada, fora de moda, mala, cara feia, atrasado, estranho, cigarro.
CARINHA = pessoa.
CARIOQUINHA = pão francês.
CARMA = calma, paciência.
CARNIÇA = churrasco.
CARNICEIRO = que gosta de coisa errada, ruim ou gente machucada, cúmplice, pessoa que segue alguém.
CARPI = capinar, limpar.
CARRANCA = mulher feia.
CARRAPATO = pessoa que fica grudado no outro, não desgruda.
CARRETA = carro.
CARRIM = carro, carrinho.
CARRINHO = skate.
CARROCERIA = bunda bonita de mulher.
CARTA BRANCA = quando uma pessoa tem autorização ou poder para fazer algo e utiliza-se do poder para fazer o que quiser.
CARTA FORA DO BARALHO = deixou de lado, descartar, abandonar, jogar fora.
CARTEADO = jogo de baralho, cortar cartas de truco.
CARUNCHO = estragado, corrompido.
CÁS = com as.
CASA DO CARAIO = vagina, lugar distante.
CASA DO CARAMBA = lugar distante, muito longe, longinquo.
CASANO = casando, cassando.
CASCA GROSSA = chato, ruim, que não faz nada.
CASCAVEL = bravo, nervoso.
CASINHA = enganar alguém para roubá-la ou mata-la.
CASINHA DA POLÍCIA = banheiro.
CASINHA-DI-SEGREDO = órgão genital feminino, vagina.
CASQUINHA = sarro, risada, tirar na cara do outro, gozação.
CATAR COQUINHO = afastar-se, ficar quieto, acalmar-se.
CATIANDO = negar alguma coisa.
CATRACADA = bronca, relação sexual.
CATREFA = pessoa sem valor, que não valem nada.
CATUCAR = mexer.
CAUSO = história ou estória, caso.
CAVALO = ignorante, bruto.
CAVALO PARAGUAIO = o que começa bem e termina mal.
CAVANDO DEFUNTO = falar mal de quem já morreu.
CAVERNOSO = pessoa feia, curubau, cão chupando manga.
CAXÃO PRO BILI = algo de errado, problema.
CDF = inteligente.
CÊ = você.
CÊ'TÁ DE VAGÁ = lento, devagar, sem fazer nada, à toa.
CÊ'TÁ DE VARGA = lento, devagar, sem fazer nada, à toa.
CEBOLA = expressão de espanto (ex: tá ca cebola; que calor da cebola).
CECESSE = que fosse.
CEGO = apaixonado, obcecado por alguém.
CEIFADO = colhido.
CÊIS = vocês.
CE-QUI-SABI = você que sabe.
CEROTO = bagaço, pó, pedaço.
CÊS = vocês.
CHÁ DE CADEIRA = castigo, ser posto de escanteio.
CHACOTA = zombaria, gozação, sarro, observação negativa.
CHAIENE = mulher bonita, "gostosa".
CHAMEGAR = namorar, se esfregar no namorado(a), fazer carinho.
CHAMEGO = cuidado, ciúme, xodó, carinho, namorar.
CHAMPINHA = tampa metálica da garrafa.
CHAPA = pode ser amigo, ladrão ou trabalhador.
CHAPADO = bêbado, cara cheia, drogado, sonolento.
CHAPAR O COCO = beber até cair, ficar bêbado.
CHARLAR = paquerar, namorar, passar hora.
CHARLOU = paquerou, namorou.
CHATO = crica, mala, impertinente.
CHEGA AÍ = venha aqui, vem cá.
CHEGÁ JUNTO = colar, não deixar escapar, encosta.
CHEGA PRA LÁ = sai, afasta-se, dá um tempo.
CHEGADO = próximo, que está ao lado, amigo, companheiro, colega, confiável.
CHEGAR = despedida: vou indo, vou chegando, vou chegar. Ou seja: ir embora.
CHEGO = chegou.
CHEGOU JUNTO = encostou, não deu trégua, está de olho.
CHEGUE = venha cá, aproxime-se.
CHEGUEI = estar de roupa que chama atenção, super arrumado, gosto duvidoso.
CHEGUEMO = chegamos.
CHEIO DOS PAU = bêbado, embriagado.
CHEIRO = abraço, beijo.
CHEPALA = chevette com motor de opala.
CHERANO = cheirando.
CHERIM = cheirinho, cheiro.
CHIBATA = surra, pancada, apanhar, objeto de bater.
CHIBATADA = apanhar.
CHIBIU = órgão genital feminino.
CHICLETE = pessoa que não desgruda, colado.
CHIFRUDA = traída pelo esposo ou namorado.
CHIFRUDO = traído pela esposa ou namorada, corno.
CHIFRUDO(A) = passado para trás pela esposa ou esposo, namorada ou namorado.
CHILICA = coceira, inquieto, elétrico.
CHILIQUE = estado psicológico altamente alterado, cacoete.
CHILIQUI = passar mal, perder o controle, ficar nervoso.
CHIMIA = Geléia.
CHINA VÉIA = cara horrível.
CHINA-PAU = soco, tapa, chute.
CHINCHAR = puxar, sossega.
CHINELÃO = sem moral.
CHIQUIM = Chico, Francisco, bem arrumado, bonito, organizado.
CHISPA = sai, cai fora.
CHÔN = terreno, data, chácara, sítio.
CHORADO = choro alto.
CHORANDO O LEITE DERRAMADO = chorando a derrota, triste.
CHORÃO = reclamação, pessoa que reclama, pechinchar.
CHORAR SOBRE O LEITE DERRAMADO = arrepender-se, reclamar.
CHORUMELA = choro aguado, choro de mentira, melado.
CHOVE E NÃO MOLHA = indeciso, perdido, não saber o que fazer.
CHOVENO = chuva.
CHOVER NO MOLHADO = algo inútil.
CHTAR O BALDE = brigar, esbravejar, falar mal, gritar.
CHUÇAR = furar, espetar.
CHULETA = bisteca.
CHUMAÇO = conjunto de alguma coisa.
CHUPÃO = beijo forte no pescoço, marca roxa na nuca.
CHUTANDO O BALDE = mandando embora, dispensando, reagindo.
CHUTAR O PAU DA BARRACA = brigar, gritar, mandar tudo para o alto, ficar bravo.
CHUTOU O BALDE = mandou embora, dispensou.
CHUVA MOLHA BOBO = chuva fraca que molha aos poucos.
CHUVÊ = chover.
CHUVER NO MOLHADO = ser redundante.
CHUVEU NO MOLHADO = falar e não ser ouvido, sugeriu e não foi atendido.
CICLANO = o outro.
CICLANO, FULANO E BELTRANO = três outras pessoas.
CICRISTA = ciclista.
CICROVIA = ciclovia.
CICULÁ = circular, ônibus urbano.
CICULAR = ônibus urbano; circular.
CIDIM = Aparecido, Cido.
CIEIRO = bagaço, pó, pedaço.
CINCO DEDOS = rápido, esperto, ensaboado, pessoa que rouba, rapa, que pega as coisas, que tributa a população sem justificativa objetiva.
CIRICUTICO = piripaque, peti, nervoso, ansiedade, passar mal.
CIRIGAITA = pessoa assanhada, metida.
CISMADO = preocupado.
CIVICO = encontro de duas paredes.
CLAMAR = reclamar, pedir socorro.
CLAPS = alçapão para pegar passarinho, armadilha.
CLAREOU = descobriu, lembrou.
CO TO = que eu estou (ex.: "é assim memo co to").
COÇÁ = coçar o corpo, enrolar no trabalho, fazer de conta que está fazendo alguma coisa, mas está enrolando.
COÇA = surra, apanhar, bater, pancadaria, pau (dar uma coça ou levar uma coça).
CÓÇA DE LAÇO = apanhar de corda ou vara.
COCOZINHO = metido a besta, a limpo, a intocável, a exigente.
CODA = bagaço.
COIÉ = colher.
COIENDO = colhendo, recolhendo, catando.
COISÁ = fazer sexo, trabalhar, fazer algo, pôr, executar.
COISA BOA = comida gostosa, mulher.
COISANDO = mexendo, torrando, cutucando.
COITADO = lascado, fudido.
COIZIA = diminutivo de coisa, coisa pequena.
COLA = pessoa que não desgruda.
COLA LÁ = chega junto, vai lá, não deixa escapar.
COLA'LÁ = encosta lá, vai lá.
COLADO = pessoa que não descola, mais que amigo.
COLAR O BRINCO = dar uma surra, agredir alguém, ameaçar brigar.
COLAR O VELCRO = sexo entre duas mulheres.
COLARINHO BRANCO = rico, metido, que se acha.
COLOCAR A BARBA DE MOLHO = ficar atento, tomar cuidado, ficar preocupado, se preparar para situações adversas, reais e preocupantes.
COLOCAR NOS EIXOS = organizar, acertar.
COM A CORDA NO PESCOÇO = sendo pressionado, com pouco tempo.
COM O REI NA BARRIGA = achando-se importante, o(a) tal. Vem do período monárquico, quando alguma mulher ficava grávida do rei e, assim, carregava o rei na barriga, achando-se importante por dar luz a um herdeiro.
COM'OCÊ = como você.
COMÊ BARRIGA = errar, passar batido.
COMÊ MOSCA = boca aberta.
COMÊ O CÚ = receber bronca, ser chamado atenção.
COME QUIETO = aquele que faz as coisas sem alarde, calado conquistador.
COMÊ UM TREM = alimentar-se, jantar, almoçar, tomar café.
COMÊ UMA MUIÉ = transar, fazer sexo, afogar o ganso, molhar o biscoito.
COMÉDIA = coisa engraçada.
COMENDO O BOFE = dando bronca, homossexual.
COMÉ-QUI-É = como é que é.
COMER BROCHA = passar por apuros, dificuldades (ex: comi brocha para mudar o pneu do carro, passei apurado).
COMER UM TREM = alimentar-se, comer alguma coisa.
CÔMIDA = kombi.
COMPRÁ = comprar.
COMPRAR GATO POR LEBRE = ser passado para trás, enganado.
CONFEITO = balas ou outros docinhos.
CONHECÊ = conhecer.
CONOMIA = economia.
CONTÁ = contar, falar, dizer alguma coisa, somar.
CONTA = soma aritmética, resultado.
CONTECE = acontecer.
CONTI = conte, contar, falar.
CONTINUÁ = continuar, seguir em frente.
CONTO = dinheiro antigo, piada, causo.
CONTRA-CHEQUE = Holerite.
CONVERSA FIADA = jogando conversa fora, falando o que não sabe, lero-lero.
CONVERSA SEM PÉ NEM CABEÇA = conversa sem sentido, converseiro.
COPEIA = copiar, colar.
COQUI = côcora.
CORDA = sogra.
CORDEIRO = gostar de contar vantagem, metido(a).
COREADA = prato de comida, colherada.
CÓRGO = córrego, rio, riacho.
CORNO = traído pela esposa ou namorada.
CORNO CHURRASQUEIRO = homem que coloca a mão no fogo pela mulher.
CORNO ELÉTRICO = é traído e está ligado para flagrar a traição.
CORNO MANSO = sabe que está sendo traído e nada faz.
CORNÔMETRO = cronômetro.
CORO = couro.
CORÔ = larva em milho em Goiás.
COROA = pessoa velha.
CORPO MOLE = enrolação, faz que faz e nada faz.
CORRÊ = correr.
CORRENO = correndo.
CORRENO-ZÓIO = olhando de lado, de olho, paquerando.
CORTAR UM DOBRADO = se segurar, resistir.
CORTAR VOLTA = passar longe, dar a volta.
COSTA QUENTE = tem apoio, tem alguém por trás, protegido.
COTISPAR = ficar gripado, engripar.
COTOCO = gesto obsceno com o dedo do meio da mão.
COTÔCO = resto, pedaço, sobre.
COURO DE RATO = nota de um real.
CRÁPULA = cara-de-pau, que não presta, não segue regras, vagabundo, extravagante da vida, sem escrúpulo.
CRAUDINEI = maloqueiros.
CREDO = susto, exclamação!
CRÊÊNDIOS = meu Deus!
CRÊENDIOS PAI = exclamação quando algo dá errado, meu Deus.
CRÊ-IN-DEUS = acredita em Deus, crê em Deus.
CRIADO PELA AVÓ = pessoa metida, envaidecida, delicada, não me toque.
CRIANÇA = pessoa muito forte.
CRICA = chato.
CRICRI = chato.
CRIDITA = acredita.
CRIDITEI = acreditei.
CRÓQUE = cócora, agachado.
CRUIZ-CREDO = sai para lá, estou longe de você, estou fora.
CRUZ CREDO = susto, admiração.
CRUZETA = cabide de roupa.
CÚ DOCE = fresco, metido, pessoa que enrola, menina galinha, patricinha.
CU VIRADO = bravo, revoltado.
CU'CÊ = com você.
CÚ'DOCE = patricinha, menina galinha.
CU'ELA = com ela.
CUCA = cabeça.
CUCURUCO = alto ou pico da cabeça.
CUDIGUIM = miúdos de porco em tripa, ou seja, chouriço "branco" dos miúdos do porco.
CUIDEMO = cuidar.
CUIÉ = colher.
CUIRTIBA = Curitiba.
CUITADO = coitado.
CUITIBA = Curitiba.
CULPA NO CARTÓRIO = devedor.
CUM = com.
CUM = com. Junto.
CUMA = com uma.
CUMADI = comadre.
CUMBUSTIVE = combustível.
CUME = comer.
CUMÊ = comida, alimentação, almoçar, jantar, tomar café.
CUMÉ = como.
CUMEÇÁ = iniciar, começar.
CUMENDO-BARRIGA = enganando-se, passando despercebido.
CUMENTANDO = comentando.
CUMENTAR = comentar.
CUMÉ-QUI-É = como é?
CUMEU-BARRIGA = se enganou, passou despercebido.
CUMIAR = caminhar.
CUMIDA = comida.
CUMIGO = comigo.
CUMO? = como?
CUMPADI = compadre.
CUMUÉ = como é.
CUNTINUÁ = continuar.
CURISCO = rápido.
CURRÁ = curral de fazenda ou sítio onde fica o gado.
CURTI = ouvir.
CURTI UM PESO = ouvir um rap.
CURUBAU = menina ou menino feia(o).
CUSP = vixi, nossa, sai para lá.
CUSPINDO FOGO = bravo, nervoso, com raiva.
CUSTA O OLHO DA CARA = muito caro, preço fora do normal, exorbitante.
CUSTIPADO = gripado.
CUSTOMIZAR = levantamento de custo, calcular.
CUTUCAR = mexer.
CUTUCAR A ONÇA COM VARA CURTA = mexer, provocar.
CUTUCO = mexeu, beliscou.
CUVIOCO = lugar pequeno e pobre, buraco, favela.
D.J. = disque jóquei.
D'OCÊ = de você.
D'UM = de um.
DA A CARA A TAPA = apanhar.
DA ÁREA = ir embora, sair fora, correr.
DA BALÃO = passar alguém para trás, pegar emprestado e não devolver.
DA BANDERA = chamar atenção, se aparecer, dar dica.
DA COM A MÃO = fazer sinal com a mão, abanar a mão, tchau.
DA FÉ = perceber, cair na real.
DA GOTA = demais, muito bom, legal. Ex: essa cerveja é da gota de boa! É boa demais. Também pode significar coisa ruim.
DA HORA = legal, bacana, referência, agradável, sucesso, interessante, muito bonito, muito bom, da moda, massa.
DA MODA = legal, bacana, interessante, muito bonito.
DA NA CARA = bandeira, indireta, bater.
DA NO CORO = transar.
DÁ O BOTE = pegar de surpresa, pegar no flagrante, roubar alguém.
DA O LAVRA = sair de repente, dar o fora, partir rapidamente.
DA O TIRO PELA CULATRA = se dar mal, cair do cavalo.
DA OS PULOS = se vira, cai na real.
DA OU DESCE = combinou ta combinado, não pular para trás.
DA PÁ VIRADA = pessoa louca, imprevisível.
DA PINOTE = pular.
DA PRA TRÁS = desistir de algo.
DA RATA = cometer garfe.
DA SABÃO = passar o outro para trás, dar uma bronca, chamar a atenção.
DA UM AR = fica quieto, pára, dá licença, dá um tempo.
DA UM CAGÃO = defecar.
DA UM CHEIRO = agarrar, namorar, paquerar.
DA UM CHOQUE = chamar a atenção, trazer à realidade.
DA UM CORRETIVO = bater, ensinar usando a força.
DA UM PERDIDO = se despistar de alguém, enganar.
DA UM ROLÊ = conhecer lugar diferente, passear, sair.
DA UM ROLÉ = dar uma volta.
DA UM TAPA = fumar cigarro de maconha.
DA UM TEMPO = espera, paciência, saí, chega pra lá, mantém a calma.
DA UMA = fazer sexo.
DA UMA = transar, fazer ou praticar sexo.
DA UMA CARREIRA = correr, sair em disparada.
DA UMA MIJADA = advertir, chamar a atenção.
DA UMA PASSADA = ser rápido, passar rapidamente, ler rápido.
DA UMA PEDRADA NA GATINHA = investir sobre uma garota, jogar conversa em uma garota, aproximar-se.
DÁ UNS QUEBRA = amassar uma garota ou garoto, dar uns amassos, agarrar alguém, passar hora, enrolar.
DA VIDA = prostituta, quenga.
DA-DE-DEDO = tomar ou tirar satisfação, ameaçar.
DANÇAR = se ferrar, perder, ficar sem nada, ser passado para trás, enganado.
DANÇAR MIUDINHO = virar-se, ser rápido, correr, apressar-se.
DANÇOU = se ferrar, perdeu, ficou sem nada.
DANDO UMA DE MANÉ = fazendo-se de bobo, esperto.
DÁ-NO-CORO = vencer, ser vitorioso.
DA-NO-PÉ = correr, sair em disparada.
DANTONTI = antes de ontem, dois dias atrás.
DA-O-FORA = correr, se esconder, sair correndo, sair de repente, cair fora, partir rapidamente.
DAR A MÃO À PALMATÓRIA = apanhar, reconhecer que errou.
DAR ÁREA = cair fora, ir embora.
DAR AS CARAS = aparecer, chegar, fazer-se presente.
DAR COM OS BURROS NA ÁGUA = não conseguir, não conquistar, perder.
DAR DURO = esforçar-se, trabalhar muito.
DAR RIPA NA CHULIPA = sair, partir, deixar quieto.
DAR UM BOLO = passar para trás.
DAR UM DEDÃO = chutar.
DAR UM MIX = dar uma volta.
DAR UM PITI = ficar alterado, irritado, agressivo, cacoete, chilique.
DAR UM ROLÊ = sair, passear.
DAR UM TROÇO = gritar, perder o controle de si, espernear, falar alto, esbravejar.
DAR UMA DE ESPERTO = jogar verde, fazer-se de bobo.
DAR UMA MÃO = contribuir, ajudar, possibilitar, empurrar.
DAS ANTA = algo antigo, velho, histórico, antigamente.
DAS ANTIGA = algo antigo, velho, histórico, antigamente.
DATA = lote, terreno.
DE BARRIGA PRA CIMA = folgado, parado, à toa, sem fazer nada.
DE BRAÇOS DADOS = juntos, dupla.
DE BUNDA PRO AR = sem fazer nada, vagal.
DE CAPELINHA EM CAPELINHA = indivíduo que anda de tasco em tasco, de bar em bar, que toma dois copos, um bêbado. Gíria mais utilizada em Portugal.
DE CARA = não estar doidão, se surpreender com algo.
DE CASACA VIRADA = inquieto, agitado.
DE CUMÊ = pedir comida (dê cumê?).
DE FININHO = despercebido, sair quieto, escondido, sorrateiro.
DE HOJE A OITO = daqui a uma semana, de hoje a oito dias.
DE JEITO MANEIRA = de modo algum.
DE MOLHO = de castigo, sendo corrigido.
DE OLHO ABERTO = atento, vigiando.
DE ORELHA EM PÉ = desconfiado, atento, alerto, escutando tudo.
DE PAPO PRO AR = descansando.
DE REVESGUEIO = de um tal jeito, de lado.
DE ROCHA = papo sério, conversa séria, sem enrolação.
DE ROSCA = algo difícil de ser realizado, duro de sair, demorado (ex: parece estar de rosca).
DE SACO CHEIO = chateado, chegando ao limite.
DE UM TUDO = de tudo.
DE VARGA = parado, sem fazer nada, à toa.
DE VENTO EM POPA = sucesso, tudo correndo bem, maravilha.
DE VEREDA = rápido, ligeiro.
DE VOADO = rápido, rapidamente, ligeiro.
DE'AS'MEIA = vivendo junto, namorando, dividindo o teto, morar "de meia parede".
DÉ'REAL = dez reais.
DE'VARDE = à toa, sem fazer nada.
DECHA = deixa.
DECHÔ = deixou, deixar.
DEDADA = tacar ou tocar o dedo no ânus.
DEDEL = demais, muito (exemplo: quente pra dedel; feio pra dedel).
DEDO-DURO = caguetador, pessoa que delata alguém, dedar.
DEDURAR = entregar.
DEITÁ = deitar.
DEITAR COM AS GALINHAS = deitar cedo.
DEITAR O CABELO = partir, sair, picar a mula, escafeder.
DEIXA BAIXO = esquece, deixa pra lá, deixa quieto.
DEIXA DE ONDA = para de falar besteira, deixa de mentir.
DEIXA EU TE FALAR = anteceder qualquer assunto sério.
DEIXA PRA LÁ = esqueça, não foi nada.
DEIXA QUÉTO = deixa pra lá, esquece.
DEIXAR PASSAR = deixar quieto, deixa pra lá, fazer de conta que não viu.
DEIXAR PRA LÁ = deixar quieto, deixar passar, não considerar.
DEIXAR QUIETO = deixar passar, deixar pra lá, não considerar.
DEIXE DE ONDA = parar de enrolar, falar besteira ou mentira.
DEMONHO = xingamento, forma de tratamento negativo.
DEMOROU = espera prolongada, lerdeza, devagar, poderia ter sido rápido.
DENGO = manha, malandragem.
DENGOSA(O) = chorão, chorona.
DENTIQUERO = dente-do-ciso.
DERREIÁ = derreter, desmanchar.
DÉRRÉIA = diarréia, caganeira, dor de barriga, disenteria.
DERRETEU-SE = entregou-se, sorriu.
DES'ULIVRE = Deus o livre, Deus me livre.
DESACORSOADO = desanimado, triste, sem perspectivas.
DESBOCADO = fala o que pensa, sem dente, alterado.
DESCABELAR O PALHAÇO = masturbar-se.
DESCALÇO = menor de idade.
DESCARTADO = despedido.
DESCASCANDO ABACAXI = resolvendo problemas.
DESCE A RIPA = crítica, bravo, "mete" a boca, bate.
DESCE PRÁ BAIXO = descer.
DESCER A LENHA = brigar, bater, dar tapas, chutes, murros...
DESCER A RIPA = criticar, ficar bravo, "meter" a boca, bater.
DESCER PRÁ BAXO = descer, estar no alto e chegar embaixo.
DESCEU A RIPA = bateu.
DESCOBRINDO PELO EM OVO = bisbilhotando, de olho, olhando.
DESEMBAÇA = sai da frente, sai de perto.
DESEMBESTADO = abobado, sem rumo.
DESENROLADO = esperto, bom.
DESGRENHADO = desarrumado, bagunçado.
DESIMPORTA = não se importa.
DESINSUFRIDO = sem paciência, agitado, apressado.
DESLEMBRA = esqueceu, não lembra mais.
DESMANTELO = desmantelar, demolir, arruinar, derribar, derrubar.
DESMIOLADO(A) = biruta.
DESNUDA = sem roupa, pelado.
DESNUTRIDO(A) = magro(a).
DESPACHAR = matar, eliminar com alguém.
DESPACHAR O CARA = mandar embora, enviar para lugar distante, matar alguém.
DESSA FRUTA COMO ATÉ O CAROÇO = gostar verdadeiramente de algo.
DESTRAMBELHADO = desastrado, descuidado, abestado.
DETONAR = falar o que o outro não espera ouvir, acabar com algo, arrasar, terminar, abafar... Também poder ser ruim, estragado...
DEU = ok, pronto, certo, perfeito.
DEU ÁGUA = deu problema, deu zebra.
DEU BODE = estragou, foi surpreendido, deu errado.
DEU BOLO = marcou com alguém e não cumpriu.
DEU GRILO = confusão, rolo, problema.
DEU MIGUÉ = enganou, passou para trás.
DEU NO CORO = venceu, foi vitorioso.
DEU NO PÉ = correu, saiu em disparada.
DEU PITI = dar ataque de nervoso, perder o controle, chilique.
DEU? = está pronto?, acabou?
DEU'ZICA = deu zebra, deu problema.
DEUS LHE PAGUE = forma ou expressão de agradecimento.
DEUS'O'LIVRE = Deus que me livre, Deus o livre.
DEUSOLIVRE = Deus o livre.
DEVOGADO = advogado.
DEXA = deixa.
DEXÁ = deixar, autorizar.
DEXOVÊ = deixe eu ver.
DI = dei algo, presentear, doação, deu.
DI A PÉ = a pé.
DI'BOA = tranqüilo, sossegado.
DI'CUMÊ = de comer.
DI'OCÊ = de você.
DI'PÉ = em pé, de pé.
DI'PRIMEIRO = antigamente.
DI'QUI JEITO = de que jeito.
DI'VEIS = de vez.
DIABEISSO = o que é isso?
DIABE-ISSO? = o que é isso?
DIABOÉISSO = o que é isso?
DIBAIXO = debaixo, por baixo.
DIBUIAVA = debulhar, debulhava, descascar.
DICI = descer.
DICOMENTO = documento.
DIÇONÁRO = dicionário.
DIFICI = difícil.
DIGA = dizer, falar, escrever.
DIJAOJE = há pouco tempo, agora há pouco.
DIMAIS = interessante, legal.
DIMAISI = demais.
DIM-DIM = dinheiro, grana.
DIMDIM = dinheiro.
DIMINÓI = diminui, diminuir.
DINDIN = dinheiro.
DIPÉ = a pé, em pé.
DIRMANTELO = demolir, derrubar, desmantelar.
DISAOJE = há pouco tempo, agora há pouco.
DISCANSO = descanso.
DISCONCORDAR = descordar.
DISCONJURAR = estranhar.
DISCONJUROU = estranhou, estranhando, ficou abismado.
DISCOSTA = de costa, desatencioso.
DISDENTADO = banguelo, sem dente.
DISFEIZ = desmanchou alguma coisa, desorganizou.
DISGRAÇADA = desgraçada.
DISGRANHENTO = desgraçado.
DISIMPORTA = não se importa.
DISINTIRIA = disenteria.
DISLEMBRA = esqueceu, não lembra mais.
DISNUDA = sem roupa, pelado.
DISOCUPADA = desocupada.
DISPOIS = depois.
DIVAGÁ = devagar, quase parado.
DIVAGARIM = devagar, quase parando.
DIZÊ = dizer.
DIZINFILIS = infeliz, sem felicidade, dessa infeliz.
DÓ = pena, compadecido.
DO TEMPO DO RONCA = muito antigo, velho demais.
DO'REAL = dois reais.
DOBRAR = conquistar alguém, convencer, conversar, levar na conversa.
D'OCÊIS = de vocês.
DOECEU = adoeceu.
DONA = namorada, propriedade.
DONA MENINA = tratamento a uma mulher que não sabe o nome.
DONDOCA = mimado, bobo.
DONDOQUINHA = mimadinho, bobinho.
DONZELA = pessoa que se acha tal, que pensa que é, pensa que o mundo roda em torna dela, pessoa preguiçosa.
DOR DE VIADO = dor abdominal após beber além do limite e executar esforço depois.
DORMINO = dormindo.
DORMIR DE TOUCA = bobear, perder, se ferrar.
DORMIU AMARRADO = guloso.
DOS = nos.
DOSE PRA ELEFANTE = bastante, muito.
DOTÔ = doutor.
DRENTO = dentro.
DROBADO = dobrar, dobrado.
DU CARAMBA = muito legal, legal a beça.
DUENTE = doente, com falta de saúde.
DUM = do.
DUMA = de uma.
DUNHA = pessoa sem importância.
DURMI = dormir, adormecer.
DURO = sem dinheiro, pasmado.
DUVIDE-O-DÓ = duvidar.
É AH! = espanto, admiração.
E AÍ = chamamento, oi, hei, interjeição.
E AÍ CABEÇA? = cumprimento a pessoa que é cabeça feita.
E APÔI = e então, é.
É BEM AÍ ASSIM = é logo ali; é perto.
É DE CAÍ O CÚ = decepção, desilusão.
É DE LAMBER O BEIÇO = mulher bonita, gostoso ou gostosa.
É FODA! = complicado, difícil de realizar.
É FRIA = arriscado, perigoso.
É LOCO DE JAGUARÁ = pessoa de má índole.
É LOGO ALI = próximo, perto.
É MASSA = demais, fantástico, fora de sério.
É MEMO? = é mesmo?
É MERMO = é mesmo.
É PÁ CABÁ = é para acabar.
É PÁ'CABÁ MESMO = é o fim.
É RUI EM = reação a uma decisão. Exemplo: terás que arcar com as consequências. Terás que dar pensão.
É UÉ = sim, ok, é.
ÉÉÉÉGUA = espanto (ochente, ô louco...).
ÉGG = sim, ok.
EITA = exclamação.
EITA BIXIGA = expressão de espanto.
EITA BORRACHA = espanto.
EI-TÁ-PREULA = abismado, ficar impressionado.
EITO = várias coisas ao mesmo tempo.
EIXO = menina bonita.
EM MAUS LENÇÓIS = que algo não agradável aconteceu ou vai acontecer, estar sem saída.
EM RIBA = em cima.
EM TUDO QUE É BURACO = lugar afastado, escondido, fora de rota, qualquer lugar.
EMBAÇADO = enrolado, pessoa que faz cera, enrola.
EMBAÇAR = enrolar, demorar a fazer algo, fazer algo lentamente, fazer cera ou encerar.
EMBACIADO = sujo, embaçado.
EMBARCAR EM CANOA FURADA = se dar mal.
EMBARREIRANDO = atrapalhando, impedido, cercando.
EMBORCAR = virar.
EMPACOU = inerte, parado, indisposto.
EMPANTURRADO = cheio, entupido.
EMPANTURRAR = comer demais, encher o estômago, guloso.
EMPAPADO = comeu de demais, farto, cheio.
EMPIRIQUITADO(A) = bonito(a), bem arrumado(a), que chama a atenção.
EMPURRAR = enrolar.
EMPURRAR COM A BARRIGA = enrolar, devagar.
ENCABULADO = abismado, envergonhado, de queixo caído, impressionado.
ENCAFIFADO = pensativo, pensando, imaginando, preocupado.
ENCAFIFOU = pôs na cabeça, pensativo, ficar repetindo uma idéia ou informação.
ENCARNADO = vermelho, da cor da carne, de casaca virada, inquieto.
ENCERAR = enrolar, demorar a fazer algo, fazer algo lentamente, fazer cera.
ENCHENDO LINGÜIÇA = enrolando, passando o tempo, passando o outro para trás.
ENCHER LINGUIÇA = falar desnecessariamente, encher o saco, falar muito, explicar pouco.
ENCHER O BUCHO = comer, ficar satisfeito.
ENCHERIDO = curioso.
ENCOSTAR NA PAREDE = encurralar, pressionar.
ENCROADO = preguiçoso, encolhido.
ENCURRALADO = preso, posto em um canto.
ENFADADO = cansado, esgotado.
ENFADONHO = conversa fiada, patinação.
ENFARADA = saco cheio, saturada.
ENFIA NO NARIZ = joga fora, descartar.
ENFIAR A VIOLA NO SACO = se mandar, ir embora após levar bronca e ficar chateado.
ENFIOU NO NARIZ = jogou fora, descartou, colocou, escondeu, guardou em lugar que não é visto.
ENFORCAR O DIA = não ir trabalhar.
ENGABELAR = pegar, catar, esconder.
ENGANA = mente, passa o outro para trás, logra.
ENGANAR = mentir, passar o outro para trás, trapacear, lograr.
ENGOLINDO O SAPO = fazendo de conta que não viu ou ouviu, ficando quieto, deixando passar alguma situação para não criar problema.
ENGOLIU A LÍNGUA = estar mudo, greve de fala.
ENGOLO = engulo, engolir, comer, devorar.
ENGOMA = passa.
ENGOMADO = passado, limpo, certinho.
ENGOMADOR = ferro de passar roupa.
ENJOADO = exigente, mal humorado, antipático.
ENROLÃO = pessoa que só fala e não cumpre.
ENROLAR = passar outro para trás, calotear.
ENSACAR A VIOLA = partir, chegar, quietar-se, ir.
ENSEBAR = enrolar, deixar passar o tempo.
ENSINAR O AMIGO DO INTERIOR A NADAR = cagar, defecar.
ENTÃO = certo, concordando.
ENTOJAR = enjoar, comer demais.
ENTOJOU = comeu demais, enjoou.
ENTRA POR UM OUVIDO E SAI PELO OUTRO = não merece crédito, fazer-se de surdo, fazer de conta que não escutou, que não tomou conhecimento.
ENTROU PELO CANO = se ferrou, saiu-se mal, deu-se mal em alguma coisa.
ENTROXA = enfia.
ENTURMADO = pessoa que se fez amigo de outros com rapidez, que se enturmou, se aproximou, fez amizade, que conhece todos, junto.
ENTURMAR = fazer amizade, compor um grupo com facilidade.
ENXAME = bagunça, alvoroço, corre-corre.
ENXAMISTA = pessoa que provoca alvoroço, que provoca enxame.
ERVA XIDRERA = Erva cidreira.
ESBANDALHADO = bagunçado, jogado, desarrumado.
ESCAFEDER = sumir, partir, picar a mula, deitar o cabelo.
ESCAFEDEU = sumiu.
ESCALÃO = pessoa que se auto-escala, se auto-convida para alguma coisa, entrão.
ESCALAR = pessoa que se auto-escala, se auto-convida.
ESCALDANTE = quente.
ESCAMBAU = fora, se lascar.
ESCAMBO = troca, rolo.
ESCAPULIU = escapou.
ESCARCEL = grito, barulho, bagunça proveniente o medo e susto.
ESCARRO = não querer alguém por perto, limpar o espaço.
ESCREVEU NÃO LEU, O PAU COMEU = levar bronca.
ESCRIVIDO = escrito.
ESCROTO = pessoa que se garante, pode ser coisa interessante, legal, boa.
ESCUITÁ = escutar, ouvir.
ESGANADO = egoísta, com fome.
ESGUALEPADO = doente, abatido.
ESGUÊ = troncho, bobo.
ESI = esse.
ESMAGRECER = emagrecer.
ESPARRELADO = caiu esparramado no chão.
ESPARRO = coisa exagerada.
ESPATIFOU = quebrou, arrebentou-se.
ESPERÁ UM PEDACINHO = ter paciência, esperar um minuto, dá um tempo.
ESPIÃO = dedo duro, que leva informação.
ESPIÃO DA CASA DO CARAIO = ginecologista.
ESPICHAR = deitar, acomodar.
ESPINHAÇO = costa, coluna cervical.
ESPOCAR = estourar, explodir, pipocar.
ESPORRO = bronca.
ESQUEMA = ter chance com alguém, corrupção, projetar alguma coisa, ficar com alguém, trapaceiro, comprar alguém, malandragem.
ESQUENTAR O BANCO = sentar.
ESQUIAR = sair, fugir.
ESQUIAR-SE = sair de fininho, fugir de mansinho.
ESSE UM = esse.
ESTALO = lembrar, lembrança.
ESTAR COM A BEXIGA LIXA = estar com o cão no couro, agitado, bubônica.
ESTAR COM A CACHORRA = bravo, nervoso, agitado.
ESTAR COM A FEBRE DO RATO = muito irritado, muito arretado.
ESTAR COM A MACACA = nervoso, bravo, revoltado, esquisito, descontrolado, enrolado.
ESTAR COM O PÉ NO ESTRIBO = preparando-se para viajar.
ESTAR NO RATO = sem namorado(a) há muito tempo.
ESTATALADO = arregalado, grande, esparramar-se no chão.
ESTIBADO = rico, cheio da grana.
ESTORGA = Astorga.
ESTRELA = pessoa metida, que se acha o tal.
ESTRELÃO = futebol ou jogo de botão.
ESTRELINHA = pessoa metida, que se acha o tal.
ESTRIBADO = rico, endinheirado.
ESTROVA = atrapalha.
ESTROVENGA = órgão sexual masculino.
ESTRUPO = estupro, coito forçado, violentação.
ETA = braveza, espanto.
ETA PIÁ VÉIO = expressão de tratamento, só podia ser você.
EU ACHO É POUCO = expressão de desprezo, escárnio, maldição. Em Olinda/PE, é também nome de um dos blocos que desfilam no carnaval.
EU DI = eu dei.
EU ME ABRO = ri de alguém ou de alguma coisa, de alguém ou de alguma piada.
EU TE AJEITO NEM QUE SEJA NA PANCADA! = raiva, ameaça.
EU TE AJEITO NUMA PANCADA SÓ! = ameaça de agressão.
EXPEDIÊNCIA = atitude.
EXPRIMENTAR = experimentar.
EXPRIMENTE = experimente.
FACA E QUEIJO NA MÃO = tudo à disposição, fácil.
FAÇA O QUE PEÇO E NÃO O QUE FAÇO = não seja burro, seja inteligente.
FACÃO = esperto, esperteza, rápido, passar a mão, roubar.
FACÇÃO = gangue.
FÁCIR = fácil.
FADO = peso, volume.
FAGULHEIRO = ânus.
FAIÔ = falhou, falhar.
FAISCA = trabalhador individual, só, empreiteiro.
FAISCAR = trabalhar por conta própria, trabalhador diarista ou empreiteiro, só.
FAISMASSEGE = faz massagem.
FAIZ = faz, fazer.
FALA FEI? = e ai, tudo bem?
FALA LOCO VÉIO = pedindo para falar.
FALA SÉRIO = sem cabimento, não acredito, modo de expressão significando: "verdade?".
FALÁ SOCADO = falar para dentro.
FALA-FALA = converseiro.
FALAR ABROBRINHA = falar besteira, falar o que não deve.
FALBÉTICA = alfabética.
FALEMO = falamos.
FALÔ = falou, é isso ai, ok, tchau.
FALOU DEMAIS = disse o que não devia, se comprometeu.
FANIQUITO = estado psicológico medianamente alterado.
FARDA = uniforme.
FARTA = falta.
FASTAR = afastar, recuar.
FAVUCA = favela, cortiço, região pobre.
FAZ ME RIR = dinheiro.
FAZENDO ONDA = enrolando, passando o tempo.
FAZER = transar, fazer sexo.
FAZER BONITO = fazer certo, bem feito, dar show.
FAZER CERA = enrolar, embaçar, demorar a fazer algo, fazer algo lentamente ou encerar, sacanear.
FAZER HORA = enrolar, embaçar, sacanear, passar o tempo.
FAZER MÉDIA = puxar o saco, fazer-se de amigo, encostar.
FAZER PONTO = estar em determinado lugar para esperar ou sair com alguém.
FAZER TEMPESTADE EM COPO D`ÁGUA = criar problemas, provocando, bagunçando.
FAZER UM BICO = pegar um trabalho de poucos dias, trabalhar.
FAZER UM GANCHO = ligar um ponto ao outro, uma conversa à outra.
FAZER UM QUILO = comer, alimentar-se.
FAZER UMA BOQUINHA = alimentar-se, jantar, almoçar, tomar café, comer alguma coisa, fazer um bico,: trabalhar, ganhar dinheiro.
FECHA A BOCA E COME! = ameaça, motivação, contradição em fechar a boca e comer.
FECHAR A TRAMELA = pedir para ficar quieto, parar de falar, fechar a boca.
FECHE A CARA = Fique sério, chega de brincadeira.
FECHEI O ZÓIO = preocupação, medo.
FEDEU = deu errado, deu zebra.
FEITO NAS COXAS = fazer algo de qualquer jeito, rapidamente, sem a devida atenção, com desleixo.
FENO = capim.
FERRADO = sem saída, marcado, frito, fudido, lascado, armado.
FERVO = festa, baile, rela-bucho.
FESSOR = professor.
FESSORA = professora.
FÍ DE MARIA PENTEI! = filho da puta, desgraçado...
FI DUMA ÉGUA = ato de xingar, falar mal.
FÍ DUMA ÉGUA = xingamento.
FIA = filha.
FIA DA MÃE = filha da mãe.
FIA DA PULÍCIA = filha da polícia.
FIANCO = de lado.
FICÁ = namorar, dar uns beijinhos no(a) outro(a).
FICA FRIO = fica calmo, mantenha-se calmo, relaxa, não se preocupar.
FICA NA MIÚDA = cala a boca, fica quieto, fica calado.
FICA NA MORAL = fica quieto, calado.
FICA NA SUA = fica quieto, não dar bandeira.
FICANTE = paquera, namorado(a).
FICAR = namorar, dar uns beijinhos no(a) outro(a).
FICAR A VER NAVIOS = sem entender nada.
FICAR ATENTO = cuidar, não deixar escapar.
FICAR COM A PULGA ATRÁS DA ORELHA = preocupado.
FICAR DE MOLHO = inativo, parado, sem iniciativa.
FICAR DE OLHO = ficar atento, paquerar, xavecar.
FICAR GRILADO = atento.
FICAR NA TANGA = ficar sem nada, ficar com vontade.
FICAR NAS MANHA = ficar quieto.
FICAR POR CIMA DA CARNE SECA = ganhar todas, ser vitorioso.
FICAR PRA CONTAR A HISTÓRIA = sobreviveu, único que escapou.
FICAR SEM TERRA NOS PÉS = ficar sem suporte ou apoio.
FICAR TANTÃ = abobado, abestado, retardado.
FICAR TUCAIANDO = ficar vigiando as coisas, cuidando.
FICÔ = ficou.
FICOU = namorou, deu uns beijinhos no(a) outro(a).
FICOU JOGADO = abandonado, largado.
FICOU NA PISTA = faltou rapidez, deu mole, passou vergonha.
FICOU NO VÁCUO = ficou sem entender, perdido.
FICOU PEQUENO = mal visto, mal falado.
FIETI = fiat.
FIGO = fígado de boi.
FIHICO = filhinho.
FII = filho.
FILÁ = pegar alguma coisa sem pedir permissão, dar em cima de alguém.
FILÁ = pegar, catar.
FILÁ NAS PROVAS = colar nas provas.
FILÃO = que pega coisas sem autorização ou que se acostumou a pedir algo, a exemplo de comida.
FILÉ = mulher ou homem bonito(a), gatinha ou gato, objeto de primeira, coisa boa e gostoso(a), gostosa, boa de corpo.
FILÉ SUPIMPA = muito legal, bom, bonito(a).
FILEZINHO = menina bonita, boa, gostosa.
FILHO DE PAPAI = pessoa que vive em vida boa, acariciado, mamado.
FILHOTE DE CRUZ-CREDO = homem muito feio.
FILIZ = feliz, contente.
FINCA = cravar.
FINCÁ = cravar.
FINQUEI O PÉ = correu, fugiu.
FIO = filho.
FIOFÓ = ânus, cú.
FIOFÓ = ânus.
FIQUEMO = ficamos, fiquemos.
FIRMA!?" = beleza, ok, de acordo.
FIRME CO ZUK? = tudo Bem?
FISSURADO = de olho, observando, gamado.
FITA FORTE = produto de roubo, produto roubado.
FIU-FIU = assoviar.
FIÚZA = custa, encostado.
FLIQUITI = nervoso, ansiedade.
FODEU A TABACA DE CHOLA! = estava ruim e ficou pior. "Chola" vem do espanhol e significa cachorra vira-lata no cio. Ou seja, "fudeu a tabaca", fudeu a "chola".
FOFÁ O PÊLO = sair correndo.
FOFAR = fartar-se, encher, comer demais.
FÓFIS = fofo(a), pessoa querida, amor, amigo(a).
FOI PRA CAIXA PREGO = desapareceu, sumiu, foi embora.
FOI PRO BELELÉU = foi embora, acabou-se.
FOIA = folha.
FOLGADO = aproveitador, devagar, pessoa que enrola.
FOMENTO = esganado, com fome, egoísta.
FOMU = fomos.
FORGA = folga, descanso.
FORGÁ = folgar, descansar.
FORMENTO = fermento.
FORMIGÃO = sujeito comedor, devorador, conquistador das garotas.
FORRAR ESTÔMAGO = comer alguma coisa.
FRAGA = flagra, surpresa.
FRAGÔ? = entendeu?
FRANGO = bicha, gay.
FRANGOTE = menino pequeno, baixinho.
FRANGOTE = rapazote, menino.
FRANGOU = recuou, desistiu.
FRECHA = espaço, buraco pequeno, brecha.
FREI DE MÃO = estorvo; acompanhado do marido, esposa ou namorada(o).
FRESCAR = tirar sarro, sacanear.
FRESCO = brincalhão, sacana.
FRESQUIANDO = se oferecendo, paquerando.
FREVO = festa.
FRITAR ALGUÉM = deixar alguém na espera, ferrar, deixar em más condições e maus lençóis.
FRITAR O QUIBE = cagar, defecar.
FRITO = sem saída, marcado, fudido, lascado.
FRIZEK = gay, travesti.
FROR = flor.
FROXO = medroso, assustado.
FRUTA = gay, viado.
FRUTINHA = pessoa afeminada.
FUÁ = bagunça, bagunçado, desorganizado, esparramado, despenteado.
FUBANGA = mulher mais feia que as feias.
FUCA = fusca.
FUÇA = rosto, boca.
FUDEU = deu errado, se ferrou, deu azar, fez sexo.
FUDIDO = endividado, sem saída, marcado, frito, lascado.
FUDUNÇO = bagunça geral, desorganização, trânsito.
FUGÃO = fogão.
FUJA LOGO = manter distância, ficar longe, evitar.
FULANO = o outro.
FULEIRO = pessoa sem-vergonha, saído ou objeto de má qualidade.
FULERAGE = pisar na bola, deu bola fora, está de sacanagem, algo que não presta.
FUMANDO UMA KENGA = nervoso, arretado.
FUMU = fomos.
FUQUE = fusca.
FUQUI = fusca, volks.
FUQUINHA = fusca, fusquinha.
FUQUITA = volks, fusca, fusquinha.
FURRUTIAR = procurar confusão
FURÚNFULO = furúnculo, tumor.
FUSQUINHA = ânus.
FUTRICAR = mexer, não deixar o outro quieto.
FUXICAR = fofocar, fofoqueiro.
FUZUÊ = bagunça, briga, corre-corre.
GABARITAR = acertar tudo.
GABIRU = rato grande.
GAIATO = pessoa que quer levar vantagem em tudo, rápido, cinco dedos.
GAIOTA = carrinho de burro, carroção.
GAIZURA = fresco, frescura.
GALEGO = pessoa loura ou alourada, polaco.
GALERA = torcida, loira.
GALETO = pegar, filar.
GALFO = garfo.
GALINHA = mulher que sai com todos os homens, independente do sexo, transa com qualquer um, da vida.
GALINHA DO CÉU = urubu.
GALIZÉ = briguento.
GAMADA(O) = apaixonada(o), desejosa(o).
GAMADO = cheio de amor, apaixonado.
GAMAR = apaixonar.
GANDAIA = bagunça, baile, festa, diversão.
GANHAR = conquistar, apossar-se ou roubar alguém para namorar.
GANJUDO(A) = manhoso(a), filho(a) cheio de manias.
GAPÉ = sem carro, sem automóvel.
GARANHÃO = homem que conquista ou transa as mulheres que quer ou que se gaba transar.
GARAPEIRO = esperto, pessoa que dá o bote na hora certa.
GARFAR = pegar.
GARIMPADOR = que namora ou passa o tempo com várias mulheres, pega todas que consegue.
GARIMPANDO = pegando as meninas ou os rapazes, passando ou procurando todos(as).
GARIMPEIRO(A) = que procura alguém para namorar ou passar tempo.
GARRÃO = calcanhar.
GÁS = correndo, muito rápido, disparou.
GASGUITA = mulher de voz fina e estridente.
GASGUITO(A) = que tem a voz irritante, aguda.
GATINHO(A) = belo(a), bonito(a), lindo(a).
GAUCHO VÉIO = cumprimento, tratamento pessoal.
GAZEAR = faltar à aula ou ao trabalho, enrolador, trapaceiro.
GAZETEIRO = sujeito que falta aos compromissos, à aula, às reuniões, turista.
GEGA = cama.
GEL = cerveja.
GELADA = cerveja.
GELÔ = ficou com medo, mijou para trás.
GELO BAIANO = blocos de concreto pintados de branco usados para separar as vias de trânsito.
GENTE BOA = boa pessoa, gente simpática, legal.
GENTE DO CÉU! = admiração, susto.
GERINGONÇA = máquina, coisa ruim.
GIBERA = bolços da calça.
GIGOLÔ = vende o corpo, presta serviços sexuais.
GINCOGISTA = ginecologista.
GINELA = janela.
GIRIMUM = abóbora.
GIRINGONÇA = coisa velha, barreira, trava, coisa mal feita.
GOIPADA = cuspir.
GORFAR = pegar, tributar.
GORFIAR = pegar, dar um bote, atacar, tributar.
GORÓ =  beber.
GORPADA = cuspida.
GORPE = golpe.
GOSTOSA = mulher sensual e bonita, mulherão, mulheraço.
GOTA SERENA = bravo, irritado.
GRAÇA = nome do outro, engraçado.
GRAFITAR O PORCELANA = cagar, defecar.
GRÉIA = azoação, festa (ex: a festa foi a maior gréia).
GRILADO = preocupado, com medo.
GRINGO = americano, estrangeiro, que veio de outro país.
GROG = bêbado.
GUARANÁ DE ROLHA = coisa antiga, velha.
GUIMBA = resto de cigarro.
GUMITÁ = vomitar.
GURI = menino.
GURIA = menina, moça.
GURIZADA = meninada.
HARBA CÓRPU CRISTI = habeas corpus.
HEI = chamamento, oi, interjeição.
HERDÔ = herdeiro, herdar.
HOMI = Homem.
HORA AGÁ = momento certo, já.
HORRIVO = horrível.
HOSPITAR = hospital.
I = e.
I É? = e é? Espanto.
IAPÔIS = é mesmo, verdade, concordância.
IBOPE = todo cheio, com tudo, famoso, celebridade, se achando.
IDÉIA DE JIRICÓ = idéia de doido, louco, sem fundamentação.
IDOLATRADA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
IÊU SEI = e eu sei?
IIIISSO HOMI = certo, concordo com você, isto aí.
IMBORNÁ = mochila, bornal, sacola.
IMENDA = conserto, ajeitar.
IMPRESTAVI = emprestável, que não vale nada.
INCEBANDO = enrolando, fazendo cera.
INCHA = chato.
INCUCADO = preocupado, pensativo.
INCUTIDO = empenhado, disposto.
INDA = ainda.
INDADISCUBRIU = ainda descobriu.
INDAGA = que festa, pessoas alegres, conversas e papo furado.
INDOSPIA = endoscopia.
INFELIZ DAS COSTA OCA = tipo de xingamento: infeliz, mal caráter, mal elemento!
INFLAMADO = tá cheio, estourando.
INFLUIDO = concorrido.
INFURNADO = preso dentro de casa, detido.
INGRUPI = enganar, passar para trás.
INHACA = catinga, mau cheiro, bagunça, sujeira.
INOKI = nokia.
INÔZÁ = amarrar.
INSTEPOR = xingamento (manezinho da ilha).
INTÃO = então.
INTÉ = até mais.
INTEDIANTE = não ter nada para fazer, ficar parado, vazio(a), lugar chato.
INTENDEMO = entendemos, compreendemos.
INTENDEU? = Entendeu? Compreendeu?
INTENDI = entendi, compreendi.
INTERESSADO = está de olho, paquerando.
INTERTÊ = fazer passar o tempo com algo.
INTICÁ = provocar, chamar atenção para si.
INTICAR = provocar, instigar.
INTINDI = entendi, compreendi.
INTUIADO = cheio.
INTURRADO = cheio.
INÚRTIL = inútel, imprestável.
INVARETADO = nervoso, bravo.
INVÉIS = invés.
INVOCADO = pode ser legal, bonito, diferente ou, pessoa fechada, bravo...
INVOCANO = invocando, paquerando, de olho.
INXERGA = enxerga, enxergar.
IOF = sem avisar, sem tornar público.
IR NA CASINHA = ir ao banheiro.
IR NAS PRIMAS = ir ao puteiro, zona.
IR PRÁ O OUTRO LADO = morrer, partir.
IR PRO CÉU = morrer, partir para o além.
IRIM = irem, partirem.
ISBORRAR = transbordar, passar do limite, encher.
ISCREVO = escrevo.
ISCUITÁ = escutar, ouvir.
ISCUTÁ = escutar.
ISCUTÔ? = escutou?.
ISMERILO = esmeril.
ISPAIÁ = espalhar, mexer.
ISPLICÁ = explicar.
ISPRITO = espírito.
ISTAMU = estômago.
JÁ É = com certeza, de acordo.
JÁ É! = já, agora.
JÁ ERA = acabou, perdeu, foi-se.
JÁ FUI = está bom, imagina, não.
JÁ HOJE = a pouco, algo que aconteceu anteriormente (passado próximo).
JÁ VÔ I = já estou indo.
JÁ VOU = espera sentado.
JÁ'QUÉ = está de olho, interessado, paquerando.
JACU = trouxa, bobo(a), pessoa do interior, tímida, sem malícia.
JAGUARA = burro, nada inteligente.
JAGUARÁ = pessoa que não presta.
JANTE = roda do carro.
JAPÃO = lugar lotado, muita gente, festa.
JAPONA = jaqueta de nylon, japonesa, camisa de couro.
JARARACA = má, brava.
JAROCA = mistura de alguma coisa.
JAULA = pessoa atrasada, "burra", devagar.
JAVOINDO = estou indo, já vou, estou de saída.
JECA TATU = bobo(a), besta, atrasado(a), fraco(a).
JEITIO = jeito.
JERIMUM = abóbora.
JIRICO = doido, louco, sem fundamentação.
JOÃO SEM BRAÇO = fazendo-se de bobo, esperto.
JOGANDO CONVERSA FORA = conversar muito.
JOGAR BABADO = joga bola ou futebol.
JOGAR VERDE = dando uma de esperto.
JOROCA = mistura de várias coisas, mistura maluca.
JÓSSA = coisa.
JUBA = cabelo, vem de juba de leão, dente, boca.
JUDIÁ = maltratar, bater, torturar.
JUDIARIA = maus tratos, tortura.
K.Ô = mentira.
KAKEDO = pessoa que não valem nada, sem valor.
KAS DE QUÊ? = por causa de que?
KENGA = mulher da vida, mulher feia, mala, pessoa velha, o mesmo que rapariga, biscate.
KRAU = bronca, pegar, manter relação sexual, comer.
KRÉU = catracada na menina, vai e vem durante o sexo, comer.
KULA = viado, gay, travesti.
KYODAY = mulher feia.
LÁ LONGE = distante.
LÁ NO SOVACO DA COBRA = lugar longe e de existência duvidosa.
LÃ RAUSE = lanrause.
LÁ VAI BORDOADA = lá vai pancada, cacetada.
LÁBIA = levar na conversa, enganar, fazer a cabeça.
LABO = falta de informação.
LAMBADA = pancada, batida muito forte, pernada.
LAMBANÇA = sujeira, aprontar, derrubar.
LAMBER OS BEIÇOS = algo gostoso.
LAMBER SABÃO = sair fora, ficar quieto, acalmar-se.
LAMBISGÓIA = mulher que não é admirada por outros.
LAMBUJA = presente, doação, receber.
LANTERNEIRO = funcionário corretor de imperfeições em lataria de carro.
LAPUR = região, local.
LARANJA = substituto, reserva, representante.
LARGAR = sair, ir embora, partir.
LARICA = fome após consumir algum tipo de droga.
LASARENTO = xingamento, expressão de raiva.
LASCADO = perdido, ferrado, sem saída, marcado, frito, fudido.
LATÃO = ônibus "velho", coletivo.
LAUDO = jeito, jeitinho, quebra-galho, acordo.
LAVÁ = lavar, limpar.
LAVANDO AS MÃOS = saindo fora, desistindo de alguma coisa.
LAVAR A BUNDA = tomar banho.
LAVAR A ÉGUA = correr.
LAVAR ÉGUA = quieta, pára, afasta-se, sai.
LAZARENTO = desgraçado, sem graça, chato.
LAZARENTO DOS INFERNO = palavrão, palavras de baixo calão.
LEGAL = algo bom, divertido, massa.
LEITÊ = leite.
LELÉ = boba, abestada.
LELUIA = aleluia.
LENDA = mentira.
LERO, LERO = conversa séria ou fiada.
LERO-LERO = conversa fiada, enganação, migué.
LESADO(A) = retardado(a), lerdo(a), devagar.
LESEIRA = abestalhamento, idiotice.
LESMA = enrolão, devagar, pessoa que enrola.
LESO(A) = bobo(a), retardada, lerda.
LEVAR BOLACHA = levar um fora, não mais ser querido(a) pelo(a) outro(a).
LEVAR DE EITO = levar tudo junto, levar de roldão.
LEVAR OVO = receber bronca, ser chamado atenção.
LEVAR PÊIA = apanhar.
LEVAR UM ATRAQUE = Quando se leva uma geral ou batida da polícia.
LEVAR UM CHOQUE = levar um fora de alguém, levar uma bronca ou pito, ser chamado a atenção.
LEVOU A BRECA = saiu mal, quebrou.
LEZA = desligada, distraída(o).
LEZADO = cansado, enganado, passado para trás.
LIBERAR O MORENO = fazer "necessidades fisiológicas", defecar, cagar.
LICOTINA = guilhotina.
LIGA = ligar, dar atenção, fazer funcionar, olhar.
LIGADO = atento.
LIMPÁ = limpar.
LINGUA DE TRAPO = linguarudo.
LÍNGUA PRETA = fala demais.
LINGUARUDO(A) = fala demais, fala o que não deve.
LISEIRO(A) = sem dinheiro, duro(a).
LISO = rápido, esperto, ensaboado, duro, sem dinheiro, cinco dedos, matando cachorro a paulada.
LISO QUE PAU DE GALINHEIRO = ligeiro, esperto.
LIVRÁ = livrar, ficar livre.
LOÇA = louça.
LOCO = louco.
LOGO ALI = próximo, perto.
LOKO DE BAUM = bom demais, muito bom.
LOLÓ = entorpecente caseiro usado por usuários em carnavais: mistura de éter e clorofórmio.
LOMBRADO = drogado, doidão, aéreo.
LOROTA = conversa fiada.
LOUCO = legal, demais, massa.
LOUCO DE LEGAL = super legal, super bonito.
LP = lança perfume, droga.
LUITÁ = brigar.
LUIZ = luz, claridade.
M.C. = mestre de cerimônia.
MÁ = mal.
MÁ Q'DIABRO ESSE TRÓÇO? = Mas o que é isso?
MÁ'RAPÁS = mas rapaz.
MACABRO = feio, horrível.
MACAXEIRA = mandioca, aipim.
MACETE = caminho, forma, metodologia...
MACHO = que se acha bom no ambiente, no pedaço. Acha-se bom no comprimento do pênis e se diz macho, homem.
MAGRELA = bicicleta, mulher magra, seca.
MAGUAÇA = pessoa que já bebeu bastante, erro por culpa da bebida.
MAI É O CÚ DA COBRA!! = indignação.
MAINHA = mãe, mamãe.
MAIÓ = maior, grande, enorme.
MAIOR 71 = picareta, pessoa trambiqueira.
MAIOR AUÊ =  pessoas falando , discussão, bagunça.
MAIOR BAFÃO = grande fofoca  ou acontecimento.
MAIOR CHICLETE = pessoa chata.
MAIOR FILÉ = mulher muito bonita ou homem muito bonito, coisa boa.
MAIOR LOUCO = muito legal, demais, massa.
MAIOR OTÁRIO = idiota.
MAIOR PALHAÇADA = coisa sem propósito.
MAIOR REBU = confusão grande.
MAIS ALÉM = depois, mais para frente, futuramente.
MAIS FIRME QUE PALANQUE EM BANHADO = fraco, sem força, sem resistência, bêbado.
MAIS PRÁ LÁ DI BAGUIDÁ = distante, longe, desatento, bêbado.
MAISI = mais.
MAL OLHADO = feitiço, sarava.
MALA = metido a bandido ou ladrão, traidor, insuportável, chato, enrolado, ruim, cobrador, que torra, enche e atrapalha.
MALA SEM ALÇA = folgado, que se encosta, que se aproveita de situações e de amizades, exibido, metido, chato, insuportável.
MALASSOMBRADO = assustado, que vê coisas que não existe.
MALASSOMBROS = ver coisas irreais, ter medo.
MALEMÁ = pouco.
MALINAR = bagunçar, traquinar.
MALINDUCADO = mal educado.
MALMITA = marmita.
MALNESE = maionese.
MALOCAR = roubar, esconder, sacanear.
MALOQUEIRO = ladrão, cinco dedos, pessoa atoa, que anda fazendo o que presta.
MAMADO = bêbado, acariciado, filho de papai.
MAMULENGO = bonequinho idiota, fantoche.
MANCADA = desistir, pular para tras.
MANDA BALA = faça, coloque, pratique.
MANDA CHUVA = sujeito mandão, o dono do pedaço, fazer, agir.
MANDATU DE SIGURANÇA = mandado de segurança.
MANÉ = pessoa desligada, bobão, besta, imbecil.
MANERO(A) = legal.
MANETA = soco inglês, forma de agressão.
MANGA = sorrir do outro, dar risada, malhar do outro.
MANGÁ = sorrir.
MANGANDO = rindo, sorrindo, tirando uma.
MANGANO = tirando barato, tirando uma casquinha no outro, sarro, gozação.
MANGAR = caçoar, zombar, rir do outro, tirar sarro, sacanear, frescar, sorrir.
MANGUASSA = pessoa que já bebeu bastante, erro por culpa da bebida.
MANJAR = olhar, observar.
MANO = irmão, você, amigo, amigão, alguém que se gosta, parceiro, irmano.
MANZINHA DO FIINHO! = mãe do filho.
MÃO DE VACA = egoísta, pão duro, mão fechada.
MÁ-Ó ESTRANHO = muito estranho.
MÃO LEVE = ladrão, pequenos furtos, rápido.
MÃO NA MASSA = trabalhar, fazer alguma coisa.
MÃO NA RODA = fácil, grande ajuda, contribuição, facilitação.
MÃO-DE-GATO = roubar, furtar.
MÃOZADA = ajuda, colaboração, tapa, porrada.
MÃOZINHA = ajuda, colaboração.
MAR DE ALEGRE = muito feliz, para lá de alegre, felicíssimo.
MARCÁ CONSTRUÇÃO DE UMA CASA = defecar atrás de moita em roça, necessidades fisiológicas.
MARCÁ TERRENO D'UMA CASA = fazer coco, defecar, cagar, necessidades fisiológicas.
MARCA TOCA = bobear, dar mole.
MARCÁ TOCA = bobear, deixar escapar.
MARCANDO TOCA = bobear, ser passado para trás, passar-se despercebido.
MARCAR PONTO = estar em determinado lugar esperando para sair com alguma pessoa.
MARDITA = maldita.
MARGULHOU = mergulhou.
MARIA GASOLINA = mulher que não agüenta vê homem com carro novo.
MARIA ONESE = maionese.
MARIA VAI COM AS OUTRAS = pessoa que se deixa levar.
MARITACA = fala demais, conversador.
MARMANJO = pessoa grande, que deve ser responsável.
MARMITA = carro usado para fins sexuais.
MARMITECA = marmita, marmitex.
MARMOTA = algo esquisito, estranho.
MAROLA = cigarro de maconha.
MAROMBEIRO = pessoa que malha, que maromba, que faz musculação, exercícios físicos, típico de exercícios de praia.
MARRÁ = amarrar.
MARRADO = amarrado, prezo.
MARRAPAIS = indignado, indignação, revolta.
MARTELADA = bater, falar.
MARTELANDO = falando muito, batendo.
MARVADO = malvado.
MASCA PAIA = tonto, idiota.
MASCAR = apertar, arrochar, ficar, segurar.
MASSA = bom demais, interessante, legal, bem louco, brega, dá hora.
MASSA PAKAS = algo muito bom, bom demais, bem louco, dá hora.
MASTOMATE = massa de tomate.
MASTURBAÇÃO MENTAL = pensar, pôr o intelecto para funcionar.
MATANDO CACHORRO A PAULADA = duro, sem dinheiro.
MATAR CACHORRO A GRITO = fazer qualquer coisa, vender-se.
MATOU A CHARADA = adivinhou, encontrou.
MATUTANDO = pensando, imaginando.
MATUTANO = pensando, filosofando.
MATUTO = caipira, roceiro, jeca, pensador.
MAURICINHO = que se acha, play boy, filho de papai, vida boa.
MAUS BUCADOS = aperto, medo, encurralado.
M'BORALÁ = vamos lá.
ME APURRINHE = não me encha, deixe-me quieto.
ME ERRA = sai do meu pé, me larga, não me enche.
ME'DÁLI = me dá aí, passe para mim.
MEDONHO = admirável, grande, que coisa, sentido.
MEIA BOCA = nem bom, nem ruim.
MEIGA = menina que corre atrás dos rapazes, galinha, necessitada de amor.
MEIGO = efeminado, ingênuo, inocente.
MELADO = pessoa com sorte, sortudo, bêbado.
MELECADO = sujo, coco, merda, melado.
MELÔ = melodia, música.
MELÔ A CUECA = ficou excitado, defecou na cueca, cagou.
MEMU(O) = mesmo.
MENTE DESACELERADA = pessoa devagar, lerda, que acabou de acordar, que está tomando par da situação, entrando em órbita.
MERENDAR = lanche, lanchar.
MERETÍSSIMO = Juiz, meritíssimo.
MERGÊNCIA = emergência.
MERMÃO = meu irmão, irmão.
MESTRUADA = menstruada.
METÊ = fazer sexo.
METER = atirar, jogar, manter relação sexual com alguém.
METER O FERRO = dedurar, entregar, prejudicar.
METER O GANHO = fazer um assalto.
METER O NARIZ ONDE NÃO DEVE = se intrometer, entrão, pessoa que se mete onde não é chamado.
METER O PAU = criticar o outro, falar mal "bater" em alguém, depreciar a imagem de alguém.
METI A BOCA = falou mal, palavrões.
MÉTI O PAU = mandar ver, agilizar algo ou brigar.
METIDO = abusado, colarinho branco, mala, pozinho, que se acha, que quer ser, salto alto.
METIDO A CAVALO DO CÃO = metido a besta.
MEU = amigo, cara, colega.
MEU CANECO!! = espanto.
MEU CATHUTHO = minha nossa.
MEU DEUS! = expressão de espanto: "nossa!", que coisa.
MEU LOURO = forma carinhosa de tratamento.
MEU NEGRO = forma carinhosa de tratamento.
MEU XODÓ = forma carinhosa de tratamento.
MEXER UM ROLO = trocar alguma coisa, fazer rolo.
MI = me, milho.
MI'GANA = me enganar, passar para trás.
MI'GANANDO = me enganando, me enrolando, passando para trás.
MICO = vergonha.
MICOFRIBA = tecido sintético leve; micro-fibra.
MICREIRO = pessoa que concerta computadores.
MIGO(A) = amigo(a).
MIGUÉ = enganar, conversa, lero-lero.
MII = milho.
MIJÃO = medroso, tratante, pular para trás.
MIJOU PÁ TRÁS = recuou, desistiu, gelou.
MILHAL = milho grande, milhão.
MILHÃO = espiga de milho grande.
MILHARAL = roça de milho.
MIMADA(O) = paparicada(o), dengosa(o).
MIMOSA = mexerica, bergamota, laranja.
MINA = menina nova, garota, moçinha, mulher jovem.
MINHA AMADA = forma carinhosa de tratamento.
MINHA LOIRA = forma carinhosa de tratamento.
MINHA MARMITA = carro usado para fins sexuais.
MINHA NEGRINHA = forma carinhosa de tratamento.
MINHA PARTE = dinheiro, percentagem.
MINHOCA NA CABEÇA = pensando bobagem ou besteira, pensativo.
MININU = filho, menino.
MIÓ = melhor.
MIO = milho.
MIOLO DE GALINHA = que não pensa, que não é esperto.
MIOLO MOLE = que tem dificuldade para entender alguma coisa, que não presta atenção.
MIÓR = melhor.
MIORA = melhora, ficar bom.
MIORÁ = melhorar, sarar.
MIORAR = melhorar.
MIORÔ = melhorou, sarou, ficou boa ou bom.
MIRIM = trombadinha, batedor de carteira, cinco dedos, marginal, ladrão.
MISERAVE = miserável, coitado.      
MIÚDO = pequeno, dinheiro.
MIXIDO = mexido, misturado.
MÓ = muito, da hora.
MÓ BOM = legal, interassante.
MÓ COMÉDIA = pessoa cheio de querer.
MÓ LEGAL = muito bom, da hora, bom demais.
MÓ LENDA = algo que não presta, paia.
MÓ LIMPEZA = coisa que está fácil de se fazer, ou sem perigo de dar errado.
MÓ PAIA = que não presta, ruim.
MÓ PICARDIA = que não presta, ruim.
MÓ SUJEIRA = sujo, que não presta, estragou, sacanagem.
MOBRAL = lesado, passado para trás.
MOCÁ = esconder, ficar surdo, com problemas de audição.
MOCÓ = caipira, quieto, esconderijo.
MOCO = surdo, problemas de audição.
MOÇOILAS = meninas grandes, quase moça.
MOCRÉIA = mulher feia, mulher horrível.
MÓDA = música, cantoria.
MÔDE QUE = por causa de que.
MÓDE'QUE = por quê?
MÓI = muito, mó.
MÓI DE CHIFRE = corno, chifrudo.
MOIO = molho.
MOIÔ = molhou.
MOLENGA = enrolão, mole.
MOLEQUI = menino, criança, guri.
MOLHAR A MÃO = comprar alguém com dinheiro, subornar, pagar alguém por algo ilícito.
MOLHAR O BISCOITO = fazer sexo, transar, afogar o ganso, traçar uma mulher ou gay.
MOLUSCO = fraco, mole.
MONDONGO = rato.
MONJOLO = pilão de mão.
MONO = cara, pessoa, gente.
MONSTRO = pessoa muito forte ou feia, enorme, grande demais.
MORDIDA = Tirar dinheiro, vou dar uma mordida no cara hoje.
MORGÁ = enrolar, embaçar.
MORGAR = enrolar, passar o tempo.
MORINGA = cabeça.
MORÔ? = compreendeu? entendeu? está claro?.
MORRÊ DE RI = sorrir demais.
MORREU NA PRAIA = não conseguiu.
MORTANDELA = mortadela.
MOSTRAR COM QUANTOS PAUS SE FAZ UMA CANOA = provar que é bom.
MOTA = motocicleta.
MOTOCA = motocicleta.
MOTORA = motorista.
MUAMBA = produtos importados do Paraguai.
MUCUTA = sacola, bornal.
MUDI = mudei.
MUDIM = pessoa muda.
MUFINO = ruim.
MUGANGO = esquisito, estranho.
MUIÉ = mulher.
MUITO AREIA PRO MEU CAMINHÃOZINHO = muita coisa, grande, bonito(a).
MUITO LOUCO = muito bonito, lindo, nada igual.
MULA = traficante.
MULEQUE = moleque, criança, adolescente, pessoa agressiva, irreverente.
MULESTA DOS CACHORRO = empolgado.
MULHERENGO = namorador de muitas mulheres.
MUNDARÉU = muito, grande quantidade.
MUNDO DA LUA = desligado, por fora, não está nem aí.
MUNGUZÁ = canjica de milho cozido temperado a gosto.
MUNHECA = mão fechada.
MUQUIFO = lugar sujo, de mau cheiro, horrível, lugar sem condições de morar ou freqüentar.
MURISSOCA = pernilongo, mosquito picante.
MURRINHA = chata, coisa ruim, peste.
MURRO = soco, porrada.
MUSGA = música, tocador.
MUVUCA = tumulto, movimentação, bagunça, muito movimento, barulho.
NA BOA = numa boa, bem da vida, feliz.
NA HORA DO PEGA PRA CAPÁ = perigo, risco, momento decisivo.
NA MOITA = escondido, está com medo.
NA MORAL = ok, numa boa, sem problema.
NADA A VER = modo de expressão: claro que não, dá um tempo, ou: não sei de nada, não sei do que se trata ou: "sacanagem oh!".
NADICA = nada.
NANA = dorme, descansa, cochila.
NANGIVE = vadia, perdida.
NÃO ACELERE MINHA MENTE = não me apresse, não me pressione.
NÃO BOTÁ FÉ = não acreditar.
NÃO DÁ BANDERA = não se aparecer, passar despercebido.
NÃO DÁ PONTA SEM NÓ = fazer bem feito, inquestionável.
NÃO DÔ DONTA = não consigo.
NÃO DORMIR DE TOUCA = não bobear, ser esperto.
NÃO ESTOU NEM AÍ = descompromissado.
NÃO RESMUNGUE! CALA ESSA BOCA E ME DIGA POR QUE É QUE VOCÊ FEZ ISSO? = ameaça e castigo.
NÃO SE TOCA = está aborrecendo, enchendo o saco.
NÃO SEI SE CASO OU SE COMPRO UMA BICICLETA = dúvida.
NÃO VAI SER BOLINHO = não será fácil.
NAS MOCÓ = escondido, com medo.
NAUM = não.
NAVE MÃE = camburão de polícia.
NÉ MEMO? = não é mesmo?
NÉ? = não é?
NEGO VÉIO = pessoa, tratamento.
NEGODE = pagode bem ruim.
NEM AMARRADO = de jeito nenhum, nem que me pague.
NEM CHORO, NEM VELA = encurralado, sem saída.
NEM QUE A VACA TUSSA = não, negação.
NEM RELÓGIO TRABALHA DE GRAÇA = tudo tem um preço.
NEM TODO DIA É DIA SANTO = nem todos os dias as coisas acontecem como queremos.
NERD = idiota, lerdo, devagar, bitolado, babaca, besta. Na atualidade, com o surgimento da tecnologia significa: viciado em computador.
NERGÚMENO = bobo, besta, burro.
NERVOSO = algo que impressiona, potente, bonito.
NHECO-NHECO = relação sexual, sexo.
NI'MIM = em mim.
NINJA = lutador.
NO APAGAR DAS LUZES = no final.
NO CALO = caminhando, a pé, de a pé, fazer um trajeto a pé.
NÓ CEGO = trapaceiro, pessoa que enrola, quem não cumpre compromissos, de difícil solução.
NO TEMPO DE MEU AVÔ = tempos atrás, antigamente, no passado.
NO TEMPO DE MEU PAI = tempos atrás, antigamente, no passado.
NO TEMPO QUE O CÃO ERA MENINO = no passado, antigamente, tempos atrás.
NO TRONO = defecando, cagando, fazendo necessidades fisiológicas.
NOCÊ = em você, para você.
NÓI FOMO = nós fomos.
NÓI VAI = nós vamos.
NÓIA = traficante e usuário de droga, drogado, trombadinha.
NÓIS = nós.
NÓIS É FODA = somos bons, impomos respeito.
NÓIS SABE = nós sabemos.
NÓIS VAI = nós vamos.
NÓIS VIU = nós vimos.
NORDESTINÊS = palavras e gírias procedentes do Nordeste brasileiro.
NOS TRINQUE = bem arrumado, bem vestido.
NOTÁ = anotar.
NOTA = dinheiro.
NUCA = pescoço.
NUM = não.
NUM É MEMO? = não é mesmo?
NUM EMBARRERA NÃO = cair em fria.
NUM FAIZ MÁ = não faz mal.
NUM SEI = não sei, desconhecimento.
NUMA BOA = sem problema, ok.
NUTILIZADO = inutilizado, inútil.
O BICHO VAI PEGÁ = quando algo ruim vai acontecer, perigo, vem bronca.
O CARA É UM BAGRI INSABUADO = pessoa lisa, levar vantagem em tudo, esperto.
Ô DIACHO = insatisfação.
Ô LÁ EM CASA! = elogio, chamariz para mulheres bonitas.
O MAIOR CHIQUE = demais, legal, interessante.
O OME = o chefe.
Ó PAI-Ó = olha para ali, olha.
O POBRE É QUEM PAGA A CONTA = ditado popular de que todas as despesas sobrarão para o pobre. O rico viverá numa boa.
O QUE NÃO MATA, ENGORDA = desculpa de pessoas após comer alimento estragado.
O SACI CRUZOU AS PERNAS = algo inacreditável.
O TIRU SAIU PELA CULATRA = deu errado, deu zebra, tudo errado.
Ô VÉI = oh rapaz, tratamento amigável.
O(A) CARA É UMA ÉGUA = atrasado(a), lerdo(a), "burro(a)", devagar.
O'ZÔVO = os ovos, os testículos.
OBRAR = fazer necessidades fisiológicas, cagar, defecar, fazer coco, trabalhar, passar um "fax".
OCÊ = você.
OCÊIS = vocês.
ÔCHE = ochente.
ÓCLOS = óculos.
ÓI = olha.
OI! = modo de expressão: olá, bom dia, boa tarde, boa noite, cumprimento informal.
ÓIA = olhar, ver, observar.
OIEI = olhei.
OIO = olho, olhar.
OLHO D'ÁGUA = nascente, mina de água.
OLHO GORDO = mal intencionado, de olho em alguém, desejando alguma coisa.
ÔMI = homem.
ONÇA = sogra.
ONDA = enrolando, passando o tempo.
ONDE O DIABO PERDEU AS BOTAS = lugar distante, longe, muito longe.
ONDI = onde, lugar.
ONTI = ontem.
ONTONTI = antes de ontem, dois dias atrás.
OPA = oi, cheguei, foi mal, desculpa.
ÔRA = passar mal.
ORDI = ordem, mandar.
ORNANDO = combinando.
ORNAR = combinar, igual.
OROPORTO = Aeroporto.
ORSAMENTO = orçamento.
OS'OTRO = os outros, eles.
ÔTA = outra.
OTO = outro.
ÔTRO = outro.
OTRO(S) = outro(s).
OU QUÁ? = ou não?
OURO = coisa boa.
OVIU = ouviu.
PÁ = para, resolver, acabar, chegar, ok, muito, bastante, pancada, tiro.
PÁ VIRADA = doidão, bravo, nervoso.
PÁ'CABÁ = para acabar.
PABULAGEM = pessoa metida.
PACA = interessante, demais, bastante, muito, bonito. Ex.: já li paca! É bonito paca!
PACAS = interessado, querendo alguma coisa, bastante.
PACOVA = saco cheio.
PADARIA = bunda, nádegas.
PADÊ = maconha, pó, droga...
PADEIRO = namorador que não dá conta da namorada e o outro chega e leva.
PADIN = padrinho.
PADOKA = panificadora, padaria.
PAGÁ MICO = passar vergonha, queimar a cara.
PAGÁ O TURCO = ir ao banheiro, defecar, cagar.
PAGA PAU = admirador das coisas dos outros.
PAGÁ SAPO = discutir com alguém.
PAGÁ VECHA = passar vergonha.
PAGANDO O PATO = pagando por ter cometido erro.
PAGA-PAU = admira, idolatra algo ou alguém.
PAI D'ÉGUA = cidadão, pessoa.
PÁIA = mentira.
PAIA = pessoa chata.
PAIA PRA CARALHO = algo que não presta.
PAIÊRO = fumo de palha, cigarro de palha.
PAINHO = pai.
PALHA = fiasco, nada a ver.
PALITÓ DE MADEIRA = caixão de defunto.
PAMODI = para.
PANÇA = barriga, estômago.
PÂNCA = modo de se comportar ou portar.
PANÇUDO = barrigudo, barriga grande.
PANDECO = marmitex.
PANGARÉ = jovem.
PANTERA = pessoa brava, valente, onça.
PANTIM = fresco, frescura, gaizura.
PÃO DURO = mão de vaca, mão fechada.
PAPA ANJO = pessoa que está ou fica com alguém visando sexo, namorar alguém bem mais novo.
PAPA-ANJO = pessoa que fica ou namora com alguém mais novo(a) que ela(e).
PAPAGAIO VÉIO NÃO APRENDE A FALAR = idosos não aprendem mais, passou do tempo de aprender.
PAPEÁ = conversar.
PAPEL HIGÊNICO = papel higiênico.
PAPO = conversa.
PAPO DE ELEFANTE = conversa chata, sem sentido.
PAPO ESTRANHO = conversa de gay.
PAPO FIRME = conversa séria, diálogo interessante.
PAPOCAR = explodir, quebrar, estourar.
PAQÜERA = fígado.
PAR = muitos.
PAR DELES = muitos.
PAR DI ANO = muitos anos.
PARADA ERRADA = situação ou ambiente que não atendeu expectativas, algo não saiu como previsto.
PARAFUSO SOLTO = descontrolado, abestaiado.
PARANHO = teias de aranha no canto das paredes e no teto.
PARAR TRÂNSITO = mulher gostosa ou bonita.
PARCIDO = Aparecido, parecido com alguém.
PARE, HOME DO CÉU = parar, o mesmo que 'se par de bobo' e 'deusolivre home'.
PARI = parar, ficar quieto.
PARICERO = parceiro, colega, amigo.
PARIDO = dado a luz, nascido, vindo ao mundo.
PARIR = dar a luz, nascer, vir ao mundo.
PARTIR PRA CIMA DE ALGUÉM = partir para a briga, agredir.
PARTO DE ELEFANTE = algo demorado.
PASMO = surpreso, admirado, perplexo.
PASSÁ = contar, passar.
PASSA FOMI = guloso, faminto.
PASSADA DI OLHO = rápido, ligeiro, sem dar atenção.
PASSANDO FAX = defecado, cagando, fazendo cocô.
PASSAR A MÃO = furtar, roubar.
PASSAR A PERNA = dar um golpe, passar o outro para trás.
PASSAR BATIDO = errar, comer barriga.
PASSAR LOTADO = não perceber, passar muito rápido, correndo, desatento, com pressa.
PASSAR MICO = passar vergonha.
PASSAR UM FAX = defecar, cagar, fazer necessidades fisiológicas, coco.
PASSIÁ = passear, sair, dar volta, andar.
PASSÔ = passar.
PASSOU A MILHÃO = passou correndo.
PASTÁ = pastar, comer.
PASTO TÁ BOM = engordou.
PASTORAR = vigiar, cuidar, prestar atenção, guardar.
PATAVÁ = torrar a paciência, encher o saco.
PATAVINAS = nada, tapado.
PATRÍCIA = metido, mala.
PATRICINHA = moça metida.
PATTY = patricinha, garota que anda na moda, riquinha que se acha ou metida a rica, pessoa que esnoba, garota feshion.
PAU = pênis, surra, coça, pancada.
PAU D'ÁGUA = bêbado.
PAU DE VIRÁ TRIPA = pessoa magrela e alta.
PAU NA BRENHA = pessoa otária, metido, besta.
PAU NAS BRENHA = otário, besta.
PAULEÃO = pessoa chata, babaca, sem expressão.
PAXONADO = apaixonado.
PAXONÔ = apaixonou.
PC = computador.
PÉ ATOLADO = corredor, alta velocidade.
PÉ ATRÁS = desconfiado.
PÊ DA CARA = decepcionado, chateado.
PÉ DA ORELHA = nuca, pescoço.
PÊ DA VIDA = nervoso, revoltado, bravo.
PÉ NA COVA = sujeito magro, muito magro, para morrer, à espera da morte.
PÉ NO SACO = pessoa chata.
PÉ PÔ PÉ = devagar, caminhando lentamente.
PÉ RAPADO = atrasado, xucro, iletrado, fraco em observações e conceitos.
PEA = amarrar.
PEBA = quem não faz nada, não trabalha, "vagabundo", de má qualidade, paia, roceiro.
PEBADO = perdido, ferrado, com dificuldade, passando apertado.
PÊCA = bolinha de gude, cometer erro.
PEÇA BOA = trambiqueiro, mau elemento, marginal, ladrão.
PECINHA = sujeito metido, delicado, acha-se, pensa que é.
PEDAÇO DE MAL CAMINHO = pessoa muito bonita.
PÉ-DE-BOI = forçudo, persistente, que não desiste.
PEDRA = dança, baile.
PEDRA NO SAPATO = preocupado, problema.
PEDRO BÓ = atrasado, bobo, besta.
PEGÁ = pegar, alcançar.
PEGÁ A RETA = seguir em frente, fugir.
PEGA LEVE = devagar, calma.
PEGA O BECO = sai fora, vai embora, parte.
PÉGA PÁ CAPÁ = correr, dar o fora.
PEGA PRA CAPÁ = correr, dá no pé, sair em disparada, afastar-se.
PEGA'NINGUÉM = pessoa que não fica com ninguém, leva tombo.
PEGACRIA = baile com música sertaneja, rela-bucho.
PEGADORA = namorara de muitos homens.
PEGANINGUÉM = que não consegue ficar com ninguém, abandonado.
PEGAR = manter relação sexual, "comer", namorar, paquerar.
PEGAR JACARÁ = tomar sol.
PEGAR NO FRAGA = flagrar, surpreender.
PEGAR O BECO = sair, cair fora, ir embora, partir.
PEGAR PESADO = chegar junto, dar bronca, chamar a atenção.
PEGOU NO FRAGA = flagrou, surpreendeu.
PEGOU PESADO = deu bronca, chamou atenção, brigou.
PEGUENTO = suado, molhado de suor.
PEGUETES = Pegar uma garota;dar uns amassos.
PÊIA = apanhar, descer, desmontar, amarrar, segurar.
PEIDAR NA FAROFA = vacilar, acredita que é o tal e se acha.
PEITA = camisa, camiseta.
PEITÁ = encarar, enfrentar.
PEITICA = cabuloso, nervoso, chato, que mexe com os outros, insistente, que insiste, azarado, sem sorte.
PEITUDA = mulher do peito grande, enorme.
PELA SACO = pessoa mala, pronunciador de besteira.
PELADA = jogo de futebol.
PELANCA = sobra de pele.
PELASUAMIZÁDI = pela sua amizade.
PELÚCIA = mulher bonita, gostosa.
PELUDA = órgão sexual feminino, vagina.
PENCA = muitos.
PENDENGA = pendência, devedor, mania, hábito, luta, confronto.
PENDUROU A CHUTEIRA = parou, desistir, não querer mais.
PENDURUCALHO = enfeite, órgão sexual masculino, bagulho, emprego sem compromisso, encosto, que não mais serve, lugar para pendurar.
PENETRA = folgado, aparecer em algum lugar sem ser convidado.
PENSÁ = pensar.
PENSA QUE É = se acha, pensa que pode.
PENSA QUE PODE = acha que está com tudo, pensa estar de bola cheia.
PENSAR NA MORTE DA BEZERRA = pensar, imaginar.
PENSÔ = pensou, pensar.
PENTEAR MACACO = cair na real, sair fora.
PÉRA = espera.
PERA = viado, gay, travesti.
PÉRA-LÁ = espera um pouco.
PERAMBULÁ = andar à toa.
PERDEU = não vale a pena tentar, está difícil.
PERDEU A LINHA = saiu fora de si, perdeu a compostura ou o controle de si.
PEREBA = ferida, inflamação, buraco, fenda.
PEREBENTA(O) = cheio de ferida.
PERERECA = órgão genital da fêmea.
PERERECO = bagunça, tumulto.
MACACO MATRICULADO = raiva controlada, descontrole controlado.
PÉRI = espere.
PERIQUITO = genital masculino: pênis, pinto, periquito, birimbal, pau quando ereto.
PERSEGUIDA = genital feminino, vagina.
PERVA = menina levada, sem vergonha.
PESCAR = colador, colar na prova.
PESCOCIÁ = olhar para os lados, admirar outra pessoa ou coisa, matar tempo, enrolar.
PESSOA ABERTA = saído para o mundo, não preguiçoso.
PESTIADO = com alguma doença.
PÊTA = biscoito de polvilho.
PETELECO = tapa, soco, surra, apanhar, bater.
PETEQUINHA = menina bonita, boa, gostosa.
PEXADA = acidente.
PIÁ = menino, criança.
PIA = olhar, espiar.
PIÁ DE BOSTA = moleque malandro.
PIÁ PANÇUDO = guri bobo.
PIÃO = xucro, otário, "besta", prego.
PICA = pênis.
PICADO = filar cigarro.
PICAR A MULA = partir, sair, deitar o cabelo, escafeder.
PICARETAGEM = pequenos trambiques, negócios de maneira ilícita.
PICHAIM = cabelo enrolado, carapinhas.
PICHOTE = criança, moleque.
PICOLÉ = sorvete em palito, geladinho no palito de madeira.
PICUÁ = bornal, sacola.
PICUMÃ = resíduo de fumaça do fogão de lenha.
PICUREI = procurei.
PIDI = pedir, solicitar.
PIDIDO = pedido.
PILA = dinheiro em real.
PILÃO = peça de madeira utilizada para triturar mantimentos como arroz, milho...
PILHA = mentira.
PIMPOIO = criança pequena, filhos.
PIMPOLHO = criança pequena, filhos.
PINCELADA = falar alguma coisa, resumo de uma fala ou informação.
SAZOM = aquele que xaveca a mulher para o amigo catar, tempera a mulher para os outros.
PINCHAR = jogar, atirar.
PINGA = cachaça.
PINGO = garota que pratica relação amorosa com todos os garotos que fica.
PINGO NOS IS = acertar, colocar nos eixos, organizar.
PINICÔ = fugiu, correu, coçou.
PINOTE = pulo.
PINOTI = liso, esperto.
PINTA = pênis, cara, pessoa.
PINTINHO = pênis pequeno.
PINTO = periquito, pênis, depois de ereto torna-se pau, birimbal.
PINTOU O 7 = aprontou, fez o que não devia.
PIÔ = espiou, olhou.
PIÓ = sim, afirmação.
PIÔIO = piolho de galinha.
PIOLHO = que vai pela cabeça dos outros, sem opinião própria.
PIORRR QUE É MEMO = é mesmo, confirmação de algo.
PIPA = droga.
PIPÁ = usar ou consumir drogas.
PIPAR = usar drogas.
PIPOCADA = falta, falha, pular para trás.
PIPOCANDO = acontecendo, desistindo, pulando para trás.
PIPOCAR = dá para trás, recuar, desistir, pular para trás.
PIPOCO = tiro.
PIPOCOU = sair fora, deu para trás, recuou, desistiu.
PIQUININ = pequeno.
PIQUITICA(O) = pequena(o).
PIRÁ = perder o controle, ficar louco, fora de si, enlouquecido.
PIRADO = enlouquecido, fora de si.
PIRAMBÊ = buraco.
PIRANGUEIRO = mão fechada, mão de vaca.
PIRANHA = garota de programa, mulher que se oferece, "da vida", "galinha".
PIRIGO = perigoso, risco.
PIRIGUETE = profissional do sexo, prostituta, puta.
PIRIPAQUE = passar mal, ciricutico, nervoso, ansiedade.
PIRIQUITA = genital feminino: vagina, xana, buceta.
PIRÔ = perdeu o controle, ficou louco, fora de si.
PIRRALHA = menino pequeno.
PIRUA = mulher oferecida, despreendida.
PIRULITAR = sair fora, dar o fora.
PIRULITO = pênis.
PISADO = ferida, machucado.
PISANTE = tênis.
PISÔ-SE = machucou-se.
PISOU NA BOLA = cometeu erro, fez o que não deveria, fez coisa errada.
PISSUI = possuir.
PISTA DE AEROPORTO = calvo, careca, sem cabelo.
PISTOLEIRA = interesseira, que casa por dinheiro, usurpadora.
PITACO = conversa, opinião, sugestão.
PITI = estado psicológico levemente alterado.
PITI BULL = pessoa ruim, nervoso, alterado ou cachorro bravíssimo.
PITIMBOU = lascou tudo, ferrou ou foi ferrado, quebrou, não funcionou.
PITITICA(O) = pequena(o) ou muito pequena(o).
PITOCO = sem rabo.
PITRICA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
PITUCA = cabeça.
PIU-PIU = pênis.
PIVETE = menino pequeno.
PIXIRICA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
PLANTÁ = plantar.
PLAY = metido, mauricinho, que se acha.
PLAYBOY = metido, mauricinho, que se acha.
PÓ = metido, que só anda limpo.
PÓ DA GAITA = pessoa velha, acabada.
PÓ DE ARROZ = que se veste só social e se acha.
PÔ MEU = desagravo.
PÔ QUE = por que?
POBRE COITADO = fudido e mal pago, sem saída.
POBREMA = problema.
POCO = pouco.
POD'S CRÊ = acreditar, confiar
PODA = ultrapassar, cortar, o mesmo que apodá.
PODAR = ultrapassar veículos, cortar árvores.
PODE CRÊ = sim, ok, ta confirmado.
PODEXÁ = pode deixar.
PODI = apodei, ultrapassei.
PÓDI = pode.
PODIMI = pode-me.
PODRE = ruim, fedido.
PÕE NA BUNDA = esconde, guarda, joga fora.
POGRAMA = programa.
PÓIA = apóia, incentiva, oportuniza.
POIA = atrapalhado, bobo.
POIS É = fusca, podendo ser: a sim, concordo, certo (afirmativas)..
POLC = beijo.
POLITÓ = palitó.
PONHÁ = colocar, pôr.
PONHEI = por, colocar.
POPOSUDA = bunduda. Bunda grande.
POPRIDADE = propriedade.
POQUIM = pouquinho.
POQUINHO = pouquinho, pouco, um instante.
POR A BOCA NO TROMBONE = gritar, chamar a atenção.
POR BAIXO DO PANO = cambalacho, sem tornar conhecido.
POR UM FIO = quase, por pouco.
PORCESSU = processo judicial.
PORQUEOU = bebeu de mais e vomitou.
PORRADA = soco, murro, tapa, briga.
PORRAH = puxa, caramba, rapaz (espanto).
PORRETA = algo muito bom.
PORTUGUÊS = diz-se de alguém lerdo, devagar.
PÔS A CARA A BATER = se apresentou.
POSA = dormir na casa de alguém, preparar-se para foto.
POSSIVI = possível.
POSSUÍDO = conjunto genital masculino, possesso, dominado pela raiva e pelo ódio, que age de maneira estranha, age pela raiva.
POSTI = poste.
POSTIM = postinho, Posto de Saúde.
POSTO PRA FORA = colocado para fora.
POTRA BANDA = do outro lado, na outra parte, na parte de lá, do lado de lá.
POTRANCA = mulher, mulherão.
POUPANÇA = bunda, nádegas, traseiro de uma pessoa.
POUQUIM = pouquinho.
POXA VIDA!! = tristeza.
POZÁ = dormir.
POZINHO = metido, todo cheio, que se acha, que anda nos trinque, chato.
PR'AQUELESs = para aqueles.
PR'ELE = para ele.
PR'ESSAS = para essas, para lá, para cá.
PRÁ = para.
PRA DIANTE = para frente, distante, longe.
PRÁ LÁ DE BAGDÁ = zoado, passado, bêbado.
PRÁ LÁ DE BOM = muito bom, melhor ainda.
PRA MAIS DE METRO = coisa ou assunto muito longo.
PRÁBUNITO = sem utilidade.
PRACA = placa.
PRAFRENTEX = para frente, muito bom.
PRAIA SEM AREIA = cadeia, dormir no chão.
PRANTA = planta, flor.
PRANTAÇÃO = plantação.
PRANTAÇÃOS = plantações.
PRANTAR = plantar.
PRATA = moeda, dinheiro.
PRATINHAS = moedinhas, dinheiro.
PREÇO DE ARRASAR = preço baixo, oferta.
PREGO = pessoa que se acha, mané, otário, pião.
PREGUNTÁ = perguntar.
PRENDA = moça, oferta, presente, objeto doado.
PRENHA = grávida.
PREULADO = abismado, impressionado.
PREXECA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
PREZEPADA = alguma coisa ou ato que deu errado.
PRIGUIÇA = preguiça.
PRIGUNTA = pergunta, perguntar.
PRIVADA = banheiro, mitório, casinha de segredo.
PRO'CÊIS = para vocês.
PROCÊIS = para vocês.
PROCURAR CHIFRE NA CABEÇA DE CAVALO = procurando o que não existe.
PROCURAR PELO EM OVO = procurar problemas, procurar o que não existe.
PROCURAR SARNA PRA COÇAR = procurando problema.
PROFE = professor (a).
PRONTANDO = aprontando.
PROSA = conversa fiada, bate-papo.
PROSIÁ = conversar, trocar idéias, bate-papo.
PROSTA = próstata.
PRU = para, para o.
PRUCAUSA = por causa.
PRUMÓDIQUE = pelo modo de que?
PRUS = para os.
PRUZIÁ = conversar, bater papo, dialogar.
PSSÔR = professor.
PSSORA = professora.
PU QUE? Por que?
PUCHA? = admiração.
PUDÊ = poder.
PUDEMO = podemos.
PUDIM DE PINGA = bêbado, alcoólatra.
PUIÇA = polícia.
PUIS = pois, pôs, colocar.
PUIS-CLARO = sim, pois sim.
PUISIA = poesia.
PUIZ = colocar, por.
PUIZ ÓIA = olha, veja, escuta.
PULANDO PARA TRÁS = desistindo, pipocando.
PULAR PARA TRAS = mancar, desistir.
PULAR PARA TRÁS = recuar de um combinado.
PULGA ATRÁS DA ORELHA = preocupado.
PULIÇA = polícia.
PULOU PRA TRAS = recuou, desistiu, saiu fora.
PUM = peido.
PUR = por.
PUR QUE? Por que?
PURGAR = vazar pus, escapar.
PURGOU = correu, caiu fora.
PURINQUANTO = por enquanto.
PURIZEMPO = por exemplo.
PURNOSSOS = por nossos.
PURO SUCO = menina sarada, bonita e gostosa.
PURUNGA = recipiente de água advindo da abóbora, cabaça.
PUSSIVI = possível.
PUT´S GRILA = Puxa vida!
PUT'S = susto, exaltação, que coisa.
PUTA = prostituta, profissional do sexo.
PUTA CAGADA = serviço mal feito.
PUTA DE CEGO = prostituta em baixa, de baixa qualidade, sem procura.
PUTA KI PARIU = raiva, revoltado, descontentamento.
PUTA LÁ MERDA = susto, decepção, questionamento.
PUTA MÉRDA = admiração, susto, que coisa, pára.
PUTARIA = zona, bagunça, de perna para o ar.
PUTEIRO = zona, prostíbulo.
PUTIADO = com raiva, bravo, nervoso, decepcionado.
PUTRA BANDA = do outro lado, na outra parte, na parte de lá, do lado de lá.
PUTZ GRILO = nossa!!.
PUTZGRILO = caramba! Que absurdo!
PUXA PUXA Q'PUXA = espanto ou incerteza sobre determinado fato.
PUXA SACO = pessoa que agrada querendo algo em troca.
PUXA VIDA = decepção.
PUXAR A PAIA = cochilar, tirar uma soneca, dormir.
PUXAR O DEDO = atirar, dar um tiro, matar alguém.
PUXAR UM BECK = fumar droga: cocaína, maconha...
Q'SACO = chateza, chato.
QREBRADO(A) = sem dinheiro, liso, duro.
QUADRADO = pessoa sem inteligência, careta, bitolado, sem conhecimento.
QUALÉ? = o que foi? O que você quer?
QUANDO É FÉ = de repente.
QUANDO UM NÃO QUER, DOIS NÃO BRIGAM = se um não quer briga, não adianta o outro provocar.
QUANDO VOCÊ TIVER A MINHA IDADE, VOCÊ VAI ENTENDER = antecipação de conhecimento e aquisição de sabedoria.
QUANDOCÊ = quando você.
QUANDUABRAÇAMU = quando abraçamos.
QUANTO TÁ TIRANDO NO SERVIÇO? = qual o salário?, quanto ganha?
QUARQUÉ = qualquer.
QUARTO = costa da pessoa (meus quartos estão doendo).
QUASE FUI PU PAU = quase morreu.
QUÉ = quer.
QUE CHATO = ruim, indelicado.
QUE MANERO = que legal.
QUE PAIA = sem graça.
QUE PALHA = que fiasco, nada a ver.
QUÊ QUE TÁ SE ABRINDO?= O que é ô?, o que foi?
QUE QUI = o que é que.
QUE SE ACHA = metido, salto alto.
QUE TÁ SE ABRINDO = dando risada à toa.
QUE TAL ISSO DAÍ = pode ser isso?
QUE'D'ELE? = onde está?
QUEBRA GALHO = remendo, conserto provisório.
QUEBRANDO O GALHO = fazendo remendo, ajudando, contribuindo por pouco tempo, consertando provisoriamente.
QUEBRANTE = tirar feitiço, sarava, tirar mal olhado.
QUEBRAR = ficar duro, sem dinheiro, liso, arriado.
QUEBRAR A CORRENTE = vacilação.
QUEBRAR A ESQUERDA = virar à esquerda.
QUEBRAR O PAU = briga feia.
QUEIMA ROSCA = gay, travesti, homossexual, bicha, boiola.
QUEIMADO = ter sido falado mal.
QUEIMANDO A CARA = passando vergonha, fazendo feio.
QUEIMANDO A ROSCA = fazendo sexo anal.
QUEIMAR = falar do outro, estragar a vez do outro.
QUEIMAR A CARA = passar vergonha.
QUEIMAR A ROSCA = transar, fazer sexo; ver molhar o biscoito, afogar o ganso, relação sexual por meio do ânus.
QUEIMAR O FILME = estragar ou falar mal de alguém, vacilar, entregar, dedurar.
QUEIMAR PEDRA = fumar crack.
QUEIMAR ROSCA = transar, fazer sexo; ver molhar o biscoito, afogar o ganso, relação sexual por meio do ânus.
QUEIMOU MEU FILME = falaram de mim, fofocaram.
QUEIXAR = azarar, paquerar, namorar.
QUEIXO(A) = mentira, cantada (ex.: fulano pregou um(a) queixo(a) em cicrana).
QUEIXUDO(A) = mentiroso(a), paquerador(a), namorador.
QUEJO = queijo.
QUEM GABA A NOIVA É O NOIVO = quem muito elogia está puxando o saco, está em busca de vantagens ou quer se aparecer.
QUEM MANDA AQUI? = mandão.
QUEM NÃO SE COMUNICA SE ESTRUMBICA = ausência de comunicação, falta de diálogo.
QUEM NÃO TEM CACHORRO, CAÇA COM GATO = fazer de tudo para conseguir o que se quer buscando recursos alternativos, não desanimar.
QUEM PASSAR POR ÚLTIMO, FECHE A PORTA = o último paga tudo, lava a louça...
QUEM TEM CU, TEM MEDO = todas as pessoas são medrosas.
QUEM TRABALHA DE GRAÇA É RELÓGIO = todo trabalho tem um preço, teu seu valor.
QUENGA = prostituta, mulher da vida, mulher feia, muitos filhos.
QUENTÊ = quente, fervendo.
QUENTINHA = marmitex.
QUERÊ = querer, desejar.
QUERENDO SER = se achando, metido(a).
QUERO CRER = duvido, só acredito vendo.
QUETA O FACHO = fique quieto, assenta-se.
QUI = que.
QUI JEITO = de que jeito.
QUI MASSA = admiração, exaltação.
QUI MI CONTÔ = que me contou.
QUI NEM = igual.
QUI'ZICA = que zebra, trava, que problema.
QUIETO = deixa pra lá.
QUINTAR = quintal.
QUIPROQUÓ = do latim, significa: "quid pro quo", uma coisa pela outra; toma lá, dá cá.
QUIZILA = confusão.
RABUTAIA = resto, pedaço, sobra.
RACHOU O BICO = se ferrou, caiu do cavalo.
RADIOLA = baile, diversão, festa.
RAIVADO = nervoso, com raiva.
RALA RALA = baile.
RALADO = complicado, ferrado, fudido, passado para trás.
RALAR = trabalhar, sofrer, transar.
RAMONA = grampo de cabelo.
RANCHO = casa, moradia, compra do mês.
RANGO = comida.
RANHETA= ranzinza, brava, chato.
RANHO = catarro, sujeira do nariz ou garganta.
RANZINZA = brava, chata.
RAPA = pessoa que rouba, que pega as coisas, cinco dedos, que tributa a população sem justificativa objetiva.
RAPÁ = rapaz, cara.
RAPARIGA = mulher da vida, prostituta.
RAPARIGAL = zona, prostíbulo.
RAPARIGUEIRO = mulherengo.
RAPDÉIS = ligeiro, rápido.
RASGA = cai fora, sai correndo, sai daqui, foge.
RASGA-LATA = bomba, cabeção-de-nego.
RASTEIRA = passar o outro para trás, aplicar golpe.
RATEAR = dividir, reclamar, falhar, cometer algo incorreto, fora da lei e normas, esbravejar.
RATO = esperto, astuto, cinco dedos, rápido, que conhece macetes, malicioso, que não sai da biblioteca, que vive lendo, que vive na praia.
REATA = passador de cinto de calça.
REBOLAR = jogar, lançar, atirar.
RECLAMÁ = reclamar.
REDA = sai fora, vai embora, tira.
REDONDO = gordo(a).
REFRIGERANTE DE 2 LITROS = vai bem até a metade e depois perde o gás.
REI DA COCADA PRETA = poderoso, chefão, líder, bom do pedaço.
REINANDO = mandão, bravo.
REINAR = ficar bravo, fazer birra, pirraçar, mandar, controlar, brigar.
REIS = gado.
RÉIVA = raiva, nervosismo.
RELAMPEJANDO = trovejando, fortes relâmpagos.
RELAMPEJO = rápido, relâmpago.
RELAXA = acalme-se, não se apavorar.
REMADOR = motorista de transporte coletivo, ônibus.
REMANCHEANDO = enrolando, passando o tempo.
REMECHIDO = comida requentada, sobra de alimentos requentados.
REMELA = sugeira do olho.
REMOSO = misturado, misturar.
RENDENGUE = loja, comércio de roupa.
REPARTIR A PERUCA = sexo.
REPRESENTANDORIA = aposentadoria.
RÊS = gado, (vaca, boi, bezerro).
RESBALÃO = escorregar.
RESENHA = conversa curta e objetiva.
RESPONDA-ME DE NOVO E EU TE ARREBENTO OS DENTES! = ameaça, raiva, valorização do sorriso.
RESSACA = entregue após beber demais, bêbado.
RÉSTIA = reflexo do sol pelo vidro na vista humana.
RETORNEMO = retornamos.
REVESTRÉIS = revirado, de ponta cabeça.
REVORTO = reviravolta.
REVORVI = revolver.
REZENDE = legal, dez.
RIBA = em cima.
RIBEIRA = beira de rio.
RINSO = sabão em pó.
RIPITINO = repetindo.
RIPUTRIUDA = mulher cheia, com carne.
RISCA A FACA = baile.
RODAR A BAIANA = discutir, brigar.
RODINHA = grupo de pessoas conversando.
ROLAR = fazer sexo.
ROLAR ESQUEMA = sair ou ficar com alguém, transar, fazer sexo.
ROLAR O SENTIMENTO = sexo, amor.
ROLÊ = passeio, volta, bater perna, andar, sair, agarrar, aproveitar.
RÔLO = confusão.
ROLO = trocar algo, confusão, breganha.
ROMPER O ANO = passar a festa de ano novo, viajar na noite de ano novo.
RONCHIDÃO = marca de pancada na pele.
ROPA = roupa.
ROSCÓVIS = ânus.
RUA = cidade.
RUAÇA = bagunça.
RUAÇADO = bagunçado, desarrumado.
RÚSTICO = agressivo.
S'IMPORTA = se importa, tem preocupação.
S'ISQUECEU = se esqueceu.
SÁ = essa.
SÁ LUA = essa lua.
SABÊ = saber, tomar conhecimento.
SABIDO = inteligente, esperto.                                      
SABOEIRA = sapatão, lésbica.
SACA = entendeu!
SACANEANDO = zombando.
SAÇARICO = maçarico.
SACO CHEIO = saturado.
SACO DE PANCADA = alvo de gozação, bode expiatório, que apanha.
SACO DE TOUCIM = pessoa que chega ou sai e não cumprimenta o outro.
SACÔ? = entendeu? percebeu? captou? morou?
SADADE = saudade.
SAI AZAR! = espantando ou tirando de perto o que é ruim.
SAI DE BAXO = vai dar confusão.
SAI DO MEU PÉ = me larga, não me enche, me erra, para de encher o saco.
SAIR DE PINOTI = afastar-se sem que ninguém perceba, pessoa lisa, esperta.
SAIR DESEMBESTADO = sair na carreira, sair apressado.
SAIR FAÍSCA = discussão ríspida.
SAIU NO GÁS = correu, deu no pé.
SALCHICHA = salsicha.
SALSICHA = pessoa metida a besta.
SALTO ALTO = que se acha, metido(a).
SALVE = cumprimento.
SAMBACU = tapa, empurrão, chega pra lá.
SAMBOQUE = pedaço de parede ou de reboque de parede.
SANDAINHA = sandália pequena.
SANDÁLIA = chinelo de dedo.
SANGUE BOM = pessoa muito legal, digna.
SANGUE FRIO = calmo, de muita paciência.
SANGUE SUGA = aproveitador.
SÃO = som, barulho.
SAPECO = tiro na cara.
SAPO = entrão, adentra sem ser convidado.
SAQUEI = entendi.
SARACURA = mulher da perna fina.
SARACUTIÁ = andar à toa, passear.
SARADO(A) = homem ou mulher bonito(a), que chama a atenção, forte, demais.
SARAR = curar.
SARAR O PISADO = curar uma ferida ou machucado.
SARDADE = saudade, recordações, lembranças.
SARDADI = saudade.
SARGAÇO = algas marinhas.
SARNENTA = cheio de furo, irregular.
SARRO = risada, casquinha, zombar, zombando.
SARTA DE BANDA = pula fora, some daqui.
SARTEI DE BANDA = pulei fora, não vi nada, não me comprometo, não conheço, nunca vi, não sei de nada.
SASTIFAÇÃO = satisfação.
SASTIFEITA(O) = satisfeita(o).
SE ABRIR = dar demonstração, gargalhar, rir, sorrir.
SE ACABAR COMO UMA SACOLA VELHA = pessoa com caganeira, dor de estômago, vômito, acabar-se no banhairo de tanto vomitar ou defecar.
SE ACHA = pensa que é mais importante, que pode tudo, que está de bola cheia.
SE ACHANDO = acha-se melhor que os outros.
SE AFINOU = riu muito, sorrir.
SE AMARRAR EM ALGUÉM = gostar de alguém.
SE BORRA TODO = morre de medo, caga-se todo, defeca.
SE ENXERGAR = cair na real, cair em si.
SE ENXERGUE = cai na real, cair em si.
SE ESCALAR = se auto-convidar, entrão.
SE EU DIGO QUE É ASSIM, É ASSIM E PONTO FINAL! = determinação, indicação de quem manda no pedaço.
SE EU FOR AÍ E VOCÊ NÃO TIVER TERMINADO ESSA LIÇÃO, VOCÊ JÁ SABE!... = ameaça de castigo, incentivo a ter gosto pelos estudos.
SE EU ME LEMBRAR VOCÊ ME ESQUECE = fato sem importância.
SE FERRÔ = foi prejudicado, azarado.
SE FINJA DE HÓMI E SE PINCHE NO MEU PEITO = chamando o outro para briga.
SE FOI = morreu.
SE FUDEU = teve prejuízo, perdeu, foi derrotado, apanhar.
SE GABANDO = achando-se, contando vantagem.
SE GARANTE = que faz as coisas bem feitas, bom no que faz.
SE LASCAR TODINHO = se dar mal, se arrebentar.
SE LIGA = fique esperto, atento, aprende, presta atenção.
SE MANDA = cai fora, sai.
SE METIDANDO = exibindo-se, aparecendo-se.
SE PARECI BOBO = parece bobo.
SE PINCHE NO MEU PEITO = chamando o outro para briga.
SE RABISCAR DE NOVO, EU ESFREGO SEU NARIZ NA PAREDE! = ameaça.
SE TOCA = seja esperto, tenha cuidado, presta atenção.
SE TOQUE = saiba o que está fazendo, se cuide, tenha cuidado, atenção.
SE VOCÊ CAIR DESSA ÁRVORE VAI QUEBRAR O PESCOÇO E EU VOU TE DAR UMA SURRA! = aviso de queda, ameaça de apanhar: além de cair e quebrar o pescoço, ainda apanha.
SEATORA = corta caminho.
SECA = magra, olha.
SECAR = olhar fixamente para alguém, secar alguém, fitar, apreciar, torcer.
SECAR GELO = trabalho sem resultado.
SECO = tarado, perigoso.
SEGURA VELA = acompanhante de casal de namorado.
SEGURANDO VELA = acompanhando namorados(as).
SEGURAR OU AGARRAR COM UNHAS E DENTES = segurar, garantir.
SEGURAR VELA = acompanhar casal de namorados.
SEGURO MORREU DE VELHO = garantido, precavido, arrisca-se com precaução.
SEM EIRA NEM BEIRA = não tem nada, nem tem para onde ir, nada específico, de mãos limpas.
SEM FUTURO = que não dá certo, não é legal ou interessante, pessoa atrasada, devagar.
SEM GRACEIRA = chateação, falta de sossego, inquietação.
SEM NOÇÃO = pessoa sem limites do que é certo ou errado, besteirento.
SEM ONDE CAIR MORTO = sem nada, nem tem onde ser enterrado.
SEM PÉ NEM CABEÇA = sem sentido, fora de sentido.
SENTA-LE A MÃO = bater, partir para a briga, porrada.
SER PEGO COM AS CALÇAS NAS MÃOS = pego de surpresa, surpreendido.
SERÁ O BENEDITO? = espanto, pasmo, pergunta, preocupação.
SERROTE = quem fila ou pede cigarro.
SEU TROUXA = seu besta.
SEVERÁ = confirmar.
SHOW DE BOLA = muito animado, demais, bom demais, tudo ok, bom, beleza.
SI = se.
SI CÊIS = se vocês.
SI FOI = morreu, acabou-se, foi embora.
SI FU = foi-se, acabou-se.
SI LIGA = ficar esperto.
SI OCÊ = se você.
SICRANO = o outro.
SIGURÁ = segurar.
SIMBORA = ir embora, partir.
SIMBÓRA = vamos embora.
SINA = vida.
SINALÊRA = semáforo.
SINALERO = semáforo.
SINHORA = senhora.
SINISTRO = sem explicação, que aconteceu do nada, desconhecido(a), legal.
SINTIDU = que sentiu pena de alguém, sentido.
SIÔRA = senhora.
SIPÔI = supõe, supor.
SIPOR = supor.
SIRI NA LATA = pessoa revoltada, muito brava.
SIRIRICA = masturbação feminina.
SISTEMÁTICO = esquisito.
SÓ = captei, saquei, entendi.
SÔ = seu, senhor, ex: sô João?, ochente, ué.
SÓ ACREDITO VENDO = pessoa que duvida, que precisa de prova.
SÓ O FILÉ = mulher bonita, demais.
SÓ O MI = mulher bonita, demais.
SÓ O PITEL = legal, demais.
SÔBE = soube.
SOBRÁ = sobrar.
SOCADO = carro rebaixado, carro pleyboy.
SOCÔ = bateu.
SOIDADI = solidade.
SOLAR = machucar.
SOLTA MEU PÉ = deixar o outro livre, não ficar grudado.
SOLTANDO A FRANGA = abrindo-se, oferecendo-se sexualmente.
SOLTAR OS CACHORROS = xingar, falar mal, ficar bravo, nervoso.
SOLTO NA BAGACEIRA = solteiro.
SOMBRÁ = assombrar, fazer medo.
SONSO = bobo.
SOOU = ficou com medo, recuou, mijou para trás.
SOPA = pernambuco.
SORCABA = Sorocaba.
SORTEMO = soltamos, soltar.
SORTERO = solteiro.
SORTUDO = que teve sorte.
SOSSEGAR O FACHO = aquietar-se, não ficar exaltado.
SOU ESPADA = homem quando quer dizer que não é gay.
SOVA = apanhar, bater, agressão.
SPRUBLLE = lega, gostoso(a).
STYLE = que anda na moda.
SUALEGRIA = sua alegria.
SUBI PRÁ CIMA = subir.
SUBIR NO PÉ DE ALFACE = ficar sem fazer nada, não tomar nenhuma atitude, morgar, ficar parado.
SUCATA = pessoa velha.
SUCIDA = suicida.
SUJAR = sacanear com alguém, aprontar, dedurar, entregar.
SUJEIRA = sacanagem.
SUJOU = aconteceu um problema, apareceu alguém, risco de ser visto por alguém.
SUMI = sumir, desaparecer.
SUPAPO = pancada, socos rápidos, chega pra lá.
SUPIMBA = dá, penetrar, dá neles.
SUPIMPA = demais, legal.
SUPIMPA = legal, bom, interessante.
SUPIMPA NA GOIABA = muito legal.
SUPRA SUMO = que se acha o bonzão, pensa saber tudo, acha-se o tal.
SUPRA SUMO DO CÚ DO PATO = o bonzão, que se acha.
SURDINA = escondida, por baixo do pano, em IOF.
SURUBA = orgia, sexo grupal, bagunça sexual, namoro escandaloso.
SURUCA = entra.
SUSSA = sossegado.
SUSTENTÁ = sustentar.
SUSURRAR = cochichar.
SUSURRO = cochicho.
SUVAQUEIRA = mau cheiro nas axilas.
SUVINO = ruim, munheca, mão fechada.
SUVOCA = apanhar, surra.
SUZINHA = sozinha, só.
TÁ = está.
TÁ BÃO = está bom, legal, acertado, tudo bem?, ok?
TÁ BOA? = tudo bem?
TÁ CHUVENDO = menstruada.
TÁ DE CHICO = menstruada.
TÁ DE GRAÇA = fácil, esta brincando.
TÁ DE OLHO = interessado, paquerando.
TÁ DE VARDE = estar à toa, sem nada fazer.
TÁ DURO = sem dinheiro, liso.
TÁ FERRADO = sem saída, marcado, frito, fudido, lascado.
TÁ FRITO = sem saída, marcado, fudido, lascado.
TÁ FUDIDO = sem saída, marcado, frito, lascado.
TÁ LÁ = já fui, a vou, capaz.
TÁ LASCADO = sem saída, marcado, frito, fudido.
TÁ LIGADO = entender, atento, percebendo, captando.
TÁ LIGADO? = percebeu? captou? Entendeu?
TÁ LIMPO = livre, pode ir, ok, livre, sem problema, com a barra limpa, sem dever nada, não ter cometido ilegalidade ou erro.
TÁ LISO = duro, sem dinheiro, esperto, rápido.
TÁ LOCO = está louco.
TÁ ME TIRANDO = está brincando comigo, está me pertubando.
TÁ NA MIAA = conquistei, ganhei, é minha.
TA NA ROÇA = está perdido.
TÁ NA ROÇA = está perdido.
TÁ NO GRAU = alcoolizado, bêbado.
TÁ PENSANDO QUE NASCEU DE FAMÍLIA RICA É? = comparação com família rica, demonstração de raízes familiares.
TÁ RALADO = está ferrado, está fudido.
TÁ SE ACHANDO = acha-se melhor que os outros.
TÁ XADREZ = Quando o cara fica muito bêbado,passado da conta.
TABACUDO = abestalhado, abilolado, que se parece besta, bobo.
TABAIO = trabalho.
TÁBUA = chega prá lá, negar, desistir.
TACÁ-LO PAU = correr, ir depressa, voar.
TAGARELA = falador, conversador, fala muito.
TAIÁ = cortar, espedaçar.
TAIO = corte.
TÁIO = corte.
TAMBORETE DE ZONA = sujeito baixinho, pequeno.
TAMÉM = também.
TÂMO = estamos.
TAMOS = estamos.
TAMPA = sujeito bom em alguma coisa.
TAMPA DE CRUSH = que se acha o bom, pensa saber tudo, acha-se o tal, sujeito que é muito "tampa": toma crush quente sem fazer careta.
TANÇO = pessoa sem inteligência, atrasado, "burro".
TÃO = grande, muito.
TAPADO = ruim de compreensão.
TARRACÔ = segurou
TASCO = bar, boteco, capelinha.
TÃTÃ = bobo, lélé, biruta.
TATURANA = órgão sexual feminino, vagina.
TAUBA = tábua.
TAVA = estava.
TCHAU! = até logo, partir, fui.
TCHUCO = bêbado.
TE = ter.
TÉ MAIS = até mais.
TE QUÉ = chamando alguém (ex.: fulano te chama).
TECO = pedaço, tiro, bala.
TEIADO = telhado.
TEM NEM PERIGO = sem condições, impossível.
TEMPESTADE EM COPO D'ÁGUA = chato, bravo, escândalo, confusão por pouca coisa.
TEMPO DO BUMBA = antigo, velho.
TEMPO MEIO BRUSCO = tempo feio, escuro, formado para chover.
TENDÉU = coisa louca, que situação.
TENDI = Entendi, compreendi.
TENEBROSO = sem explicação, que aconteceu do nada, desconhecido(a), legal ou estranho.
TENTÔ = tentou.
TEQUILONOGIA = tecnologia.
TER AS MORAL = ter coragem.
TER MENINO(A) = ter parido, ter dado a luz, ganhou nenê, foi mamãe.
TER MORAL = pessoa respeitada.
TERNERO = bezerro.
TESTA DE FERRO = tem costa quente, tem apoio de alguém, forte.
TETÉIA = menina bonita, filé, boa.
TI = te.
TIK TECO = esquecimento, falta de memorização.
TILANGO = pessoa acabada.
TIM TIM = toque, tocar.
TIM TIM POR TIM TIM = nos mínimos detalhes, tudinho.
TIO = pessoa velha pra sua idade.
TIQUIM = pouquinho, devagar, aos poucos.
TIRA = policial, atirar, pegar.
TIRÁ = tirar, zombar.
TIRÁ ÁGUA DO JOELHO = urinar, mijar.
TIRÁ NA CARA DO OUTRO = sarro, risada, casquinha.
TIRÁ O CABAÇO = fazer alguém perder a virgindade, desvirginar.
TIRA O ZÓIO = pára de olhar, seja discreto, disfarça.
TIRA ONDA = chamar a atenção.
TIRANDO = zombando, brincando, explicando-se.
TIRANDO ÁGUA DO JOELHO = urinando, mijando.
TIRANDO BARATO = tirando uma casquinha no outro, sarro, gozação.
TIRANDO ONDA = zombando de alguém, brincando.
TIRAR = zombar, explicar, brincar com a cara de alguém.
TIRAR ÁGUA DO JOELHO = urinar, mijar, fazer pipi.
TIRAR O CAVALO DA CHUVA = não adianta esperar, não ficar alimentando esperanças.
TIRAR O PAI DA FORCA = liberar, libertar-se, ficar à vontade, socorrer.
TIRIRICA = bravo, decepcionado, revoltado.
TIROU DA MINHA BOCA = disse o que eu ia dizer, falou com minhas palavras, já disse.
TÔ = estou.
TÔ A PAMPA = estar legal, estou legal.
TÔ CAGADO = estou ferrado, me lasquei.
TÔ CAGANO DE MEDO = fazendo-se de corajoso.
TO DE BOA = sossegado, to cheio, não.
TÔ DE CARA = não acreditar no que vê, decepção.
TÔ DE PORRE = bebeu demais, encheu a cara.
TÔ DE ROLO = estar saindo com alguém.
TÔ DE SACO CHEIO = situação que chegou no limite, o mesmo que não suportar mais uma situação ou coisa.
TÔ FACANDO = estar saindo com alguém.
TÔ KI TÔ = querendo, com vontade.
TÔ LÁ = vou sim, estarei participando.
TÔ LAGADO = atento, acompanhando.
TÔ MEDONHO = abismado, sentido.
TÔ MUCHO = desanimado, decepcionado, abismado, que coisa.
TÔ NA SECA = necessitando de sexo ou droga ou bebida, estar sem namorado(a), vontade fumar droga, crack.
TÔ NESSA = participarei, irei.
TÔ PÁS TAMPA = estou cheia, não agüento mais, parem de encher o saco.
TÔ PORAQUI = já não agüento mais, parem de encher.
TÔ RALADO = estou ferrado, estou fudido.
TÔ RALANDO = estar trabalhando muito.
TÔ VIRADO = sem dormir.
TÔ ZOANDO = tirando sarro, gozando, sorrindo do outro.
TO'CU FRIO = estou com frio.
TÔAPURADO = necessitando ir ao banheiro.
TOBOGÃ DE MOSCA = pessoa careca, careca por inteiro.
TOCAR UMA BRONHA = se masturbar (masculino).
TODAVIDA RETO = sempre em frente, seguir adiante.
TODO ERRADO = com vergonha, envergonhado, encabulado.
TOMÁ = tomar, beber.
TOMÁ BOMBA = injetar anabolizante, injetar droga no corpo para adquirir musculação.
TOMÁ UMA = beber uma cerveja.
TOMADA = estar ligado, disposto, já é, agora.
TOMANDO CHÁ DE CADEIRA = sendo castigado.
TOMAR GARAPA = tomar água com açúcar.
TOMAR UMA = beber, embriagar-se.
TOMEI UM CAPOTE = cair, esborrachar-se no chão.
TOMÉM = também, sim.
TOMEM = também.
TONGO = bobo, besta, "burro".
TÔNHO = Antônio.
TOPÁ = tropeçar, aceitar, topar.
TOPAR = tropeçar.
TOQUINHA = camisinha.
TORA = quebra, arrebenta, pessoa forte.
TORA REGO = quem usa calça apertada.
TORADO = forte, robusto.
TORAR = partir, quebrar, rachar.
TORAR UM AÇO = sentir intenso medo, passar por situação difícil, de aperto.
TORÓ = chuva.
TORRÃO = difícil de negociação, seco, direto.
TORRAR = encher o saco, atrapalhar, incomodar.
TORRÔ = torrar, passar do tempo.
TOSCO = idiota, imbecil.
TOTAL = encontrou, achei, está nas mãos.
TOUREAR = controlar, negociar.
TRABAIÁ = trabalhar, labutar.
TRABAIO = trabalho.
TRABICERO = travesseiro.
TRABUCO = arma, mulher feia, baranga.
TRAÇÁ = cortar, comer alguma coisa, fazer sexo, transar, afogar o ganso, molhar o biscoito.
TRAÇÁ UMA MUIÉ = fazer sexo, transar, afogar o ganso, molhar o biscoito.
TRAMA = troca.
TRAMBIQUERO = enrolador, picareta.
TRAMPÁ = trabalhar.
TRAMPO = trabalho, labura.
TRANCOSO = mentiroso, invenção.
TRANQUERA = gente ruim, má companhia.
TRANSA = fazer sexo, afogar o ganso, molhar o biscoito, traçar uma mulher ou gay, negociar, fazer rolo.
TRAPASSADO = passado para trás, enganado.
TRAQUINAR = bagunçar, malinar.
TRASTE = que não presta, ruim, atrasado.
TRASTI = canalha, safado, danado.
TRATORERO = tratorista.
TRAVECU = travesti.
TRECO = algo, coisa.
TRÉCU = desmaio, passar mal, coisa, objeto.
TREIS = três.
TRÊNO = treino, física.
TREPEÇA = pessoa inconveniente.
TRETA = briga, discussão, confusão.
TRI LEGAL = muito, muito legal
TRIÁ = partir, sair fora, viajar.
TRIBUFÚ = pessoa feiosa.
TRIMINEI = terminar, acabar, terminei.
TRIMINÔ = terminou, acabou.
TRINCAR O'ZÔVO = trincar os ovos, decepcionar, frustrar.
TRISCA = tocar, encostar.
TRISCAR = tocar, encostar.
TRIVISSIA = travessia, passar de um lugar para o outro, trecho longo entre um lugar e outro.
TROCÁ IDÉIA = conversar com alguém.
TROCÁ O ÓLEO = masturbar-se.
TROCADO = dinheiro.
TROCANDO AS BOLAS = enganando-se, errando.
TROCANDO OS PÉS PELAS MÃOS = fazendo o que não deve, se arriscando, querendo ser adiantado, cometendo erros.
TROCAR FIGURINHAS = trocar informações, conversar sobre coisas que um tem e o outro não.
TROÇO = bagulho, coisa indefinida, negócio, rolo, algo interessante, coisa ruim.
TROMBADINHA = ladrão de rua, batedor de carteira.
TRONCHO = torto, curvado, bobo.
TROVEJADA = trovoada.
TROXA = besta, otário, bobo.
TRUCÊ = torcer, apertar.
TRUPICÁ = tropeçar.
TUCAIAR = cuidar, vigiar.
TUDÉIS = todos eles.
TUDNÓI = todos nós.
TUDO ESGUALEPADO = gambiarra, chucho.
TUDOEIS = todos eles.
TUDOVUADA = correndo, rápido, ligeiro.
TUFÃO = movimento, muvuca, bagunça.
TUIZ = tu, você.
TUMÁ = tomar, beber.
TUNDA DE LAÇO = apanhar de corda.
TUNHAR = bater, atacar.
TURBINADA = mulher do peito grande, enorme, peituda.
TURISTA = gazeteiro, sujeito que falta aos compromissos, à aula, às reuniões.
TURRÃO = fechado, quieto.
TUTU = dinheiro.
UAI! = satisfação, espanto. Em inglês, vem de Why (pergunta).
UAUUU = admiração.
UCÊIS = vocês.
UÉ = exclamação, susto.
UISCUITÁ = escutar.
UISCUTÔ? = escutou?
UM DIA A CASA CAI = um dia a desgraça vem, tudo será descoberto...
UM DIA VOCÊ TERÁ SEUS FILHOS E EU ESPERO QUE ELES FAÇAM PRÁ VOCÊ O MESMO QUE VOCÊ FAZ PRA MIM! AÍ VOCÊ VAI VER O QUE É BOM! = antecipação de justiça.
UM PÃO = bom, legal.
UMA MÃO LAVA A OUTRA = pessoas que se ajudam.
UMA PÁ DE VEZ = várias vezes.
UNS PAR DELE = muitos.
UQUI = o quê.
URIUDO = orelha grande.
URRANDO = gemendo, sentindo necessidade.
URSA = úlcera.
ÚRTIMA = última.
URUBU = pessoa que fica em cima das meninas, quem pega as sobras, os restos. Garotas rejeitadas pelos amigos bem dotados, pessoa feia.
URUBUCERVANDO = de olho em alguém, paquerando.
URUBUZANDO = dar em cima de uma mulher, paquerando.
URUPEMBA = peneira.
US = os.
USEGREDO = um segredo.
UTA = abraço.
UZÔMI = os homens.
VÁ TAPÁ = vai tapar.
VACILÔ = bobeou, marcou bobeira.
VADIAR = viçar, enrolar, não fazer nada.
VAGAL = preguiçoso, enrolador, devagar, lento, vagaroso.
VAGALINHA = moça muito fácil.
VAGUEIAR = perambular, andar desorientadamente, caminhar, mudar de um lugar para outro sem objetivo.
VAI FICAR AÍ SENTADO ATÉ COMER TODA COMIDA! = castigo.
VAI OU RACHA = decidiu ta decidido.
VAI SE LASCAR! = suma daqui, vá procurar o que fazer.
VAI TE CATAR = folgado, sai para lá, afasta-se.
VAI VÊ SE ESTOU NA ESQUINA = deixa-me quieto, sai pra lá, para de encher o saco.
VAMIM BORA = vamos embora.
VAMO VÊ = vamos ver.
VAMU = vamos.
VANCÊ = você.
VAPT = vai rápido, ligeiro.
VAPT VUPT = ligeiro, rápido, esperto, vai e vem rapidamente.
VARA DE BATÊ PECADO = pessoa alta e magra.
VARADO = com fome.
VARGA = folgado, à toa, vagabundeando, parado, sem fazer nada, de braços cruzados.
VARIADO = nervoso, agitado, louco.
VARRÊI = vôte, espanto.
VAZA = cai fora, sai daí, vai embora, derramar.
VAZÁ = ir embora, partir.
VAZA DAQUI = saia deste lugar, vai embora.
VAZANDO = saindo fora.
VAZIA = vasilha, sem nada.
VEADO = homossexual, travesti.
VÉI = pronome de tratamento: e ai véi, tudo bem? cara, velho, idoso, amigo, meu.
VÉIA = velha, idosa.
VÉIO = velho, idoso.
VEIS = vez.
VELA = estorvo, que atrapalha.
VEM COISA = bronca, surpresa.
VEM'NE'MIM = vem para cima, atira-se, ataca-me.
VENENO = coisa boa.
VENTO EM POUPA = sempre em frente, de bem com a vida, vitorioso.
VER COM QUANTOS PAUS SE FAZ UMA CANGALHA = sofrer, apanhar e aprender.
VERADA = beirada.
VERDADI = verdade.
VERDAIDE = verdade.
VERDINHA = dólar, dinheiro, tutu.
VERMEINHA = vermelhinha.
VERMEIO = vermelho.
VESGO = que tem olhos estrábicos.
VEVI = vive, viver.
VEXAME = passar vergonha, aperto.
VIAJANTE = andador, aquele que não presta atenção.
VIAJAR = estar no mundo da lua, alienado das coisas, não estar presente mentalmente, viajar na maionese, boiar.
VIAJAR NA MAIONESE = aéreo, pensativo.
VIAJEIA = viajar, viajando.
VIAJOU = está fora do ar, pensando longe.
VIAS DE FATO = chegar nos finalmentes, estar próximo da conclusão, transar depois de uma paquera, próximo a partir para a agressão física...
VIÇAR = frescando, vadiando, enrolando, não fazendo nada.
VICHE MARIA = espanto.
VIDA BOA = pessoa que vive sem fazer nada, parado, à toa, folgado.
VIIIIXI MARIA = espanto, nooossa.
VINA = salsicha - do termo alemão "vinewürst", embutido.
VINCI = vencer, ganhar, ser vitorioso.
VIRÁ A BARRACA = esparramar, gritar, esbravejar.
VIRÁ CASACA = trocar de lado, trocar de sexo, trocar de time.
VIRADO NO GUEDES = lugar bagunçado, desarrumado.
VIRADO NO MOLHO DE COENTRO = estar com tudo, ser capaz, conquistar.
VIRADO NUM MÓI DE QUENTO = muito animado, disposto.
VIRANDO NUM SARSEIRO = lugar bagunçado, desarrumado.
VIROU A CASACA = tornou-se gay, travesti, homossexual.
VISSE? = entendeu?, compreendeu?
VIXE! = puxa! espanto.
VIXI = espanto.
VIZIUM = vizinho.
VÔ = vou.
VÔ I = vou aí.
VÔ PÁ CIDADE PAGAR UMAS CONTAS = sair, passear, ir à cidade.
VÔ VÊ = vou ver, olhar.
VOCÊ É IGUALZINHO AO SEU PAI! = comparação com o pai, genética.
VOCIFERAVA = esbravejar, ratear, reclamar.
VOLTI = voltei, cheguei.
VOLTI'MEIA = de vez em quando.
VORTA = volta.
VORTÁ = voltar.
VORTEMO = voltamos, retornamos, voltar, retornar.
VORTIADA = passeio.
VORTÔ = voltou.
VÔTE = espanto.
VOU CONTAR ATÉ DEZ. SE NÃO OBEDECER, LEVA UMA SURRA! = ameaça.
VOU I = eu vou, ir a algum lugar.
VOUQUISHIVAGE = fusca; volkswagen.
VRIGE = virgem.
VUDUM = fedido, podre.
VUMBORA = vamos embora, partir.
VUPT = volta rápido, ligeiro.
X-9 = pessoa pouco confiável, que delata pessoas, dedo duro, fofoqueiro(a).
XADREZ = cadeia, prisão.
XANA = órgão sexual feminino, vagina.
XAROPEAR = incomodar, atrapalhar, torrar, encher o saco.
XAVASCA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
XAVECAR = paquerar, ficar de olho, jogar direta.
XAVECO = primeira paquera, primeiro namoro, de olho.
XERU = beijo.
XÊXO = dar calote, passar para trás.
XILINDRÓ = prisão, cadeia.
XILÓIDA = estilingue.
XIMIA = doce para pão.
XIMIRDE = bem grande.
XIRINGAR = jogar água em alguém, aprontar, molhar.
XISPÁ = embora, cair fora, partir.
XODÓ = objeto de estimação, filho ou filha querida, amor, legal.
XODOZINHO = filhinho ou filhinha.
XONADO = apaixonado, caído por alguém.
XÔXO = franzino, pequeno.
XOXOTA = órgão sexual feminino, vagina.
XUCRA = que não tem opiniões, palpites.
XUCRO = com pouca inteligência, bruto em alguns momentos.
XUXU BELEZA = legal, muito bom.
ZAMPETA = de pernas tortas, deficiente.
ZANGAR = inchar, doer.
ZANGUEI = fiquei bravo, nervoso.
ZARCO = ônibus.
ZAROLHO = que tem olhos estrábicos, "vesgo".
ZÉ BOCETA = escroto.
ZÉ BUCETA = escroto, largado.
ZÉ NINGUÉM = sem valor, desconsideração.
ZEBRA = deu para trás, deu errado, zebrou.
ZEBROU = deu para trás, deu errado, deu zebra.
ZEMM = tranqüilo, máximo, bom.
ZERO BALA = conservado, aparentemente novo.
ZICA = zebra, trava, problema, bicicleta.
ZOA = zombar do outro, tirar sarro do outro.
ZOADO = interessante, bom, também pode ser embriagado, bêbado.
ZOANDO = tirando na cara do outro, zombando do outro, sarreando.
ZOAR = bagunçar, fazer bagunça.
ZÓI de banha = guloso, faminto.
ZÓI ISTALADO = ovo frito.
ZOÍNHO = olhinho.
ZÓIO = olho.
ZÓIO PELADO = aquele que engana o outro.
ZÓIUDA = televisão.
ZOMBAR = sarro, casquinha, tirar na cara do outro.
ZONA = bagunça, baixo meretrício, boate.
ZORBADA = bronca, ter sido chamado atenção.
ZOREIA = orelha.
ZÔVO = ovo, testículo.
ZUADA = barulho, farra, bagunça, confusão, gritaria.
ZUAR = bagunçar, fazer barulho.
ZUEIRA = barulho, bagunça, fazer bagunça.
ZUMZUM = boatos, conversas baixas, fuxico.
ZUNHA = unha.
ZUVIDO = ouvido.


DICIONÁRIO POPULAR DE GÍRIAS E EXPRESSÕES
A CASA CAIU = deu zebra, tudo errado.
A CASA ESTÁ CAINDO = briga feia em casa.
A COISA TÁ PRETA = sem solução, difícil.
A CORDA ARREBENTA DO LADO MAIS FRACO = o lado mais fraco perde.
A FLOR DE ZIÁCO = afrodisíaco.
A PULSO = à força, na marra.
A RODO = muito legal, muito bom.
À TOA = sem fazer nada, parado, vida boa, folgado.
A VACA FOI PRO BREJO = situação ruim, coisa ruim, dificuldades.
A VER NAVIOS = ficou a olhar, abismado, sem ação e reação.
A VERA = muito legal, muito bom.
A’DE = capaiz!?!, há de ser verdade, espanto, nossa!, “vich” ou “bah”.
ABACAXI = rolo, problema.
ABAFAR = esconder, disfarçar, fazer de conta.
ABAFAR O CASO = esconder, fazer de conta que não existe, esquecer.
ABAIXA A BOLA = calma, devagar.
ABALAR = causar impacto, detonar, arrasar.
ABALOU BANGU = surpreender.
ABARCAR = pegar, alcançar, conquistar.
ABEA = abelha.
ABEIA = abelha.
ABÊIA = tratamento pejorativo para homem.
ABESTADO = fora de si, bobo, descontrolado, sem posição firme, sem informação, lesado.
ABESTALHADA(O) = pessoa voada, desligada, perdida.
ABESTALHADO = bobo, perdido.
ABILOLADO = abestalhado, que se parece besta, bobo.
ABISCOITADO = desligado, distraído, desatento.
ABISMADO = ficar impressionado.
ABOBADO = metido a besta, perdido, desorientado.
ABÓBORA = girimum.
ABOBRINHA = besteira.
ABOTOAR O PELETÓ = morrer, falecer, partir para o “além”.
ABRAÇA = continua querendo, vai ficar na vontade.
ABRACADABRA = abrir rápido, muito rápido.
ABRAÇAR O JACARÉ = cair do cavalo, se dar mal, dar o tiro pela culatra.
ABRAÇELE = abraça ele.
ABRAÇO PRO GAITERO = despedida, tchau, coisa ou assunto sem solução.
ABRIDA = aberta, abrir.
ABRIR AS PERNAS = ceder, facilitar, entregar de mãos beijadas.
ABRITAGEM = sacanagem, adulterado.
ABUSADO = metido, avançado, chato.
ABUSAR = encher o saco, perturbar.
ACABÁ = acabar.
ACABAR EM PIZZA = acordo denotando acertos corruptos sem punição a culpados, onde no final, todos festejam o resultado com pizza.
ACABRUNHADO(A) = triste, envergonhado, cabeça baixa, quieto, mole.
ACALENTAR = acariciar, bajular, cuidar.
ACARCÁ = apertar, torcer.
ACARQUEI = apertei, torci.
ACELERAR A MENTE = apressar, pressionar.
ACERTÁ = acertar.
ACERTAR NA LATA = ser preciso, pessoa que advinha.
ACERTAR NA MOSCA = certeza no que disse, acertar em cheio na primeira.
ACERTOU NA MOSCA = adivinhou.
ACHAPONADO(A) = apaixonado(a).
ACHAR CHIFRE NA (EM) CABEÇA DE CAVALO = procurar problemas, procurar o que não existe.
ACHAR PELO EM OVO = procurar problemas, procurar o que não existe.
ACHAR POR BEM = acreditar, decidir, desejo.
ACHA-SE O GÁS DA COCA = acha-se o tal, come todas.
ACHEGA = apeia, descansa, encosta, descer, desmontar.
ACHEGAR = chegar, sentar, encostar.
ACOCHADO = apertado, fixo.
ACÓDE = socorre, acodi.
ACOLÁ = não muito longe, ali perto, próximo.
ACORDI = acordar.
ACOXAR = apertar.
ACROCADO = agachado, de cócora.
ACUDIR = socorrer, acudir.
ADEMAIS = inclusive, enquanto não esqueço.
ADEVOGADO = advogado.
ADONAI = pessoa feia, que não chama a atenção pelo físico.
ADRENALIZAR = cheio de energia, cheio de coragem, muita energia.
ADUBAR O VASO = defecar, cagar.
ADVOGADO DO DIABO = pessoa que vê coisa boa onde aparentemente só há situações negativas e ruins.
AÉREO = fora de si, longe, pensativo, desligado, relaxado, desatento, perdido.
AEROPORTO = pessoa careca.
AEROPORTO DE MOSQUITO = careca.
AFE ou AFF = espanto, admiração, novidade.
AFF MARIA = espanto, nooossa.
AFOGÁ = refogar, afogar.
AFOGANDO O GANSO = fazendo sexo.
AFOGAR AS MÁGOAS = chorar, beber para esquecer alguma derrota ou coisa ruim, assistir um filme ou ver TV para esquecer determinadas situações.
AFOGAR O GANSO = fazer sexo, transar, molhar o biscoito, masturbar.
AFOGAR O PERIQUITO = transar, praticar ou fazer sexo.
AFOLOSADO = frouxo, quebrado, podendo cair.
AFROXOU = recuou, desistiu.
AGASALHANDO O CROQUETE = cobrindo o cabelo, guardando o pênis...
AGAZÁIA = agasalhar, aconchegar, proteger.
AGENTI = nós.
AGOA = regar plantas, agoar.
AGROTOXIO = agrotóxico.
AGU’IÁ = agulha.
ÁGUA = zebra, problema.
ÁGUA NA BOCA = ficar com vontade de alguma coisa e não poder realizar o gosto, desejar.
ÁGUA OXIGENADA = loira falsificada.
AGUNEIA = apressar, forçar, cobrar.
AGUNIADO = tenso, nervoso.
AH BOM = entendi, sim.
AÍ SÃO OUTROS 500 = Outra coisa, diferente, controverso.
AIGORÁ = pressentimento.
AIPIM = mandioca.
AIR BAG = mulher com seios grandes.
AJEGADO = sujeito bem dotado no pênis.
AJOJADO = cansado, quebrado, necessitado de descanso.
AJUDÁ = ajudar.
ALARDEAR = divulgar, tornar conhecido.
ALARDEIA = divulga, torna conhecido.
ALEMBRO = lembrar, recordar.
ALEMOA = loura.
ALERTI = alertar, avisar.
ALGAZARRA = bagunça, confusão.
ALMA-SEBOZA = ter maldade na mente, ladrão.
ALMOÇO ARREGADO = almoço forte, bom, pesado, gostoso.
ALOPRADO = exagerado, demais, apaixonado.
ALPARGATAS = chinelo de pés feito de brim, lona ou couro.
ALUADO = desligado, voado, bobo, distraído.
ALUGAR = ficar no pé, não largar a pessoa, pegar para Cristo, tomar o tempo de alguém, enrolar, mentir.
ALUMIA = clareia, aceso.
ALVISSAREIRA = interessante, merecedora de aplausos.
ALVORÍ = árvore.
AMADA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
AMANHECER COM A BOCA CHEIA DE FORMIGA = ser assassinada, levar tiros e morrer.
AMARELAR = entregar, ceder, possibilitar, ficar com medo de fazer alguma coisa, desistir.
AMARRADÃO = apaixonado, avexado por alguém.
AMARRAR O BODE = encostar, empacar, não sair do lugar.
AMARRAR O BURRO = travar, não sair do lugar, repousar, folgar.
AMARRAR O JEGUE = recusar de fazer alguma coisa, plantar-se, ir embora.
AMASSAR BOMBRIL = fazer sexo.
AMASSO = agarrar, abraço forte, pegar.
AMBUÂNCIA = usado mais ou menos assim "larga de ambuância" (deixa de ser chato, resmungão).
AMEBA = pessoa aérea.
AMEIA(O) = meia(o) a meia(o), de ameia(o).
AMIGADO = juntar-se, casar-se sem compromisso.
AMIGO DA ONÇA = traidor, que se faz amigo e trai, falso amigo, pessoa traiçoeira.
AMOFADINHA = pessoa que anda nos trinks, engravatado, rico, burguês.
AMOSTRADO = chamar a atenção para si, aparecer.
ANDAÇO = virose, vírus transmitido de um para outro.
ANDAR À TOA = nada fazer, perambular.
ANDAR NA LINHA = ser e andar certo, não cometer erros, ser elegante, andar corretamente, não perder a compostura.
ANDAR NAS NÚVENS = pessoa distraída, desatenta.
ANDÔ = andar, andou, agir.
ANEL DE COURO = ânus.
ANIMAL = algo muito bom, legal ou muito legal.
ANIMAL PAKAS = algo extremamente bom.
ANIMÁR DE TETA = pessoas bobas.
ANIMÁR VÉIO = pessoas bobas.
ANSIN = assim.
ANTA = pessoa pouco inteligente.
ANTÃO = então.
ANTONTI = ante ontem, antes de ontem, dois dias atrás.
AO DEUS DARÁ = esquecido, abandonado, perdido, sem rumo.
AO PÉ DA LETRA = executar algo tal qual determinado, literalmente.
AÔÔÔ TCHETCHÊNIA = grito de felicidade.
AOS TRANCOS E BARRANCOS = improvisado(a), de qualquer jeito, desajeitado.
APAGAR = eliminar alguém, matar, dormir, descanso.
APAGAR O CARA = eliminar, matar, assassinar.
APALAVRADO = combinado, acertado.
APANHA = pega, dá para mim, colhe.
APANHAR = pegar, colher, levar uma surra.
APARGATA = alpargata, chinelo.
APÊ = bairro, região.
APEIA = desce, achega, encosta, descer, desmontar.
APERREADO = preocupado, com problemas, agoniado, stress, apoquentado, nervoso, apertado financeiramente.
APERRIADA = inquieta, agitada.
APERRIADO = inquieto, preocupado.
APERRIAR = atrapalhar, encher o saco, torrar a paciência, incomodar.
APERTÁ = arrochar.
APERTA O F5 = cai na real, atualiza-se.
APERTAR = arrochar.
APETRECHO = objeto, coisa.
APIÁ = descer.
APIADO = descido, embaixo.
APIEDÔ = teve pena, teve dó, comoveu-se.
APIEI = descer, desci.
APINCHÁ = jogar, tacar.
APODÁ = ultrapassar alguém.
APODAR = ultrapassar um veículo.
APOIO DE FRENTE = flexão.
APOQUENTADO = preocupado, com problemas, agoniado, nervoso, apertado financeiramente.
APRUVEITÁ = aproveitar.
APURADO = nervoso, preocupado.
AQUÉ = dinheiro.
AQUELA COCA É FANTA = gay, travesti, homossexual, bicha, boiola.
AR DO DIA = amanhecer.
ARAME = dinheiro, tutu.
ARDIDA = ardido, apimentada.
ARENGA = briga, luta.
ARENGAR = discutir, brigar.
ARFACE = alface.
ARFÁCIA = alface.
ARGUÉM = alguém.
ARGUMA = alguma.
ARIRANHA = mulher agressiva, brava, sem paciência.
ARMADO ATÉ OS DENTES = preparado para qualquer situação de desavença ou conflito.
ARMAR A(O) BARRACA(O) = brigar, partir para cima, criar confusão, exaltar-se.
ARMAR BARRACA = criar confusão.
ARMAR UM BARRACO = brigar, criar confusão, discutir.
ARMARIA = Ave Maria.
ARMÁRIO = pessoa muito forte.
ARMENTADA = armada, inventada.
ARMOÇO = almoço, comida.
ARRAIÁ = amanhecer.
ARRAIA = pipa, papagaio.
ARRAIAL = lugarejo, vila.
ARRAIÔ = amanheceu.
ARRANCA RABO = briga, perda de controle emocional.
ARRANCAR O RABO = fumar maconha pela primeira vez, ou seja, perder a virgindade em fumar maconha.
ARRANCAR OS CABELOS = ficar desesperado, perder o controle.
ARRANCA-RABO = briga, guerra.
ARRASTÁ = pegar, levar embora, roubar, catar.
ARRASTÃO = roubo coletivo, correria.
ARRASTA-PÉ = dançar.
ARRASTAR = levar embora, rouba, catar.
ARRASTAR AS ASAS = se soltar para alguém, enamorar-se, insinuar-se para outro(a), dar indireta.
ARREBENTAR = conseguir, ganhar, vencer.
ARREBENTAR A BOCA DO BALÃO = estourar, ganhar todas, ser vitorioso.
ARREDA = sai, parti, vai-se daqui.
ARREGAÇAR  AS MANGAS = começar a fazer algum trabalho ou atividade braçal ou intelectual.
ARREGADO = forte, pomposo, cheio.
ARREGO = ajuda, mãozinha.
ARRÊIA OS PNEUS = apaixonado, cheio de amor.
ARRELIADA = atordoada, perdida.
ARREMEDA = imitar, copiar.
ARREMEDANDO = imitando, copiando.
ARREMEDÔ = imitou, copiou.
ARRENTE = a gente.
ARREPIÁ = arrepiar, medo, assustado, descontrolado, trêmulo, ficar bravo, nervoso.
ARRETÁ = mexer.
ARRETADO = excitado, agitado, nervoso, inquieto, zangado, doidão, bravo, ruim, legal, apressado, irritado.
ARRETAR = mexer.
ARRIA = desce, chega, senta.
ARRIÁ = descer, chegar, sentar.
ARRIADO = cansado, mole, caído, derrubado, entregue.
ARRIAR = se entregar, quebrar, não suportar.
ARRIBA = levanta, ergue, sobe.
ARRIBADA = levantada, animada.
ARRIBAR = levantar, animar.
ARRIÉGUA = indignação.
ARROCHADO = apertado, encrenqueiro.
ARROCHAR = apertar, pegar e apertar uma menina, dar bronca, pressionar.
ARROCHAR O NÓ = fazer algo bem feito, não errar no ponto.
ARRODEAR = dar a volta, passar pelo outro lado.
ARRODEIA = dar a volta, passar pelo outro lado.
ARRODIAR = rodear.
ARROIS = pessoa de muito papo, fala muito mas não conquista.
ARROMBADO(A) = violentado(a) sexualmente, acabado(a).
ARROXA = aperta.
ARROZ = pessoa que se acha com as mulheres, mas não passa de acompanhante, que só serve para acompanhar.
ARROZ DE FESTA = pessoa que não perde festa ou evento.
ARRUDEIA = dá volta.
ARRUDIÁ = dar a volta, contornar.
ARRUDIAR = dar a volta, fazer o contorno.
ARRUMAR SARNA PARA SE COÇAR = procurar problema.
ARRUMOU PRA HOJE = não ficou sozinho, conseguiu uma paquera.
ARTO = alto.
ARVI = árvore.
ÁRVORI = árvore.
AS’QUIÉ = acho que é.
AS’VEIS = as vezes, às vezes.
ASCO = nojo, ânsia.
ASMEIA = divide, meia a meia.
ASMUIÉ = as mulheres.
ASNEIRAS = bobagens, frases ou palavras fora de hora, fora da ordem e sem sentido.
ASPITE = pessoa que não faz outra coisa a não ser dar palpite. Vem de “assessor de palpite”
ASPONE = funcionário público sem função, apadrinhado político, desnecessário no serviço público, peso político. “Aspone” significa: Assessor de Porcaria Nenhuma.
ASSAR CARNIÇA = fazer churrasco.
ASSIM MEMU CÔ TÔ = assim mesmo que eu estou.
ASSISTIR DE CAMAROTE = não participar de alguma atividade, ficar de fora, assistir.
ASSO QUIÉ = acho que é.
ASSUNTÁ = ouvir, escutar.
ATABACUDO(A) = pessoa desligada, desatenta, despreocupada.
ATACHAR = enviar, mandar, anexar.
ATAIÁ = cortar caminho, viajar pelo caminho mais curto.
ATAZANÁ = provocar, tirar a paciência.
ATAZANAR = encher o saco, atrapalhar.
ATÉ DEBAIXO D’ÁGUA = garantia, compromisso.
ATÉ DEBAIXO DA ÁGUA = certeza, sem dificuldade, garantia.
ATIÇA = provoca.
ATIÇÁ = provocar.
ATIRADO = sem medo, exibido, corajoso, ousado.
ATIRAR = arriscar, tentar alguma coisa.
ATIRAR PARA TODO LADO = desespero, sem direção.
ATOCHAR = apertar, meter.
ATORA = cortar, serrar.
ATORÁ = cortar.
ATRAIS = atrás.
ATRITAR = provocar confusão, ficar.
ATRITO = confusão.
ATUCANAR = encher o saco, perturbar, provocar.
AUÊ = bagunça, perturbação.
AÚFA = muito e/ou bastante, trabalhou muito, cansado.
AVALIE SÓ = imagine só.
AVÉDE = não acredito, sinônimo de espanto, discordância, surpresa, questionamento, negação...
AVERTIDO = percebido.
AVERTIR = perceber.
AVEXADO = preocupado, apressado.
AVEXE = preocupação.
AVIÃO = mulher bonita, atraente, irresistível, importante, conquistador.
AVIÃOZINHO = transportador de drogas, pessoa que leva e trás coisas ou informações.
AVIL = isqueiro.
AVISSARERA = interessante, merecedora de aplausos.
AVOA NO MATO = jogar fora, jogar no mato, atirar fora.
AVOADO = distraído, sem paciência, que não presta atenção, desligado.
AVOROÇO = confusão.
AZARAÇÃO = namoro, paquera, ficar.
AZIADA = cansada, acabada.
AZUADO = perturbado, doidão.
AZUCRINÁ = tirar do sério.
AZUCRINAR = provocar, bagunçar, irritar, encher o saco.
AZULO = sumiu, pulou para trás, deu no pé.
AZUR = azul.
AZURZINHA = azulzinha.

BABACA = pessoa chata.
BABADO = fofoca, falador, língua solta, fala o que não deve para outra pessoa.
BABÃO = molão, estranho, admirador, elogiador.
BABOZEIRA = lorota, conversa fiada.
BABULETA = borboleta.
BACALHAU = mulher feia.
BACANA = ok, bom, playboy.
BACIA DO CARALHO = buraco, estrada esburacada.
BACURAU = último ônibus a passar na noite (Recife), “cata-corno” – vem de pássaro de hábito noturno.
BACURIM = filhote de porco.
BADALADA = comentada, falada.
BADALAR = comentar, falar, conversar sobre.
BAFAFÁ = converseiro, fala-fala.
BAFO DE ONÇA = bêbado, mau hálito, cheiro de pinga.
BAGAÇA = objeto, coisa, trabalho, atividade, pedido, questão, bobagem, não presta.
BAGAÇÁ = quebrar, destruir, danificar, vencer.
BAGAÇO = coisa velha, acabado, resto.
BAGAÇÔ = venceu, destruiu, danificou, quebrou.
BAGO = testículo, caroço.
BAGRE ENSABOADO = pessoa lisa, que leva vantagem, esperto.
BAGU’IO = pacote, coisa, negócio, lugar, pessoa.
BAGUÁ = legal.
BAGULHO = coisa estragada, coisa velha, alguma coisa.
BAIANADA = atrapalhada, cagada, algo errado.
BAIÃO DE DOIS = feijão com arroz.
BAITA = grande, enorme.
BAITA CAVALÃO = mulherão, mulher grande.
BAITA POTRANCA = mulher grande, mulherão.
BAITELA = grande, enorme.
BAITOLA = gay, boiola, homossexual, travesti.
BAIXA DA ÉGUA = lugar distante, longe.
BAJULAR = agradar, babar.
BALADA = festa.
BALAIO DE GATOS = rolo, confusão.
BALANGANDÃ = saco, órgão genital masculino.
BALÃO = traidor, que passa para trás, rotatória, dar calote.
BALDE DE ÁGUA FRIA = chá de negação, chá de cadeira, posto de castigo.
BALEIA = pessoa gorda, acima do peso.
BALELA = conversa fiada, invenção.
BANANA = sem postura, curvado aos outros, vai com as outras.
BANDA = lado, lado de lá e lado de cá.
BANDERA = deixar transparecer, chamando atenção, dando na cara, dica.
BANDO DE CADARÇOS = maloqueiros.
BANDO DE CRAUDINEI = maloqueiros.
BANGUELA = órgão sexual feminino, vagina.
BANHAR = tomar ou dar banho.
BANZO = ônibus, transporte coletivo.
BÃO = bom, tudo bem?, ok?
BÃOZINHO = bomzinho.
BAQUEADO = mole, acabado, tonto, cansado, bêbado, drogado, entregue.
BARANGA = mulher velha, feia, bruaca.
BARÃO = pessoa que manda no pedaço, que comanda a boca, cara, pessoa, comprimento (diga barão!).
BARATA = moça, filha de alguém.
BARATINHO = objeto
BARBA DE MOLHO = castigado, preocupado, atento, atenção, desconfiar.
BARBARIDADE = posição ou expressão de surpresa, espanto.
BARBEIRO = ruim de volante, mal motorista.
BARDA = costume.
BARRACA = briga, tumulto.
BARRACA ARMADA = pênis duro, excitado.
BARRAQUEIRO(A) = briguento(a), que caça confusão.
BARRIGA-VERDE = novato em alguma coisa.
BASSORA = vassoura.
BATATA = exato, certo, fácil.
BATATA QUENTE = problema.
BATÊ = bater.
BATE PRONTO = pegou rápido, esperto, correr.
BATÊ TRAMELA = bater papo, conversar, papear.
BATE UM PRATO = alimentar-se, comer.
BATEDOR DE CARTEIRA = trombadinha, cinco dedos, marginal.
BATENDO AS BOTAS = morrendo, partindo para o outro “mundo”.
BATER AS BOTAS = morrer, partir para o outro “mundo”.
BATER BOCA = entrar em confusão, discutir,
BATER CASCÃO = pedir esmola.
BATER COM A LINGUA NOS DENTES = não guardar segredo, falar demais, contar o que ouviu.
BATER PERNAS = sair, caminhar, andar, passear.
BATER SEMPRE NA MESMA TECLA = repetir, falar várias vezes.
BATER TRAMELA = falar demais, conversar muito.
BATER UM FIO = dar ou fazer um telefonema.
BATER UM LERO = ter uma conversa séria.
BATER UM LERO = ter uma conversa séria.
BATER UM RANGO = comer algo, almoçar, jantar.
BATER UMA BÓIA = comer algo, almoçar, jantar.
BATER UMA XEPA = almoçar, fazer refeição.
BATEU AS BOTAS = morreu.
BATUTA = legal.
BAÚ = ônibus, transporte coletivo.
BAXANO = baixando, abaixando.
BEATA = noviça, pessoa religiosa, que reza.
BÉBI = beber.
BEBIM = bêbedo em dobro.
BÊBO = embriagado, passado em bebida.
BEBUM = bêbado.
BEBUNÇO = bêbado.
BECK LOCO = droga, cocaína, traficante.
BEDEL = longe, distante.
BEIÇO = lábios.
BEIÇUDA = órgão sexual feminino, vagina.
BEIRA RETA = pedir esmola.
BELÊ = beleza, certo.
BELELÉU = acabar, partiu, morreu.
BELEZA = ok, aprovado.
BELTRANO = o outro.
BEM DA VIDA = sem problema, feliz, numa boa.
BEM LOKO = massa, interessante, dá hora.
BEM PREOCU = não tô nem ai.
BENGALA = Pão grande.
BENZADEUS = nossa, que coisa.
BERADINHA = beiradinha.
BERGAMOTA = laranja, mexerica, mimosa.
BERRÃO = revólver, arma de fogo.
BESSA = demais.
BESTA = atrasado, pedro bó, bobo, veículo van.
BÊUDO = bêbado.
BEXIGA = expressão de espanto. Ex: está com a bexiga; que calor da bexiga.
BIBA = boiola, homossexual, travesti, bicha, gay.
BICHA = gay, travesti, homossexual.
BICHA BOA = menina bonita, bunduda, gostosa.
BICHIM = bicho pequeno, diminutivo de bicho.
BICHINHO = forma carinhosa de chamar alguém.
BICHO DA GOIABA = pessoa esquisita.
BICHO DE SETE CABEÇAS = difícil, complicado.
BICHO FEIO = complicado.
BICHO MOLE = pessoa parada, sem iniciativa, que não vai atrás do que quer.
BICO = chupeta.
BICUDA = chutar bola com força, chutaço.
BIDET = chiclete.
BIFE = homem ou mulher bonito(a), que chama atenção.
BIGULIM = pênis, órgão genital masculino.
BIKE = bicicleta.
BILA = burca, bolinha de gude.
BILANDO = olhar alguém, fixar alguém ou algo.
BILAU = pênis, coisa velha.
BILIRO = prendedor de metal para cabelo, grampo de cabelo.
BILIZURA = beleza, coisas boa.
BILOTO = pedaço de algum objeto ou coisa.
BIRA = bebida.
BIRIMBAL = periquito, pênis, pinto, pau quando ereto.
BIRIMBAU = pênis (nordeste), instrumento musical.
BIRITA = bebida.
BIRITAR = beber a noite toda.
BIROBA = viado, gay, travesti.
BIRRIQUINHA = barriga pequena.
BISCATE = mulher sem valor.
BISCATINHA = moça dada para os outros, que vende o corpo, prostituta.
BISCOITAR A MENINA = pegar, ficar, namorar.
BIS'CRETA = bicicleta.
BISTECA = mulher boa e bonita.
BITELA = grande, enorme.
BITEROM = pênis.
BITOLA = quadrado, dentro de um espaço, controlado.
BITOLADO = tapado, com problema para aprendizagem. Dependendo da região é: pessoa preocupada com algo, que estuda muito.
BITOLAR = ter problema, assim como decorar, estudar muito, preocupar-se.
BITUCA = resto de cigarro.
BITOCA = beijo.
BIXIGA = bexiga.
BIXIGA LIXA = estar com o diabo no couro, agitado.
BIZACO = bornal, sacola.
BIZARRO = demais, sem sentido ou nexo, estranho, exótico.
BIZERRO = bezerros, novilhos, gado.
BIZÓGA = bornal, sacola.
BIZÓIA = olha, veja, perceba.
BIZÚ = pista, dica, bandeira, dá na cara.
BLOQUEADO = desligado.
BOA PINTA = legal, simpático, aparentemente boa pessoa, gente boa.
BOA PRAÇA = amigo, chegado.
BOBIÇA = coisa sem importância, abandonado.
BOBÓ = ânus.
BOBO = relógio, pessoa desnorteada.
BOCA = lugar que se comercializam drogas, lugar mal freqüentado, de marginais, lugar ruim e perigoso ou pode ser trabalho: fazer uma boca.
BOCA DA NOITE = por do sol, anoitecer.
BOCA NA BOTIJA = gritar, pedir socorro.
BOCA NO TROMBONE = gritar, pedir socorro.
BOCÓ = bobo, ingênuo, tonto, coitado.
BOCOIÓ = bocó.
BODI = bode, cabrito.
BODI EXPIATÓRIO = pessoa que vira saco de pancada, alvo de gozação.
BODINHO = pessoa playboy, cabelos longos, que se acha.
BOFE = homem.
BÓIA = comida.
BÓIA-FRIA = trabalhador rural, diarista, mensalista rural.
BOIAR = nada entender, ficar por fora do assunto.
BOIOLA = homossexual, travesti, gay, bicha.
BOLA = esperto, inteligente.
BOLÁ = pensar, elaborar.
BOLA GATO = chupador de pênis.
BOLACHA = fora, não ser querido(a) pelo(a) outro(a).
BOLACHÃO = gordo, pesado, nojo.
BOLADO = ficar sem saída, situação inesperada, preocupado, cheio, sem saída.
BOLAR = pensar, elaborar.
BOLO NO ESTÔMAGO = mal estar, passando mal, com sensação de vômito, enjôo, náusea.
BOLOU = elaborou.
BOLSINHA = pessoa ridícula, feia, que esconde objeto dentro da bolsa.
BOM BUCADO = bastante tempo, muito tempo.
BOM DA BOCA = que se acha o dono de tudo, dono do pedaço, rico, poderoso, endinheirado.
BOMBADO(A) = forte, bonito(a).
BOMBIÁ = olhar pelo buraco da fechadura.
BONACHÃO = molão, folgado.
BONECO = bagunça, confusão, encrenca, problema.
BONECOU = virou a casaca, tornou-se gay, travesti, homossexual.
BONEQUEIRO = encrenqueiro, bagunceiro.
BOQUETE = que chupa pênis.
BOQUINHA = bico, trabalhar, ganhar dinheiro.
BORA = ir, partir.
BORDUADA = pancada, cacetada.
BORNÁ = sacola, bornal.
BORNAR = sacola.
BOROCOCHÔ = triste, cabeça baixa, mole, indeciso, cabisbaixo.
BORRADO = medroso.
BORRÃO = bloco de rascunhos.
BOSSAL = desinformado, conceitos ultrapassados, otário, bobo, sem noção, besta.
BOSTIÁ = incomodar, atrapalhar.
BOTÁ = colocar, pôr.
BOTÁ SEBO NAS CANELAS = caminhar, partir, ir embora, cair fora.
BOTANDO BONECO = arrumando confusão.
BOTAR = colocar.
BOTAR A BARATINHA NO ESPETO = fazer relação sexual, penetrar o pênis na vagina.
BOTAR A PERERECA PRÁ TOMAR LEITE DE CANUDINHO = relação sexual.
BOTAR BANCA = se achar o tal, ser o maior, o bom, crescer, aparecer.
BOTAR BUNECO = arrumar confusão, aprontar.
BOTAR CHIFRE = O mesmo que botar gaia, trair.
BOTAR GAIA = O mesmo que botar gaia, trair.
BOTAR LENHA NA FOGUEIRA = provocar, atiçar ou instigar briga.
BOTAR NA FITA = apresentar alguém.
BRAÇA = medida linear ao longo de um percurso, distância.
BRAU = cigarro de maconha.
BRAZUCA = brasileiro.
BRECHA = espaço, buraco pequeno, frecha.
BREDO = mato.
BREGA = da hora, interessante, massa, cafona, fora da moda, deselegante.
BREGANHA = troca, barganha, rolo.
BREGANHAR = fazer rolo, negócio.
BREGANHOU = trocou, fez rolo.
BREGUÉÇO = coisa, algo, bagagens.
BREGUENAITH = algum objeto, coisa.
BREJA = cerveja, espumante.
BRIA = brilha.
BRÍBIA = Bíblia.
BRIGADÚ = obrigado, agradecimento.
BRIGUIÁ = trocar, fazer rolo.
BRINJELA = berinjela.
BRINQUIÁ = trocar, de mano ou não.
BROGOIÓ = pessoa idiota.
BROGUI = abobado, tonto, lero-lero.
BRONCA = chingar, falar.
BROTHER = amigo, chegado, chapa, pessoa, cara, gente boa.
BROTINHO = jovem, pessoa nova.
BROU = amigo, chegado.
BRUACA = mulher velha, feia, baranga.
BRUCUTU = ignorante.
BRUSA = blusa.
BRUTO = agressivo.
BUCADIM = bocadinho, pequeno monte.
BUCADO = feixe, quantidade, monte.
BUCHADA = fácil de fazer ou executar.
BUCHO = barriga, mulher idosa e sem atração, estômago.
BUCHO DE LAMA = pessoa barriguda, gordo(a), obeso(a).
BUCHUDA = grávida.
BUCHUDO = pessoa barriguda.
BUDEGA = bar, venda, confusão, briga, rolo, bagunça.
BUFUNFA = dinheiro, trocado.
BUJÃO = butijão.
BULÂNCIA = ambulância.
BULIÇOSO = mexelhão, que mexe em tudo.
BULINAGEM = mexer no que não é seu.
BULIR = mexer em algo ou com alguém, tirar do lugar.
BUM = estalo, lembrar repentinamente de alguma coisa.
BUNDÃO = covarde.
BUNDINHA = endinheirado, filhinho de papai.
BUNDUDA = bunda grande, gostosa.
BURACO = lugar longe, distante, ruim, bagunçado, no fim de mundo.
BURCA = bolinha de gude.
BUSÃO = ônibus, ônibus velho.
BUSCAR FOGO = pressa, rapidez.
BUTIJÃO = gordo, pançudo.
BUTUCA = atento.
BUTUCA LIGADA = atento, prestando atenção.
BUZANFA = bunda, nádegas, traseiro.
BUZÚ = ônibus, ônibus velho.

CABÁ = acabar.
CABA = homem, indivíduo, cara, pessoa.
CABA RUI = pessoa ruim.
CABAÇO = pessoa de cabeça fechada, testículos, virgem, que nunca praticou sexo.
CABEÇA = inteligente, chefe de gangue ou grupo ou organização, chefão.
CABEÇA DURA = que tem dificuldade para entender alguma coisa, que não presta atenção.
CABEÇA FEITA = que não muda de opinião, não se deixa influenciar pelos outros.
CABEÇA OCA = pessoa que parece não ter nada na cabeça, que parece não pensar, planejar, que quase nada sabe.
CABEÇÃO = que tem dificuldade para entender, difícil de entendimento.
CABEÇUDO = ignorante, ruim de aprendizagem e compreensão, bobo.
CABELELERO = cabeleireiro.
CABELERO = cabeleireiro.
CABEU = coube.
CABICEIRA = encosto, de primeira.
CABISBAIXO = cabeça baixa, triste, acabado, pensativo, arrasado.
CABÔ = acabou, acabar.
CABOCLADA = pessoas do interior, favelado.
CABRA = pessoa, animal, cara.
CABRA DA PESTE = pessoa do interior, que se acha.
CABRA DE PÊIA = corajoso.
CABRA RUIM = pessoa ruim, homem ruim.
CABREIRO = com medo, medroso, desconfiado.
CABRERO(A) = preocupado(a).
CABRITO = algo não original, produto falsificado.
CABRUNCO = coisa ruim.
CABUEIRA = mulher feia.
CABUETA = delator, dedo-duro, alguém que entrega o outro.
CABULAR = matar aula, ir à escola e não participar da aula.
CABULO = sem jeito, sem graça, encabulado.
CABULOSO = impressionante, sensacional, bom demais, pessoa chata, que enche, que aperreia, nervoso, chato, peitica, impertinente.
CAÇADORA = mulher à procura de homem, caçando homem.
CAÇAR = procurar.
CACARECO = coisa velha.
CACAREJAM = conversam.
CACAREJAR = conversar, bate-papo.
CACETINHO = pão francês.
CACHANGA = casa.
CACHOLA = cabeça.
CACHORRA = moça fácil.
CACHORRO DA MULESTA = caba da peste.
CACIMBA = poço d’água.
CAÇOAR = tirar sarro, ser indiferente, zombar.
CACOETE = chilique.
CADARÇOS = maloqueiros.
CADEIRA = costa, coluna vertebral.
CÁDENTRODINÓIS = cá dentro de nós.
CAFÉ PEQUENO = fácil.
CAFUÇÚ = trabalhador braçal.
CAFUNÉ = carinho, amor.
CAFUNGADA = cheirada.
CAGA VARA = pau no cú.
CAGAÇO = medo, susto.
CAGADA = baianada, algo errado, serviço mal feito, sorte, sortudo, defecada.
CAGADO = pessoa com sorte, sortudo, medrosa.
CAGANDO GOMA = pessoa chata ou pessoa metida.
CAGANEIRA = diarréia, dor de barriga, disenteria.
CAGAR = medo, necessidades fisiológicas, coco, defecar.
CAGAR A PAU = bater, atacar.
CAGAR O PAU = vacilar, deixar passar sem perceber.
CAGUETÁ = entregar o outro, dedurar.
CAGUETA = pessoa que entrega a outra, dedo-duro.
CAGUETE = delator, dedo-duro, entregar, dedurar.
CAI DURO = cachorro-quente, sanduíche.
CAI NA REAL = atualiza-se, fica atento.
CAIPÓRA = caipira, bobo, babão.
CAIR DO CAVALO = ter decepções, estar confiante em alguma coisa e não ser contemplado, se dar mal, se farrar.
CAIR EM CIMA = dar em cima de alguém ou bater em alguém, brigar.
CAIR FORA = sair de repente, partir rapidamente.
CAIR NA GANDAIA = bagunça, baile, festa, diversão, chegar de madrugada.
CAIR NA PILHA = que cai em mentira.
CAIR NO PAU = apanhar de alguém, entrar em briga.
CAIU A FICHA = entender, compreendeu algo.
CAIU A FOLHA DO PAU = briga feia.
CAIU DO CAVALO = se ferrou, errou.
CAIU FORA = correu, deu no pé.
CAIU NA REDE É PEIXE = tudo que conseguir é bom, tudo se aproveita.
CAIXOTÃO = ônibus.
CALA’SA = cala essa, ficar quieto (cala essa boca; pára de chorar).
CALANGO = lagartixa.
CALIPIAR = monte de aucaliptos.
CALMA!... QUANDO CHEGARMOS EM CASA VOCÊ VAI VER SÓ = ameaça, solicitação de paciência.
CAMARÃO = pessoa muito avermelhada, corada.
CAMASSADA = apanhar.
CAMBALACHO = negociatas, acordos por baixo do pano.
CAMBÃO = ônibus.
CAMBAR = baixar, negociar, trocar.
CAMBIAR = trocar, negociar.
CAMBITOS = pernas finas.
CAMBOIETA = cambalhota.
CAMBOTA = tombo, queda.
CAMELO = bicicleta.
CAMIÃO = caminhão.
CAMIAR = caminhar.
CAMIEI = caminhei.
CAMIM = caminho.
CAMPEÁ = procurar.
CAMPEÔ = procurou.
CAMPIÁ = procurar.
CANA = polícia.
CANAL = melhor caminho, o melhor (ex.: esse é o canal).
CANDANGÃO = rapaz.
CANELINHA DA TIA CHICA = mulher da perna fina.
CANGOTE = pescoço
CANHÃO = mulher muito feia, bruaca, baranga.
CANHENGUICE = pão duro, apegado.
CANTAR DE GALO = dar uma de bom, querer ser o comandante do espaço, querer dominar, querer mandar, falar alto, ser prepotente, contar e ganhar vantagem.
CANTAR PRA SUBIR = partir, ir embora.
CANTAROLAR = cantar.
CÃO = diabo, satanás.
CÃO CHUPANDO MANGA = pessoa muito feia, horrível, que se acha o bom, pensa saber tudo, acha-se o tal, o “tampa de Crush”, o “supra sumo”.
CÃO SARNENTO = pessoa ruim, xato.
CAPA O GATO = sai fora, vai embora, corre.
CAPÁ O GATO = sair fora, ir embora, correr.
CAPACHO = dependente.
CAPAIZ HOME = ta bom, vou pensar, vou vê.
CAPAIZLOCO VEIO = ta bom, vamos ver.
CAPIAU = pessoa zombada por ser ignorante em algum assunto.
CAPINANDO = carpindo, trabalhando.
CAPTOU? = percebeu?, entendeu?, sacou?
CAPU = capô de carro.
CARA = rosto, brother, meu, mano, amigo, colega, pessoa.
CARA CHEIA = bêbado, chapado.
CARA DE PAU = sem vergonha, entrão, saído, espontâneo.
CARA OU COROA = decisão de um impasse, por exemplo, num jogo ou brincadeira. Quando não se chega a um acordo, parte-se para o uso de uma moeda “cara ou coroa”. Ganha o impasse o que escolheu a parte da moeda que cair para cima: cara ou coroa.
CARACA! = expressão de surpresa: puxa! nossa!, muito legal, legal a beça, esquecimento.
CARACAS = raiva, revolta, surpresa.
CARAI = órgão genital masculino, pênis.
CARAI DE ASA = expressão de decepção (que droga!).
CARAI VÉI! = admiração, quando algo muito sério ou muito inusitado acontece.
CARAIO = órgão genital masculino, pênis.
CARALHO = reação (espanto) ou forma de tratamento ou pênis.
CARAMBA = que coisa, o louco, ochente, puxa, rapaz (espanto), surpresa, legal, bom.
CARAMBOLA! = espanto.
CARAMBOLAS = que coisa, admiração.
CARANGO = automóvel, carro.
CARANGUEJO = pessoa que só vai para trás.
CARÃO = levar sermão, passar vergonha, bronca.
CARÇA = calça.
CARCANHÁ = calcanhar.
CARCANHÁ-DU-JUDAS = lugar distante, muito longe.
CARDIM = caldinho.
CARDIUM = caldinho.
CARDO = caldo.
CARECE = precisa.
CARECER = precisar.
CARETA = pessoa antiquada, fora de moda, mala, cara feia, atrasado, estranho, cigarro.
CARINHA = pessoa.
CARIOQUINHA = pão francês.
CARMA = calma, paciência.
CARNIÇA = churrasco.
CARNICEIRO = que gosta de coisa errada, ruim ou gente machucada, cúmplice, pessoa que segue alguém.
CARPI = capinar, limpar.
CARRANCA = mulher feia.
CARRAPATO = pessoa que fica grudado no outro, não desgruda.
CARRETA = carro.
CARRIM = carro, carrinho.
CARRINHO = skate.
CARROCERIA = bunda bonita de mulher.
CARTA BRANCA = quando uma pessoa tem autorização ou poder para fazer algo e utiliza-se do poder para fazer o que quiser.
CARTA FORA DO BARALHO = deixou de lado, descartar, abandonar, jogar fora.
CARTEADO = jogo de baralho, cortar cartas de truco.
CARUNCHO = estragado, corrompido.
CÁS = com as.
CASA DO CARAIO = vagina, lugar distante.
CASA DO CARAMBA = lugar distante, muito longe, longinquo.
CASANO = casando, cassando.
CASCA GROSSA = chato, ruim, que não faz nada.
CASCAVEL = bravo, nervoso.
CASINHA = enganar alguém para roubá-la ou mata-la.
CASINHA DA POLÍCIA = banheiro.
CASINHA-DI-SEGREDO = órgão genital feminino, vagina.
CASQUINHA = sarro, risada, tirar na cara do outro, gozação.
CATAR COQUINHO = afastar-se, ficar quieto, acalmar-se.
CATIANDO = negar alguma coisa.
CATRACADA = bronca, relação sexual.
CATREFA = pessoa sem valor, que não valem nada.
CATUCAR = mexer.
CAUSO = história ou estória, caso.
CAVALO = ignorante, bruto.
CAVALO PARAGUAIO = o que começa bem e termina mal.
CAVANDO DEFUNTO = falar mal de quem já morreu.
CAVERNOSO = pessoa feia, curubau, cão chupando manga.
CAXÃO PRO BILI = algo de errado, problema.
CDF = inteligente.
CÊ = você.
CÊ’TÁ DE VAGÁ = lento, devagar, sem fazer nada, à toa.
CÊ’TÁ DE VARGA = lento, devagar, sem fazer nada, à toa.
CEBOLA = expressão de espanto (ex: tá ca cebola; que calor da cebola).
CECESSE = que fosse.
CEGO = apaixonado, obcecado por alguém.
CEIFADO = colhido.
CÊIS = vocês.
CE-QUI-SABI = você que sabe.
CEROTO = bagaço, pó, pedaço.
CÊS = vocês.
CHÁ DE CADEIRA = castigo, ser posto de escanteio.
CHACOTA = zombaria, gozação, sarro, observação negativa.
CHAIENE = mulher bonita, “gostosa”.
CHAMEGAR = namorar, se esfregar no namorado(a), fazer carinho.
CHAMEGO = cuidado, ciúme, xodó, carinho, namorar.
CHAMPINHA = tampa metálica da garrafa.
CHAPA = pode ser amigo, ladrão ou trabalhador.
CHAPADO = bêbado, cara cheia, drogado, sonolento.
CHAPAR O COCO = beber até cair, ficar bêbado.
CHARLAR = paquerar, namorar, passar hora.
CHARLOU = paquerou, namorou.
CHATO = crica, mala, impertinente.
CHEGA AÍ = venha aqui, vem cá.
CHEGÁ JUNTO = colar, não deixar escapar, encosta.
CHEGA PRA LÁ = sai, afasta-se, dá um tempo.
CHEGADO = próximo, que está ao lado, amigo, companheiro, colega, confiável.
CHEGAR = despedida: vou indo, vou chegando, vou chegar. Ou seja: ir embora.
CHEGO = chegou.
CHEGOU JUNTO = encostou, não deu trégua, está de olho.
CHEGUE = venha cá, aproxime-se.
CHEGUEI = estar de roupa que chama atenção, super arrumado, gosto duvidoso.
CHEGUEMO = chegamos.
CHEIO DOS PAU = bêbado, embriagado.
CHEIRO = abraço, beijo.
CHEPALA = chevette com motor de opala.
CHERANO = cheirando.
CHERIM = cheirinho, cheiro.
CHIBATA = surra, pancada, apanhar, objeto de bater.
CHIBATADA = apanhar.
CHIBIU = órgão genital feminino.
CHICLETE = pessoa que não desgruda, colado.
CHIFRUDA = traída pelo esposo ou namorado.
CHIFRUDO = traído pela esposa ou namorada, corno.
CHIFRUDO(A) = passado para trás pela esposa ou esposo, namorada ou namorado.
CHILICA = coceira, inquieto, elétrico.
CHILIQUE = estado psicológico altamente alterado, cacoete.
CHILIQUI = passar mal, perder o controle, ficar nervoso.
CHIMIA = Geléia.
CHINA VÉIA = cara horrível.
CHINA-PAU = soco, tapa, chute.
CHINCHAR = puxar, sossega.
CHINELÃO = sem moral.
CHIQUIM = Chico, Francisco, bem arrumado, bonito, organizado.
CHISPA = sai, cai fora.
CHÔN = terreno, data, chácara, sítio.
CHORADO = choro alto.
CHORANDO O LEITE DERRAMADO = chorando a derrota, triste.
CHORÃO = reclamação, pessoa que reclama, pechinchar.
CHORAR SOBRE O LEITE DERRAMADO = arrepender-se, reclamar.
CHORUMELA = choro aguado, choro de mentira, melado.
CHOVE E NÃO MOLHA = indeciso, perdido, não saber o que fazer.
CHOVENO = chuva.
CHOVER NO MOLHADO = algo inútil.
CHTAR O BALDE = brigar, esbravejar, falar mal, gritar.
CHUÇAR = furar, espetar.
CHULETA = bisteca.
CHUMAÇO = conjunto de alguma coisa.
CHUPÃO = beijo forte no pescoço, marca roxa na nuca.
CHUTANDO O BALDE = mandando embora, dispensando, reagindo.
CHUTAR O PAU DA BARRACA = brigar, gritar, mandar tudo para o alto, ficar bravo.
CHUTOU O BALDE = mandou embora, dispensou.
CHUVA MOLHA BOBO = chuva fraca que molha aos poucos.
CHUVÊ = chover.
CHUVER NO MOLHADO = ser redundante.
CHUVEU NO MOLHADO = falar e não ser ouvido, sugeriu e não foi atendido.
CICLANO = o outro.
CICLANO, FULANO E BELTRANO = três outras pessoas.
CICRISTA = ciclista.
CICROVIA = ciclovia.
CICULÁ = circular, ônibus urbano.
CICULAR = ônibus urbano; circular.
CIDIM = Aparecido, Cido.
CIEIRO = bagaço, pó, pedaço.
CINCO DEDOS = rápido, esperto, ensaboado, pessoa que rouba, rapa, que pega as coisas, que tributa a população sem justificativa objetiva.
CIRICUTICO = piripaque, peti, nervoso, ansiedade, passar mal.
CIRIGAITA = pessoa assanhada, metida.
CISMADO = preocupado.
CIVICO = encontro de duas paredes.
CLAMAR = reclamar, pedir socorro.
CLAPS = alçapão para pegar passarinho, armadilha.
CLAREOU = descobriu, lembrou.
CO TO = que eu estou (ex.: “é assim memo co to”).
COÇÁ = coçar o corpo, enrolar no trabalho, fazer de conta que está fazendo alguma coisa, mas está enrolando.
COÇA = surra, apanhar, bater, pancadaria, pau (dar uma coça ou levar uma coça).
CÓÇA DE LAÇO = apanhar de corda ou vara.
COCOZINHO = metido a besta, a limpo, a intocável, a exigente.
CODA = bagaço.
COIÉ = colher.
COIENDO = colhendo, recolhendo, catando.
COISÁ = fazer sexo, trabalhar, fazer algo, pôr, executar.
COISA BOA = comida gostosa, mulher.
COISANDO = mexendo, torrando, cutucando.
COITADO = lascado, fudido.
COIZIA = diminutivo de coisa, coisa pequena.
COLA = pessoa que não desgruda.
COLA LÁ = chega junto, vai lá, não deixa escapar.
COLA’LÁ = encosta lá, vai lá.
COLADO = pessoa que não descola, mais que amigo.
COLAR O BRINCO = dar uma surra, agredir alguém, ameaçar brigar.
COLAR O VELCRO = sexo entre duas mulheres.
COLARINHO BRANCO = rico, metido, que se acha.
COLOCAR A BARBA DE MOLHO = ficar atento, tomar cuidado, ficar preocupado, se preparar para situações adversas, reais e preocupantes.
COLOCAR NOS EIXOS = organizar, acertar.
COM A CORDA NO PESCOÇO = sendo pressionado, com pouco tempo.
COM O REI NA BARRIGA = achando-se importante, o(a) tal. Vem do período monárquico, quando alguma mulher ficava grávida do rei e, assim, carregava o rei na barriga, achando-se importante por dar luz a um herdeiro.
COM’OCÊ = como você.
COMÊ BARRIGA = errar, passar batido.
COMÊ MOSCA = boca aberta.
COMÊ O CÚ = receber bronca, ser chamado atenção.
COME QUIETO = aquele que faz as coisas sem alarde, calado conquistador.
COMÊ UM TREM = alimentar-se, jantar, almoçar, tomar café.
COMÊ UMA MUIÉ = transar, fazer sexo, afogar o ganso, molhar o biscoito.
COMÉDIA = coisa engraçada.
COMENDO O BOFE = dando bronca, homossexual.
COMÉ-QUI-É = como é que é.
COMER BROCHA = passar por apuros, dificuldades (ex: comi brocha para mudar o pneu do carro, passei apurado).
COMER UM TREM = alimentar-se, comer alguma coisa.
CÔMIDA = kombi.
COMPRÁ = comprar.
COMPRAR GATO POR LEBRE = ser passado para trás, enganado.
CONFEITO = balas ou outros docinhos.
CONHECÊ = conhecer.
CONOMIA = economia.
CONTÁ = contar, falar, dizer alguma coisa, somar.
CONTA = soma aritmética, resultado.
CONTECE = acontecer.
CONTI = conte, contar, falar.
CONTINUÁ = continuar, seguir em frente.
CONTINUA CHORANDO QUE EU VOU TE DAR UMA RAZÃO VERDADEIRA PARA VC CHORAR! = ameaça, motivação a chorar.
CONTO = dinheiro antigo, piada, causo.
CONTRA-CHEQUE = Holerite.
CONVERSA FIADA = jogando conversa fora, falando o que não sabe, lero-lero.
CONVERSA SEM PÉ NEM CABEÇA = conversa sem sentido, converseiro.
COPEIA = copiar, colar.
COQUI = côcora.
CORDA = sogra.
CORDEIRO = gostar de contar vantagem, metido(a).
COREADA = prato de comida, colherada.
CÓRGO = córrego, rio, riacho.
CORNO = traído pela esposa ou namorada.
CORNO CHURRASQUEIRO = homem que coloca a mão no fogo pela mulher.
CORNO ELÉTRICO = é traído e está ligado para flagrar a traição.
CORNO MANSO = sabe que está sendo traído e nada faz.
CORNÔMETRO = cronômetro.
CORO = couro.
CORÔ = larva em milho em Goiás.
COROA = pessoa velha.
CORPO MOLE = enrolação, faz que faz e nada faz.
CORRÊ = correr.
CORRENO = correndo.
CORRENO-ZÓIO = olhando de lado, de olho, paquerando.
CORTAR UM DOBRADO = se segurar, resistir.
CORTAR VOLTA = passar longe, dar a volta.
COSTA QUENTE = tem apoio, tem alguém por trás, protegido.
COTISPAR = ficar gripado, engripar.
COTOCO = gesto obsceno com o dedo do meio da mão.
COTÔCO = resto, pedaço, sobre.
COURO DE RATO = nota de um real.
CRÁPULA = cara-de-pau, que não presta, não segue regras, vagabundo, extravagante da vida, sem escrúpulo.
CRAUDINEI = maloqueiros.
CREDO = susto, exclamação!
CRÊÊNDIOS = meu Deus!
CRÊENDIOS PAI = exclamação quando algo dá errado, meu Deus.
CRÊ-IN-DEUS = acredita em Deus, crê em Deus.
CRIADO PELA AVÓ = pessoa metida, envaidecida, delicada, não me toque.
CRIANÇA = pessoa muito forte.
CRICA = chato.
CRICRI = chato.
CRIDITA = acredita.
CRIDITEI = acreditei.
CRÓQUE = cócora, agachado.
CRUIZ-CREDO = sai para lá, estou longe de você, estou fora.
CRUZ CREDO = susto, admiração.
CRUZETA = cabide de roupa.
CÚ DOCE = fresco, metido, pessoa que enrola, menina galinha, patricinha.
CU VIRADO = bravo, revoltado.
CU’CÊ = com você.
CÚ’DOCE = patricinha, menina galinha.
CU’ELA = com ela.
CUCA = cabeça.
CUCURUCO = alto ou pico da cabeça.
CUDIGUIM = miúdos de porco em tripa, ou seja, chouriço “branco” dos miúdos do porco.
CUIDEMO = cuidar.
CUIÉ = colher.
CUIRTIBA = Curitiba.
CUITADO = coitado.
CUITIBA = Curitiba.
CULPA NO CARTÓRIO = devedor.
CUM = com.
CUM = com. Junto.
CUMA = com uma.
CUMADI = comadre.
CUMBUSTIVE = combustível.
CUME = comer.
CUMÊ = comida, alimentação, almoçar, jantar, tomar café.
CUMÉ = como.
CUMEÇÁ = iniciar, começar.
CUMENDO-BARRIGA = enganando-se, passando despercebido.
CUMENTANDO = comentando.
CUMENTAR = comentar.
CUMÉ-QUI-É = como é?
CUMEU-BARRIGA = se enganou, passou despercebido.
CUMIAR = caminhar.
CUMIDA = comida.
CUMIGO = comigo.
CUMO? = como?
CUMPADI = compadre.
CUMUÉ = como é.
CUNTINUÁ = continuar.
CURISCO = rápido.
CURRÁ = curral de fazenda ou sítio onde fica o gado.
CURTI = ouvir.
CURTI UM PESO = ouvir um rap.
CURUBAU = menina ou menino feia(o).
CUSP = vixi, nossa, sai para lá.
CUSPINDO FOGO = bravo, nervoso, com raiva.
CUSTA O OLHO DA CARA = muito caro, preço fora do normal, exorbitante.
CUSTIPADO = gripado.
CUSTOMIZAR = levantamento de custo, calcular.
CUTUCAR = mexer.
CUTUCAR A ONÇA COM VARA CURTA = mexer, provocar.
CUTUCO = mexeu, beliscou.
CUVIOCO = lugar pequeno e pobre, buraco, favela.

D.J. = disque jóquei.
D’OCÊ = de você.
D’UM = de um.
DA A CARA A TAPA = apanhar.
DA ÁREA = ir embora, sair fora, correr.
DA BALÃO = passar alguém para trás, pegar emprestado e não devolver.
DA BANDERA = chamar atenção, se aparecer, dar dica.
DA COM A MÃO = fazer sinal com a mão, abanar a mão, tchau.
DA FÉ = perceber, cair na real.
DA GOTA = demais, muito bom, legal. Ex: essa cerveja é da gota de boa! É boa demais. Também pode significar coisa ruim.
DA HORA = legal, bacana, referência, agradável, sucesso, interessante, muito bonito, muito bom, da moda, massa.
DA MODA = legal, bacana, interessante, muito bonito.
DA NA CARA = bandeira, indireta, bater.
DA NO CORO = transar.
DÁ O BOTE = pegar de surpresa, pegar no flagrante, roubar alguém.
DA O LAVRA = sair de repente, dar o fora, partir rapidamente.
DA O TIRO PELA CULATRA = se dar mal, cair do cavalo.
DA OS PULOS = se vira, cai na real.
DA OU DESCE = combinou ta combinado, não pular para trás.
DA PÁ VIRADA = pessoa louca, imprevisível.
DA PINOTE = pular.
DA PRA TRÁS = desistir de algo.
DA RATA = cometer garfe.
DA SABÃO = passar o outro para trás, dar uma bronca, chamar a atenção.
DA UM AR = fica quieto, pára, dá licença, dá um tempo.
DA UM CAGÃO = defecar.
DA UM CHEIRO = agarrar, namorar, paquerar.
DA UM CHOQUE = chamar a atenção, trazer à realidade.
DA UM CORRETIVO = bater, ensinar usando a força.
DA UM PERDIDO = se despistar de alguém, enganar.
DA UM ROLÊ = conhecer lugar diferente, passear, sair.
DA UM ROLÉ = dar uma volta.
DA UM TAPA = fumar cigarro de maconha.
DA UM TEMPO = espera, paciência, saí, chega pra lá, mantém a calma.
DA UMA = fazer sexo.
DA UMA = transar, fazer ou praticar sexo.
DA UMA CARREIRA = correr, sair em disparada.
DA UMA MIJADA = advertir, chamar a atenção.
DA UMA PASSADA = ser rápido, passar rapidamente, ler rápido.
DA UMA PEDRADA NA GATINHA = investir sobre uma garota, jogar conversa em uma garota, aproximar-se.
DÁ UNS QUEBRA = amassar uma garota ou garoto, dar uns amassos, agarrar alguém, passar hora, enrolar.
DA VIDA = prostituta, quenga.
DA-DE-DEDO = tomar ou tirar satisfação, ameaçar.
DANÇAR = se ferrar, perder, ficar sem nada, ser passado para trás, enganado.
DANÇAR MIUDINHO = virar-se, ser rápido, correr, apressar-se.
DANÇOU = se ferrar, perdeu, ficou sem nada.
DANDO UMA DE MANÉ = fazendo-se de bobo, esperto.
DÁ-NO-CORO = vencer, ser vitorioso.
DA-NO-PÉ = correr, sair em disparada.
DANTONTI = antes de ontem, dois dias atrás.
DA-O-FORA = correr, se esconder, sair correndo, sair de repente, cair fora, partir rapidamente.
DAR A MÃO À PALMATÓRIA = apanhar, reconhecer que errou.
DAR ÁREA = cair fora, ir embora.
DAR AS CARAS = aparecer, chegar, fazer-se presente.
DAR COM OS BURROS NA ÁGUA = não conseguir, não conquistar, perder.
DAR DURO = esforçar-se, trabalhar muito.
DAR RIPA NA CHULIPA = sair, partir, deixar quieto.
DAR UM BOLO = passar para trás.
DAR UM DEDÃO = chutar.
DAR UM MIX = dar uma volta.
DAR UM PITI = ficar alterado, irritado, agressivo, cacoete, chilique.
DAR UM ROLÊ = sair, passear.
DAR UM TROÇO = gritar, perder o controle de si, espernear, falar alto, esbravejar.
DAR UMA DE ESPERTO = jogar verde, fazer-se de bobo.
DAR UMA MÃO = contribuir, ajudar, possibilitar, empurrar.
DAS ANTA = algo antigo, velho, histórico, antigamente.
DAS ANTIGA = algo antigo, velho, histórico, antigamente.
DATA = lote, terreno.
DE BARRIGA PRA CIMA = folgado, parado, à toa, sem fazer nada.
DE BRAÇOS DADOS = juntos, dupla.
DE BUNDA PRO AR = sem fazer nada, vagal.
DE CAPELINHA EM CAPELINHA = indivíduo que anda de tasco em tasco, de bar em bar, que toma dois copos, um bêbado. Gíria mais utilizada em Portugal.
DE CARA = não estar doidão, se surpreender com algo.
DE CASACA VIRADA = inquieto, agitado.
DE CUMÊ = pedir comida (dê cumê?).
DE FININHO = despercebido, sair quieto, escondido, sorrateiro.
DE HOJE A OITO = daqui a uma semana, de hoje a oito dias.
DE JEITO MANEIRA = de modo algum.
DE MOLHO = de castigo, sendo corrigido.
DE OLHO ABERTO = atento, vigiando.
DE ORELHA EM PÉ = desconfiado, atento, alerto, escutando tudo.
DE PAPO PRO AR = descansando.
DE REVESGUEIO = de um tal jeito, de lado.
DE ROCHA = papo sério, conversa séria, sem enrolação.
DE ROSCA = algo difícil de ser realizado, duro de sair, demorado (ex: parece estar de rosca).
DE SACO CHEIO = chateado, chegando ao limite.
DE UM TUDO = de tudo.
DE VARGA = parado, sem fazer nada, à toa.
DE VENTO EM POPA = sucesso, tudo correndo bem, maravilha.
DE VEREDA = rápido, ligeiro.
DE VOADO = rápido, rapidamente, ligeiro.
DE’AS’MEIA = vivendo junto, namorando, dividindo o teto, morar “de meia parede”.
DÉ’REAL = dez reais.
DE’VARDE = à toa, sem fazer nada.
DECHA = deixa.
DECHÔ = deixou, deixar.
DEDADA = tacar ou tocar o dedo no ânus.
DEDEL = demais, muito (exemplo: quente pra dedel; feio pra dedel).
DEDO-DURO = caguetador, pessoa que delata alguém, dedar.
DEDURAR = entregar.
DEITÁ = deitar.
DEITAR COM AS GALINHAS = deitar cedo.
DEITAR O CABELO = partir, sair, picar a mula, escafeder.
DEIXA BAIXO = esquece, deixa pra lá, deixa quieto.
DEIXA DE ONDA = para de falar besteira, deixa de mentir.
DEIXA EU TE FALAR = anteceder qualquer assunto sério.
DEIXA PRA LÁ = esqueça, não foi nada.
DEIXA QUÉTO = deixa pra lá, esquece.
DEIXAR PASSAR = deixar quieto, deixa pra lá, fazer de conta que não viu.
DEIXAR PRA LÁ = deixar quieto, deixar passar, não considerar.
DEIXAR QUIETO = deixar passar, deixar pra lá, não considerar.
DEIXE DE ONDA = parar de enrolar, falar besteira ou mentira.
DEMONHO = xingamento, forma de tratamento negativo.
DEMOROU = espera prolongada, lerdeza, devagar, poderia ter sido rápido.
DENGO = manha, malandragem.
DENGOSA(O) = chorão, chorona.
DENTIQUERO = dente-do-ciso.
DERREIÁ = derreter, desmanchar.
DÉRRÉIA = diarréia, caganeira, dor de barriga, disenteria.
DERRETEU-SE = entregou-se, sorriu.
DES’ULIVRE = Deus o livre, Deus me livre.
DESACORSOADO = desanimado, triste, sem perspectivas.
DESBOCADO = fala o que pensa, sem dente, alterado.
DESCABELAR O PALHAÇO = masturbar-se.
DESCALÇO = menor de idade.
DESCARTADO = despedido.
DESCASCANDO ABACAXI = resolvendo problemas.
DESCE A RIPA = crítica, bravo, “mete” a boca, bate.
DESCE PRÁ BAIXO = descer.
DESCER A LENHA = brigar, bater, dar tapas, chutes, murros...
DESCER A RIPA = criticar, ficar bravo, “meter” a boca, bater.
DESCER PRÁ BAXO = descer, estar no alto e chegar embaixo.
DESCEU A RIPA = bateu.
DESCOBRINDO PELO EM OVO = bisbilhotando, de olho, olhando.
DESEMBAÇA = sai da frente, sai de perto.
DESEMBESTADO = abobado, sem rumo.
DESENROLADO = esperto, bom.
DESGRENHADO = desarrumado, bagunçado.
DESIMPORTA = não se importa.
DESINSUFRIDO = sem paciência, agitado, apressado.
DESLEMBRA = esqueceu, não lembra mais.
DESMANTELO = desmantelar, demolir, arruinar, derribar, derrubar.
DESMIOLADO(A) = biruta.
DESNUDA = sem roupa, pelado.
DESNUTRIDO(A) = magro(a).
DESPACHAR = matar, eliminar com alguém.
DESPACHAR O CARA = mandar embora, enviar para lugar distante, matar alguém.
DESSA FRUTA COMO ATÉ O CAROÇO = gostar verdadeiramente de algo.
DESTRAMBELHADO = desastrado, descuidado, abestado.
DETONAR = falar o que o outro não espera ouvir, acabar com algo, arrasar, terminar, abafar... Também poder ser ruim, estragado...
DEU = ok, pronto, certo, perfeito.
DEU ÁGUA = deu problema, deu zebra.
DEU BODE = estragou, foi surpreendido, deu errado.
DEU BOLO = marcou com alguém e não cumpriu.
DEU GRILO = confusão, rolo, problema.
DEU MIGUÉ = enganou, passou para trás.
DEU NO CORO = venceu, foi vitorioso.
DEU NO PÉ = correu, saiu em disparada.
DEU PITI = dar ataque de nervoso, perder o controle, chilique.
DEU? = está pronto?, acabou?
DEU’ZICA = deu zebra, deu problema.
DEUS LHE PAGUE = forma ou expressão de agradecimento.
DEUS’O’LIVRE = Deus que me livre, Deus o livre.
DEUSOLIVRE = Deus o livre.
DEVOGADO = advogado.
DEXA = deixa.
DEXÁ = deixar, autorizar.
DEXOVÊ = deixe eu ver.
DI = dei algo, presentear, doação, deu.
DI A PÉ = a pé.
DI’BOA = tranqüilo, sossegado.
DI’CUMÊ = de comer.
DI’OCÊ = de você.
DI’PÉ = em pé, de pé.
DI’PRIMEIRO = antigamente.
DI’QUI JEITO = de que jeito.
DI’VEIS = de vez.
DIABEISSO = o que é isso?
DIABE-ISSO? = o que é isso?
DIABOÉISSO = o que é isso?
DIBAIXO = debaixo, por baixo.
DIBUIAVA = debulhar, debulhava, descascar.
DICI = descer.
DICOMENTO = documento.
DIÇONÁRO = dicionário.
DIFICI = difícil.
DIGA = dizer, falar, escrever.
DIJAOJE = há pouco tempo, agora há pouco.
DIMAIS = interessante, legal.
DIMAISI = demais.
DIM-DIM = dinheiro, grana.
DIMDIM = dinheiro.
DIMINÓI = diminui, diminuir.
DINDIN = dinheiro.
DIPÉ = a pé, em pé.
DIRMANTELO = demolir, derrubar, desmantelar.
DISAOJE = há pouco tempo, agora há pouco.
DISCANSO = descanso.
DISCONCORDAR = descordar.
DISCONJURAR = estranhar.
DISCONJUROU = estranhou, estranhando, ficou abismado.
DISCOSTA = de costa, desatencioso.
DISDENTADO = banguelo, sem dente.
DISFEIZ = desmanchou alguma coisa, desorganizou.
DISGRAÇADA = desgraçada.
DISGRANHENTO = desgraçado.
DISIMPORTA = não se importa.
DISINTIRIA = disenteria.
DISLEMBRA = esqueceu, não lembra mais.
DISNUDA = sem roupa, pelado.
DISOCUPADA = desocupada.
DISPOIS = depois.
DIVAGÁ = devagar, quase parado.
DIVAGARIM = devagar, quase parando.
DIZÊ = dizer.
DIZINFILIS = infeliz, sem felicidade, dessa infeliz.
DÓ = pena, compadecido.
DO TEMPO DO RONCA = muito antigo, velho demais.
DO’REAL = dois reais.
DOBRAR = conquistar alguém, convencer, conversar, levar na conversa.
D'OCÊIS = de vocês.
DOECEU = adoeceu.
DONA = namorada, propriedade.
DONA MENINA = tratamento a uma mulher que não sabe o nome.
DONDOCA = mimado, bobo.
DONDOQUINHA = mimadinho, bobinho.
DONZELA = pessoa que se acha tal, que pensa que é, pensa que o mundo roda em torna dela, pessoa preguiçosa.
DOR DE VIADO = dor abdominal após beber além do limite e executar esforço depois.
DORMINO = dormindo.
DORMIR DE TOUCA = bobear, perder, se ferrar.
DORMIU AMARRADO = guloso.
DOS = nos.
DOSE PRA ELEFANTE = bastante, muito.
DOTÔ = doutor.
DRENTO = dentro.
DROBADO = dobrar, dobrado.
DU CARAMBA = muito legal, legal a beça.
DUENTE = doente, com falta de saúde.
DUM = do.
DUMA = de uma.
DUNHA = pessoa sem importância.
DURMI = dormir, adormecer.
DURO = sem dinheiro, pasmado.
DUVIDE-O-DÓ = duvidar.

É AH! = espanto, admiração.
E AÍ = chamamento, oi, hei, interjeição.
E AÍ CABEÇA? = cumprimento a pessoa que é cabeça feita.
E APÔI = e então, é.
É BEM AÍ ASSIM = é logo ali; é perto.
É DE CAÍ O CÚ = decepção, desilusão.
É DE LAMBER O BEIÇO = mulher bonita, gostoso ou gostosa.
É FODA! = complicado, difícil de realizar.
É FRIA = arriscado, perigoso.
É LOCO DE JAGUARÁ = pessoa de má índole.
É LOGO ALI = próximo, perto.
É MASSA = demais, fantástico, fora de sério.
É MEMO? = é mesmo?
É MERMO = é mesmo.
É PÁ CABÁ = é para acabar.
É PÁ’CABÁ MESMO = é o fim.
É RUI EM = reação a uma decisão. Exemplo: terás que arcar com as consequências. Terás que dar pensão.
É UÉ = sim, ok, é.
ÉÉÉÉGUA = espanto (ochente, ô louco...).
ÉGG = sim, ok.
EITA = exclamação.
EITA BIXIGA = expressão de espanto.
EITA BORRACHA = espanto.
EI-TÁ-PREULA = abismado, ficar impressionado.
EITO = várias coisas ao mesmo tempo.
EIXO = menina bonita.
EM MAUS LENÇÓIS = que algo não agradável aconteceu ou vai acontecer, estar sem saída.
EM RIBA = em cima.
EM TUDO QUE É BURACO = lugar afastado, escondido, fora de rota, qualquer lugar.
EMBAÇADO = enrolado, pessoa que faz cera, enrola.
EMBAÇAR = enrolar, demorar a fazer algo, fazer algo lentamente, fazer cera ou encerar.
EMBACIADO = sujo, embaçado.
EMBARCAR EM CANOA FURADA = se dar mal.
EMBARREIRANDO = atrapalhando, impedido, cercando.
EMBORCAR = virar.
EMPACOU = inerte, parado, indisposto.
EMPANTURRADO = cheio, entupido.
EMPANTURRAR = comer demais, encher o estômago, guloso.
EMPAPADO = comeu de demais, farto, cheio.
EMPIRIQUITADO(A) = bonito(a), bem arrumado(a), que chama a atenção.
EMPURRAR = enrolar.
EMPURRAR COM A BARRIGA = enrolar, devagar.
ENCABULADO = abismado, envergonhado, de queixo caído, impressionado.
ENCAFIFADO = pensativo, pensando, imaginando, preocupado.
ENCAFIFOU = pôs na cabeça, pensativo, ficar repetindo uma idéia ou informação.
ENCARNADO = vermelho, da cor da carne, de casaca virada, inquieto.
ENCERAR = enrolar, demorar a fazer algo, fazer algo lentamente, fazer cera.
ENCHENDO LINGÜIÇA = enrolando, passando o tempo, passando o outro para trás.
ENCHER LINGUIÇA = falar desnecessariamente, encher o saco, falar muito, explicar pouco.
ENCHER O BUCHO = comer, ficar satisfeito.
ENCHERIDO = curioso.
ENCOSTAR NA PAREDE = encurralar, pressionar.
ENCROADO = preguiçoso, encolhido.
ENCURRALADO = preso, posto em um canto.
ENFADADO = cansado, esgotado.
ENFADONHO = conversa fiada, patinação.
ENFARADA = saco cheio, saturada.
ENFIA NO NARIZ = joga fora, descartar.
ENFIAR A VIOLA NO SACO = se mandar, ir embora após levar bronca e ficar chateado.
ENFIOU NO NARIZ = jogou fora, descartou, colocou, escondeu, guardou em lugar que não é visto.
ENFORCAR O DIA = não ir trabalhar.
ENGABELAR = pegar, catar, esconder.
ENGANA = mente, passa o outro para trás, logra.
ENGANAR = mentir, passar o outro para trás, trapacear, lograr.
ENGOLINDO O SAPO = fazendo de conta que não viu ou ouviu, ficando quieto, deixando passar alguma situação para não criar problema.
ENGOLIU A LÍNGUA = estar mudo, greve de fala.
ENGOLO = engulo, engolir, comer, devorar.
ENGOMA = passa.
ENGOMADO = passado, limpo, certinho.
ENGOMADOR = ferro de passar roupa.
ENJOADO = exigente, mal humorado, antipático.
ENROLÃO = pessoa que só fala e não cumpre.
ENROLAR = passar outro para trás, calotear.
ENSACAR A VIOLA = partir, chegar, quietar-se, ir.
ENSEBAR = enrolar, deixar passar o tempo.
ENSINAR O AMIGO DO INTERIOR A NADAR = cagar, defecar.
ENTÃO = certo, concordando.
ENTOJAR = enjoar, comer demais.
ENTOJOU = comeu demais, enjoou.
ENTRA POR UM OUVIDO E SAI PELO OUTRO = não merece crédito, fazer-se de surdo, fazer de conta que não escutou, que não tomou conhecimento.
ENTROU PELO CANO = se ferrou, saiu-se mal, deu-se mal em alguma coisa.
ENTROXA = enfia.
ENTURMADO = pessoa que se fez amigo de outros com rapidez, que se enturmou, se aproximou, fez amizade, que conhece todos, junto.
ENTURMAR = fazer amizade, compor um grupo com facilidade.
ENXAME = bagunça, alvoroço, corre-corre.
ENXAMISTA = pessoa que provoca alvoroço, que provoca enxame.
ERVA XIDRERA = Erva cidreira.
ESBANDALHADO = bagunçado, jogado, desarrumado.
ESCAFEDER = sumir, partir, picar a mula, deitar o cabelo.
ESCAFEDEU = sumiu.
ESCALÃO = pessoa que se auto-escala, se auto-convida para alguma coisa, entrão.
ESCALAR = pessoa que se auto-escala, se auto-convida.
ESCALDANTE = quente.
ESCAMBAU = fora, se lascar.
ESCAMBO = troca, rolo.
ESCAPULIU = escapou.
ESCARCEL = grito, barulho, bagunça proveniente o medo e susto.
ESCARRO = não querer alguém por perto, limpar o espaço.
ESCREVEU NÃO LEU, O PAU COMEU = levar bronca.
ESCRIVIDO = escrito.
ESCROTO = pessoa que se garante, pode ser coisa interessante, legal, boa.
ESCUITÁ = escutar, ouvir.
ESGANADO = egoísta, com fome.
ESGUALEPADO = doente, abatido.
ESGUÊ = troncho, bobo.
ESI = esse.
ESMAGRECER = emagrecer.
ESPARRELADO = caiu esparramado no chão.
ESPARRO = coisa exagerada.
ESPATIFOU = quebrou, arrebentou-se.
ESPERÁ UM PEDACINHO = ter paciência, esperar um minuto, dá um tempo.
ESPIÃO = dedo duro, que leva informação.
ESPIÃO DA CASA DO CARAIO = ginecologista.
ESPICHAR = deitar, acomodar.
ESPINHAÇO = costa, coluna cervical.
ESPOCAR = estourar, explodir, pipocar.
ESPORRO = bronca.
ESQUEMA = ter chance com alguém, corrupção, projetar alguma coisa, ficar com alguém, trapaceiro, comprar alguém, malandragem.
ESQUENTAR O BANCO = sentar.
ESQUIAR = sair, fugir.
ESQUIAR-SE = sair de fininho, fugir de mansinho.
ESSE UM = esse.
ESTALO = lembrar, lembrança.
ESTAR COM A BEXIGA LIXA = estar com o cão no couro, agitado, bubônica.
ESTAR COM A CACHORRA = bravo, nervoso, agitado.
ESTAR COM A FEBRE DO RATO = muito irritado, muito arretado.
ESTAR COM A MACACA = nervoso, bravo, revoltado, esquisito, descontrolado, enrolado.
ESTAR COM O PÉ NO ESTRIBO = preparando-se para viajar.
ESTAR NO RATO = sem namorado(a) há muito tempo.
ESTATALADO = arregalado, grande, esparramar-se no chão.
ESTIBADO = rico, cheio da grana.
ESTORGA = Astorga.
ESTRELA = pessoa metida, que se acha o tal.
ESTRELÃO = futebol ou jogo de botão.
ESTRELINHA = pessoa metida, que se acha o tal.
ESTRIBADO = rico, endinheirado.
ESTROVA = atrapalha.
ESTROVENGA = órgão sexual masculino.
ESTRUPO = estupro, coito forçado, violentação.
ETA = braveza, espanto.
ETA PIÁ VÉIO = expressão de tratamento, só podia ser você.
EU ACHO É POUCO = expressão de desprezo, escárnio, maldição. Em Olinda/PE, é também nome de um dos blocos que desfilam no carnaval.
EU DI = eu dei.
EU ME ABRO = ri de alguém ou de alguma coisa, de alguém ou de alguma piada.
EU TE AJEITO NEM QUE SEJA NA PANCADA! = raiva, ameaça.
EU TE AJEITO NUMA PANCADA SÓ! = ameaça de agressão.
EXPEDIÊNCIA = atitude.
EXPRIMENTAR = experimentar.
EXPRIMENTE = experimente.

FACA E QUEIJO NA MÃO = tudo à disposição, fácil.
FAÇA O QUE PEÇO E NÃO O QUE FAÇO = não seja burro, seja inteligente.
FACÃO = esperto, esperteza, rápido, passar a mão, roubar.
FACÇÃO = gangue.
FÁCIR = fácil.
FADO = peso, volume.
FAGULHEIRO = ânus.
FAIÔ = falhou, falhar.
FAISCA = trabalhador individual, só, empreiteiro.
FAISCAR = trabalhar por conta própria, trabalhador diarista ou empreiteiro, só.
FAISMASSEGE = faz massagem.
FAIZ = faz, fazer.
FALA FEI? = e ai, tudo bem?
FALA LOCO VÉIO = pedindo para falar.
FALA SÉRIO = sem cabimento, não acredito, modo de expressão significando: “verdade?”.
FALÁ SOCADO = falar para dentro.
FALA-FALA = converseiro.
FALAR ABROBRINHA = falar besteira, falar o que não deve.
FALBÉTICA = alfabética.
FALEMO = falamos.
FALÔ = falou, é isso ai, ok, tchau.
FALOU DEMAIS = disse o que não devia, se comprometeu.
FANIQUITO = estado psicológico medianamente alterado.
FARDA = uniforme.
FARTA = falta.
FASTAR = afastar, recuar.
FAVUCA = favela, cortiço, região pobre.
FAZ ME RIR = dinheiro.
FAZENDO ONDA = enrolando, passando o tempo.
FAZER = transar, fazer sexo.
FAZER BONITO = fazer certo, bem feito, dar show.
FAZER CERA = enrolar, embaçar, demorar a fazer algo, fazer algo lentamente ou encerar, sacanear.
FAZER HORA = enrolar, embaçar, sacanear, passar o tempo.
FAZER MÉDIA = puxar o saco, fazer-se de amigo, encostar.
FAZER PONTO = estar em determinado lugar para esperar ou sair com alguém.
FAZER TEMPESTADE EM COPO D`ÁGUA = criar problemas, provocando, bagunçando.
FAZER UM BICO = pegar um trabalho de poucos dias, trabalhar.
FAZER UM GANCHO = ligar um ponto ao outro, uma conversa à outra.
FAZER UM QUILO = comer, alimentar-se.
FAZER UMA BOQUINHA = alimentar-se, jantar, almoçar, tomar café, comer alguma coisa, fazer um bico,: trabalhar, ganhar dinheiro.
FECHA A BOCA E COME! = ameaça, motivação, contradição em fechar a boca e comer.
FECHAR A TRAMELA = pedir para ficar quieto, parar de falar, fechar a boca.
FECHE A CARA = Fique sério, chega de brincadeira.
FECHEI O ZÓIO = preocupação, medo.
FEDEU = deu errado, deu zebra.
FEITO NAS COXAS = fazer algo de qualquer jeito, rapidamente, sem a devida atenção, com desleixo.
FENO = capim.
FERRADO = sem saída, marcado, frito, fudido, lascado, armado.
FERVO = festa, baile, rela-bucho.
FESSOR = professor.
FESSORA = professora.
FÍ DE MARIA PENTEI! = filho da puta, desgraçado...
FI DUMA ÉGUA = ato de xingar, falar mal.
FÍ DUMA ÉGUA = xingamento.
FIA = filha.
FIA DA MÃE = filha da mãe.
FIA DA PULÍCIA = filha da polícia.
FIANCO = de lado.
FICÁ = namorar, dar uns beijinhos no(a) outro(a).
FICA FRIO = fica calmo, mantenha-se calmo, relaxa, não se preocupar.
FICA NA MIÚDA = cala a boca, fica quieto, fica calado.
FICA NA MORAL = fica quieto, calado.
FICA NA SUA = fica quieto, não dar bandeira.
FICANTE = paquera, namorado(a).
FICAR = namorar, dar uns beijinhos no(a) outro(a).
FICAR A VER NAVIOS = sem entender nada.
FICAR ATENTO = cuidar, não deixar escapar.
FICAR COM A PULGA ATRÁS DA ORELHA = preocupado.
FICAR DE MOLHO = inativo, parado, sem iniciativa.
FICAR DE OLHO = ficar atento, paquerar, xavecar.
FICAR GRILADO = atento.
FICAR NA TANGA = ficar sem nada, ficar com vontade.
FICAR NAS MANHA = ficar quieto.
FICAR POR CIMA DA CARNE SECA = ganhar todas, ser vitorioso.
FICAR PRA CONTAR A HISTÓRIA = sobreviveu, único que escapou.
FICAR SEM TERRA NOS PÉS = ficar sem suporte ou apoio.
FICAR TANTÃ = abobado, abestado, retardado.
FICAR TUCAIANDO = ficar vigiando as coisas, cuidando.
FICÔ = ficou.
FICOU = namorou, deu uns beijinhos no(a) outro(a).
FICOU JOGADO = abandonado, largado.
FICOU NA PISTA = faltou rapidez, deu mole, passou vergonha.
FICOU NO VÁCUO = ficou sem entender, perdido.
FICOU PEQUENO = mal visto, mal falado.
FIETI = fiat.
FIGO = fígado de boi.
FIHICO = filhinho.
FII = filho.
FILÁ = pegar alguma coisa sem pedir permissão, dar em cima de alguém.
FILÁ = pegar, catar.
FILÁ NAS PROVAS = colar nas provas.
FILÃO = que pega coisas sem autorização ou que se acostumou a pedir algo, a exemplo de comida.
FILÉ = mulher ou homem bonito(a), gatinha ou gato, objeto de primeira, coisa boa e gostoso(a), gostosa, boa de corpo.
FILÉ SUPIMPA = muito legal, bom, bonito(a).
FILEZINHO = menina bonita, boa, gostosa.
FILHO DE PAPAI = pessoa que vive em vida boa, acariciado, mamado.
FILHOTE DE CRUZ-CREDO = homem muito feio.
FILIZ = feliz, contente.
FINCA = cravar.
FINCÁ = cravar.
FINQUEI O PÉ = correu, fugiu.
FIO = filho.
FIOFÓ = ânus, cú.
FIOFÓ = ânus.
FIQUEMO = ficamos, fiquemos.
FIRMA!?” = beleza, ok, de acordo.
FIRME CO ZUK? = tudo Bem?
FISSURADO = de olho, observando, gamado.
FITA FORTE = produto de roubo, produto roubado.
FIU-FIU = assoviar.
FIÚZA = custa, encostado.
FLIQUITI = nervoso, ansiedade.
FODEU A TABACA DE CHOLA! = estava ruim e ficou pior. “Chola” vem do espanhol e significa cachorra vira-lata no cio. Ou seja, “fudeu a tabaca”, fudeu a “chola”.
FOFÁ O PÊLO = sair correndo.
FOFAR = fartar-se, encher, comer demais.
FÓFIS = fofo(a), pessoa querida, amor, amigo(a).
FOI PRA CAIXA PREGO = desapareceu, sumiu, foi embora.
FOI PRO BELELÉU = foi embora, acabou-se.
FOIA = folha.
FOLGADO = aproveitador, devagar, pessoa que enrola.
FOMENTO = esganado, com fome, egoísta.
FOMU = fomos.
FORGA = folga, descanso.
FORGÁ = folgar, descansar.
FORMENTO = fermento.
FORMIGÃO = sujeito comedor, devorador, conquistador das garotas.
FORRAR ESTÔMAGO = comer alguma coisa.
FRAGA = flagra, surpresa.
FRAGÔ? = entendeu?
FRANGO = bicha, gay.
FRANGOTE = menino pequeno, baixinho.
FRANGOTE = rapazote, menino.
FRANGOU = recuou, desistiu.
FRECHA = espaço, buraco pequeno, brecha.
FREI DE MÃO = estorvo; acompanhado do marido, esposa ou namorada(o).
FRESCAR = tirar sarro, sacanear.
FRESCO = brincalhão, sacana.
FRESQUIANDO = se oferecendo, paquerando.
FREVO = festa.
FRITAR ALGUÉM = deixar alguém na espera, ferrar, deixar em más condições e maus lençóis.
FRITAR O QUIBE = cagar, defecar.
FRITO = sem saída, marcado, fudido, lascado.
FRIZEK = gay, travesti.
FROR = flor.
FROXO = medroso, assustado.
FRUTA = gay, viado.
FRUTINHA = pessoa afeminada.
FUÁ = bagunça, bagunçado, desorganizado, esparramado, despenteado.
FUBANGA = mulher mais feia que as feias.
FUCA = fusca.
FUÇA = rosto, boca.
FUDEU = deu errado, se ferrou, deu azar, fez sexo.
FUDIDO = endividado, sem saída, marcado, frito, lascado.
FUDUNÇO = bagunça geral, desorganização, trânsito.
FUGÃO = fogão.
FUJA LOGO = manter distância, ficar longe, evitar.
FULANO = o outro.
FULEIRO = pessoa sem-vergonha, saído ou objeto de má qualidade.
FULERAGE = pisar na bola, deu bola fora, está de sacanagem, algo que não presta.
FUMANDO UMA KENGA = nervoso, arretado.
FUMU = fomos.
FUQUE = fusca.
FUQUI = fusca, volks.
FUQUINHA = fusca, fusquinha.
FUQUITA = volks, fusca, fusquinha.
FURRUTIAR = procurar confusão
FURÚNFULO = furúnculo, tumor.
FUSQUINHA = ânus.
FUTRICAR = mexer, não deixar o outro quieto.
FUXICAR = fofocar, fofoqueiro.
FUZUÊ = bagunça, briga, corre-corre.

GABARITAR = acertar tudo.
GABIRU = rato grande.
GAIATO = pessoa que quer levar vantagem em tudo, rápido, cinco dedos.
GAIOTA = carrinho de burro, carroção.
GAIZURA = fresco, frescura.
GALEGO = pessoa loura ou alourada, polaco.
GALERA = torcida, loira.
GALETO = pegar, filar.
GALFO = garfo.
GALINHA = mulher que sai com todos os homens, independente do sexo, transa com qualquer um, da vida.
GALINHA DO CÉU = urubu.
GALIZÉ = briguento.
GAMADA(O) = apaixonada(o), desejosa(o).
GAMADO = cheio de amor, apaixonado.
GAMAR = apaixonar.
GANDAIA = bagunça, baile, festa, diversão.
GANHAR = conquistar, apossar-se ou roubar alguém para namorar.
GANJUDO(A) = manhoso(a), filho(a) cheio de manias.
GAPÉ = sem carro, sem automóvel.
GARANHÃO = homem que conquista ou transa as mulheres que quer ou que se gaba transar.
GARAPEIRO = esperto, pessoa que dá o bote na hora certa.
GARFAR = pegar.
GARIMPADOR = que namora ou passa o tempo com várias mulheres, pega todas que consegue.
GARIMPANDO = pegando as meninas ou os rapazes, passando ou procurando todos(as).
GARIMPEIRO(A) = que procura alguém para namorar ou passar tempo.
GARRÃO = calcanhar.
GÁS = correndo, muito rápido, disparou.
GASGUITA = mulher de voz fina e estridente.
GASGUITO(A) = que tem a voz irritante, aguda.
GATINHO(A) = belo(a), bonito(a), lindo(a).
GAUCHO VÉIO = cumprimento, tratamento pessoal.
GAZEAR = faltar à aula ou ao trabalho, enrolador, trapaceiro.
GAZETEIRO = sujeito que falta aos compromissos, à aula, às reuniões, turista.
GEGA = cama.
GEL = cerveja.
GELADA = cerveja.
GELÔ = ficou com medo, mijou para trás.
GELO BAIANO = blocos de concreto pintados de branco usados para separar as vias de trânsito.
GENTE BOA = boa pessoa, gente simpática, legal.
GENTE DO CÉU! = admiração, susto.
GERINGONÇA = máquina, coisa ruim.
GIBERA = bolços da calça.
GIGOLÔ = vende o corpo, presta serviços sexuais.
GINCOGISTA = ginecologista.
GINELA = janela.
GIRIMUM = abóbora.
GIRINGONÇA = coisa velha, barreira, trava, coisa mal feita.
GOIPADA = cuspir.
GORFAR = pegar, tributar.
GORFIAR = pegar, dar um bote, atacar, tributar.
GORÓ =  beber.
GORPADA = cuspida.
GORPE = golpe.
GOSTOSA = mulher sensual e bonita, mulherão, mulheraço.
GOTA SERENA = bravo, irritado.
GRAÇA = nome do outro, engraçado.
GRAFITAR O PORCELANA = cagar, defecar.
GRÉIA = azoação, festa (ex: a festa foi a maior gréia).
GRILADO = preocupado, com medo.
GRINGO = americano, estrangeiro, que veio de outro país.
GROG = bêbado.
GUARANÁ DE ROLHA = coisa antiga, velha.
GUIMBA = resto de cigarro.
GUMITÁ = vomitar.
GURI = menino.
GURIA = menina, moça.
GURIZADA = meninada.

HARBA CÓRPU CRISTI = habeas corpus.
HEI = chamamento, oi, interjeição.
HERDÔ = herdeiro, herdar.
HOMI = Homem.
HORA AGÁ = momento certo, já.
HORRIVO = horrível.
HOSPITAR = hospital.


I = e.
I É? = e é? Espanto.
IAPÔIS = é mesmo, verdade, concordância.
IBOPE = todo cheio, com tudo, famoso, celebridade, se achando.
IDÉIA DE JIRICÓ = idéia de doido, louco, sem fundamentação.
IDOLATRADA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
IÊU SEI = e eu sei?
IIIISSO HOMI = certo, concordo com você, isto aí.
IMBORNÁ = mochila, bornal, sacola.
IMENDA = conserto, ajeitar.
IMPRESTAVI = emprestável, que não vale nada.
INCEBANDO = enrolando, fazendo cera.
INCHA = chato.
INCUCADO = preocupado, pensativo.
INCUTIDO = empenhado, disposto.
INDA = ainda.
INDADISCUBRIU = ainda descobriu.
INDAGA = que festa, pessoas alegres, conversas e papo furado.
INDOSPIA = endoscopia.
INFELIZ DAS COSTA OCA = tipo de xingamento: infeliz, mal caráter, mal elemento!
INFLAMADO = tá cheio, estourando.
INFLUIDO = concorrido.
INFURNADO = preso dentro de casa, detido.
INGRUPI = enganar, passar para trás.
INHACA = catinga, mau cheiro, bagunça, sujeira.
INOKI = nokia.
INÔZÁ = amarrar.
INSTEPOR = xingamento (manezinho da ilha).
INTÃO = então.
INTÉ = até mais.
INTEDIANTE = não ter nada para fazer, ficar parado, vazio(a), lugar chato.
INTENDEMO = entendemos, compreendemos.
INTENDEU? = Entendeu? Compreendeu?
INTENDI = entendi, compreendi.
INTERESSADO = está de olho, paquerando.
INTERTÊ = fazer passar o tempo com algo.
INTICÁ = provocar, chamar atenção para si.
INTICAR = provocar, instigar.
INTINDI = entendi, compreendi.
INTUIADO = cheio.
INTURRADO = cheio.
INÚRTIL = inútel, imprestável.
INVARETADO = nervoso, bravo.
INVÉIS = invés.
INVOCADO = pode ser legal, bonito, diferente ou, pessoa fechada, bravo...
INVOCANO = invocando, paquerando, de olho.
INXERGA = enxerga, enxergar.
IOF = sem avisar, sem tornar público.
IR NA CASINHA = ir ao banheiro.
IR NAS PRIMAS = ir ao puteiro, zona.
IR PRÁ O OUTRO LADO = morrer, partir.
IR PRO CÉU = morrer, partir para o além.
IRIM = irem, partirem.
ISBORRAR = transbordar, passar do limite, encher.
ISCREVO = escrevo.
ISCUITÁ = escutar, ouvir.
ISCUTÁ = escutar.
ISCUTÔ? = escutou?.
ISMERILO = esmeril.
ISPAIÁ = espalhar, mexer.
ISPLICÁ = explicar.
ISPRITO = espírito.
ISTAMU = estômago.


JÁ É = com certeza, de acordo.
JÁ É! = já, agora.
JÁ ERA = acabou, perdeu, foi-se.
JÁ FUI = está bom, imagina, não.
JÁ HOJE = a pouco, algo que aconteceu anteriormente (passado próximo).
JÁ VÔ I = já estou indo.
JÁ VOU = espera sentado.
JÁ’QUÉ = está de olho, interessado, paquerando.
JACU = trouxa, bobo(a), pessoa do interior, tímida, sem malícia.
JAGUARA = burro, nada inteligente.
JAGUARÁ = pessoa que não presta.
JANTE = roda do carro.
JAPÃO = lugar lotado, muita gente, festa.
JAPONA = jaqueta de nylon, japonesa, camisa de couro.
JARARACA = má, brava.
JAROCA = mistura de alguma coisa.
JAULA = pessoa atrasada, “burra”, devagar.
JAVOINDO = estou indo, já vou, estou de saída.
JECA TATU = bobo(a), besta, atrasado(a), fraco(a).
JEITIO = jeito.
JERIMUM = abóbora.
JIRICO = doido, louco, sem fundamentação.
JOÃO SEM BRAÇO = fazendo-se de bobo, esperto.
JOGANDO CONVERSA FORA = conversar muito.
JOGAR BABADO = joga bola ou futebol.
JOGAR VERDE = dando uma de esperto.
JOROCA = mistura de várias coisas, mistura maluca.
JÓSSA = coisa.
JUBA = cabelo, vem de juba de leão, dente, boca.
JUDIÁ = maltratar, bater, torturar.
JUDIARIA = maus tratos, tortura.


K.Ô = mentira.
KAKEDO = pessoa que não valem nada, sem valor.
KAS DE QUÊ? = por causa de que?
KENGA = mulher da vida, mulher feia, mala, pessoa velha, o mesmo que rapariga, biscate.
KRAU = bronca, pegar, manter relação sexual, comer.
KRÉU = catracada na menina, vai e vem durante o sexo, comer.
KULA = viado, gay, travesti.
KYODAY = mulher feia.

LÁ LONGE = distante.
LÁ NO SOVACO DA COBRA = lugar longe e de existência duvidosa.
LÃ RAUSE = lanrause.
LÁ VAI BORDOADA = lá vai pancada, cacetada.
LÁBIA = levar na conversa, enganar, fazer a cabeça.
LABO = falta de informação.
LAMBADA = pancada, batida muito forte, pernada.
LAMBANÇA = sujeira, aprontar, derrubar.
LAMBER OS BEIÇOS = algo gostoso.
LAMBER SABÃO = sair fora, ficar quieto, acalmar-se.
LAMBISGÓIA = mulher que não é admirada por outros.
LAMBUJA = presente, doação, receber.
LANTERNEIRO = funcionário corretor de imperfeições em lataria de carro.
LAPUR = região, local.
LARANJA = substituto, reserva, representante.
LARGAR = sair, ir embora, partir.
LARICA = fome após consumir algum tipo de droga.
LASARENTO = xingamento, expressão de raiva.
LASCADO = perdido, ferrado, sem saída, marcado, frito, fudido.
LATÃO = ônibus “velho”, coletivo.
LAUDO = jeito, jeitinho, quebra-galho, acordo.
LAVÁ = lavar, limpar.
LAVANDO AS MÃOS = saindo fora, desistindo de alguma coisa.
LAVAR A BUNDA = tomar banho.
LAVAR A ÉGUA = correr.
LAVAR ÉGUA = quieta, pára, afasta-se, sai.
LAZARENTO = desgraçado, sem graça, chato.
LAZARENTO DOS INFERNO = palavrão, palavras de baixo calão.
LEGAL = algo bom, divertido, massa.
LEITÊ = leite.
LELÉ = boba, abestada.
LELUIA = aleluia.
LENDA = mentira.
LERO, LERO = conversa séria ou fiada.
LERO-LERO = conversa fiada, enganação, migué.
LESADO(A) = retardado(a), lerdo(a), devagar.
LESEIRA = abestalhamento, idiotice.
LESMA = enrolão, devagar, pessoa que enrola.
LESO(A) = bobo(a), retardada, lerda.
LEVAR BOLACHA = levar um fora, não mais ser querido(a) pelo(a) outro(a).
LEVAR DE EITO = levar tudo junto, levar de roldão.
LEVAR OVO = receber bronca, ser chamado atenção.
LEVAR PÊIA = apanhar.
LEVAR UM ATRAQUE = Quando se leva uma geral ou batida da polícia.
LEVAR UM CHOQUE = levar um fora de alguém, levar uma bronca ou pito, ser chamado a atenção.
LEVOU A BRECA = saiu mal, quebrou.
LEZA = desligada, distraída(o).
LEZADO = cansado, enganado, passado para trás.
LIBERAR O MORENO = fazer "necessidades fisiológicas", defecar, cagar.
LICOTINA = guilhotina.
LIGA = ligar, dar atenção, fazer funcionar, olhar.
LIGADO = atento.
LIMPÁ = limpar.
LINGUA DE TRAPO = linguarudo.
LÍNGUA PRETA = fala demais.
LINGUARUDO(A) = fala demais, fala o que não deve.
LISEIRO(A) = sem dinheiro, duro(a).
LISO = rápido, esperto, ensaboado, duro, sem dinheiro, cinco dedos, matando cachorro a paulada.
LISO QUE PAU DE GALINHEIRO = ligeiro, esperto.
LIVRÁ = livrar, ficar livre.
LOÇA = louça.
LOCO = louco.
LOGO ALI = próximo, perto.
LOKO DE BAUM = bom demais, muito bom.
LOLÓ = entorpecente caseiro usado por usuários em carnavais: mistura de éter e clorofórmio.
LOMBRADO = drogado, doidão, aéreo.
LOROTA = conversa fiada.
LOUCO = legal, demais, massa.
LOUCO DE LEGAL = super legal, super bonito.
LP = lança perfume, droga.
LUITÁ = brigar.
LUIZ = luz, claridade.


M.C. = mestre de cerimônia.
MÁ = mal.
MÁ Q’DIABRO ESSE TRÓÇO? = Mas o que é isso?
MÁ’RAPÁS = mas rapaz.
MACABRO = feio, horrível.
MACAXEIRA = mandioca, aipim.
MACETE = caminho, forma, metodologia...
MACHO = que se acha bom no ambiente, no pedaço. Acha-se bom no comprimento do pênis e se diz macho, homem.
MAGRELA = bicicleta, mulher magra, seca.
MAGUAÇA = pessoa que já bebeu bastante, erro por culpa da bebida.
MAI É O CÚ DA COBRA!! = indignação.
MAINHA = mãe, mamãe.
MAIÓ = maior, grande, enorme.
MAIOR 71 = picareta, pessoa trambiqueira.
MAIOR AUÊ =  pessoas falando , discussão, bagunça.
MAIOR BAFÃO = grande fofoca  ou acontecimento.
MAIOR CHICLETE = pessoa chata.
MAIOR FILÉ = mulher muito bonita ou homem muito bonito, coisa boa.
MAIOR LOUCO = muito legal, demais, massa.
MAIOR OTÁRIO = idiota.
MAIOR PALHAÇADA = coisa sem propósito.
MAIOR REBU = confusão grande.
MAIS ALÉM = depois, mais para frente, futuramente.
MAIS FIRME QUE PALANQUE EM BANHADO = fraco, sem força, sem resistência, bêbado.
MAIS PRÁ LÁ DI BAGUIDÁ = distante, longe, desatento, bêbado.
MAISI = mais.
MAL OLHADO = feitiço, sarava.
MALA = metido a bandido ou ladrão, traidor, insuportável, chato, enrolado, ruim, cobrador, que torra, enche e atrapalha.
MALA SEM ALÇA = folgado, que se encosta, que se aproveita de situações e de amizades, exibido, metido, chato, insuportável.
MALASSOMBRADO = assustado, que vê coisas que não existe.
MALASSOMBROS = ver coisas irreais, ter medo.
MALEMÁ = pouco.
MALINAR = bagunçar, traquinar.
MALINDUCADO = mal educado.
MALMITA = marmita.
MALNESE = maionese.
MALOCAR = roubar, esconder, sacanear.
MALOQUEIRO = ladrão, cinco dedos, pessoa atoa, que anda fazendo o que presta.
MAMADO = bêbado, acariciado, filho de papai.
MAMULENGO = bonequinho idiota, fantoche.
MANCADA = desistir, pular para tras.
MANDA BALA = faça, coloque, pratique.
MANDA CHUVA = sujeito mandão, o dono do pedaço, fazer, agir.
MANDATU DE SIGURANÇA = mandado de segurança.
MANÉ = pessoa desligada, bobão, besta, imbecil.
MANERO(A) = legal.
MANETA = soco inglês, forma de agressão.
MANGA = sorrir do outro, dar risada, malhar do outro.
MANGÁ = sorrir.
MANGANDO = rindo, sorrindo, tirando uma.
MANGANO = tirando barato, tirando uma casquinha no outro, sarro, gozação.
MANGAR = caçoar, zombar, rir do outro, tirar sarro, sacanear, frescar, sorrir.
MANGUASSA = pessoa que já bebeu bastante, erro por culpa da bebida.
MANJAR = olhar, observar.
MANO = irmão, você, amigo, amigão, alguém que se gosta, parceiro, irmano.
MANZINHA DO FIINHO! = mãe do filho.
MÃO DE VACA = egoísta, pão duro, mão fechada.
MÁ-Ó ESTRANHO = muito estranho.
MÃO LEVE = ladrão, pequenos furtos, rápido.
MÃO NA MASSA = trabalhar, fazer alguma coisa.
MÃO NA RODA = fácil, grande ajuda, contribuição, facilitação.
MÃO-DE-GATO = roubar, furtar.
MÃOZADA = ajuda, colaboração, tapa, porrada.
MÃOZINHA = ajuda, colaboração.
MAR DE ALEGRE = muito feliz, para lá de alegre, felicíssimo.
MARCÁ CONSTRUÇÃO DE UMA CASA = defecar atrás de moita em roça, necessidades fisiológicas.
MARCÁ TERRENO D’UMA CASA = fazer coco, defecar, cagar, necessidades fisiológicas.
MARCA TOCA = bobear, dar mole.
MARCÁ TOCA = bobear, deixar escapar.
MARCANDO TOCA = bobear, ser passado para trás, passar-se despercebido.
MARCAR PONTO = estar em determinado lugar esperando para sair com alguma pessoa.
MARDITA = maldita.
MARGULHOU = mergulhou.
MARIA GASOLINA = mulher que não agüenta vê homem com carro novo.
MARIA ONESE = maionese.
MARIA VAI COM AS OUTRAS = pessoa que se deixa levar.
MARITACA = fala demais, conversador.
MARMANJO = pessoa grande, que deve ser responsável.
MARMITA = carro usado para fins sexuais.
MARMITECA = marmita, marmitex.
MARMOTA = algo esquisito, estranho.
MAROLA = cigarro de maconha.
MAROMBEIRO = pessoa que malha, que maromba, que faz musculação, exercícios físicos, típico de exercícios de praia.
MARRÁ = amarrar.
MARRADO = amarrado, prezo.
MARRAPAIS = indignado, indignação, revolta.
MARTELADA = bater, falar.
MARTELANDO = falando muito, batendo.
MARVADO = malvado.
MASCA PAIA = tonto, idiota.
MASCAR = apertar, arrochar, ficar, segurar.
MASSA = bom demais, interessante, legal, bem louco, brega, dá hora.
MASSA PAKAS = algo muito bom, bom demais, bem louco, dá hora.
MASTOMATE = massa de tomate.
MASTURBAÇÃO MENTAL = pensar, pôr o intelecto para funcionar.
MATANDO CACHORRO A PAULADA = duro, sem dinheiro.
MATAR CACHORRO A GRITO = fazer qualquer coisa, vender-se.
MATOU A CHARADA = adivinhou, encontrou.
MATUTANDO = pensando, imaginando.
MATUTANO = pensando, filosofando.
MATUTO = caipira, roceiro, jeca, pensador.
MAURICINHO = que se acha, play boy, filho de papai, vida boa.
MAUS BUCADOS = aperto, medo, encurralado.
M'BORALÁ = vamos lá.
ME APURRINHE = não me encha, deixe-me quieto.
ME ERRA = sai do meu pé, me larga, não me enche.
ME’DÁLI = me dá aí, passe para mim.
MEDONHO = admirável, grande, que coisa, sentido.
MEIA BOCA = nem bom, nem ruim.
MEIGA = menina que corre atrás dos rapazes, galinha, necessitada de amor.
MEIGO = efeminado, ingênuo, inocente.
MELADO = pessoa com sorte, sortudo, bêbado.
MELECADO = sujo, coco, merda, melado.
MELÔ = melodia, música.
MELÔ A CUECA = ficou excitado, defecou na cueca, cagou.
MEMU(O) = mesmo.
MENTE DESACELERADA = pessoa devagar, lerda, que acabou de acordar, que está tomando par da situação, entrando em órbita.
MERENDAR = lanche, lanchar.
MERETÍSSIMO = Juiz, meritíssimo.
MERGÊNCIA = emergência.
MERMÃO = meu irmão, irmão.
MESTRUADA = menstruada.
METÊ = fazer sexo.
METER = atirar, jogar, manter relação sexual com alguém.
METER O FERRO = dedurar, entregar, prejudicar.
METER O GANHO = fazer um assalto.
METER O NARIZ ONDE NÃO DEVE = se intrometer, entrão, pessoa que se mete onde não é chamado.
METER O PAU = criticar o outro, falar mal “bater” em alguém, depreciar a imagem de alguém.
METI A BOCA = falou mal, palavrões.
MÉTI O PAU = mandar ver, agilizar algo ou brigar.
METIDO = abusado, colarinho branco, mala, pozinho, que se acha, que quer ser, salto alto.
METIDO A CAVALO DO CÃO = metido a besta.
MEU = amigo, cara, colega.
MEU CANECO!! = espanto.
MEU CATHUTHO = minha nossa.
MEU DEUS! = expressão de espanto: "nossa!", que coisa.
MEU LOURO = forma carinhosa de tratamento.
MEU NEGRO = forma carinhosa de tratamento.
MEU XODÓ = forma carinhosa de tratamento.
MEXER UM ROLO = trocar alguma coisa, fazer rolo.
MI = me, milho.
MI’GANA = me enganar, passar para trás.
MI’GANANDO = me enganando, me enrolando, passando para trás.
MICO = vergonha.
MICOFRIBA = tecido sintético leve; micro-fibra.
MICREIRO = pessoa que concerta computadores.
MIGO(A) = amigo(a).
MIGUÉ = enganar, conversa, lero-lero.
MII = milho.
MIJÃO = medroso, tratante, pular para trás.
MIJOU PÁ TRÁS = recuou, desistiu, gelou.
MILHAL = milho grande, milhão.
MILHÃO = espiga de milho grande.
MILHARAL = roça de milho.
MIMADA(O) = paparicada(o), dengosa(o).
MIMOSA = mexerica, bergamota, laranja.
MINA = menina nova, garota, moçinha, mulher jovem.
MINHA AMADA = forma carinhosa de tratamento.
MINHA LOIRA = forma carinhosa de tratamento.
MINHA MARMITA = carro usado para fins sexuais.
MINHA NEGRINHA = forma carinhosa de tratamento.
MINHA PARTE = dinheiro, percentagem.
MINHOCA NA CABEÇA = pensando bobagem ou besteira, pensativo.
MININU = filho, menino.
MIÓ = melhor.
MIO = milho.
MIOLO DE GALINHA = que não pensa, que não é esperto.
MIOLO MOLE = que tem dificuldade para entender alguma coisa, que não presta atenção.
MIÓR = melhor.
MIORA = melhora, ficar bom.
MIORÁ = melhorar, sarar.
MIORAR = melhorar.
MIORÔ = melhorou, sarou, ficou boa ou bom.
MIRIM = trombadinha, batedor de carteira, cinco dedos, marginal, ladrão.
MISERAVE = miserável, coitado.      
MIÚDO = pequeno, dinheiro.
MIXIDO = mexido, misturado.
MÓ = muito, da hora.
MÓ BOM = legal, interassante.
MÓ COMÉDIA = pessoa cheio de querer.
MÓ LEGAL = muito bom, da hora, bom demais.
MÓ LENDA = algo que não presta, paia.
MÓ LIMPEZA = coisa que está fácil de se fazer, ou sem perigo de dar errado.
MÓ PAIA = que não presta, ruim.
MÓ PICARDIA = que não presta, ruim.
MÓ SUJEIRA = sujo, que não presta, estragou, sacanagem.
MOBRAL = lesado, passado para trás.
MOCÁ = esconder, ficar surdo, com problemas de audição.
MOCÓ = caipira, quieto, esconderijo.
MOCO = surdo, problemas de audição.
MOÇOILAS = meninas grandes, quase moça.
MOCRÉIA = mulher feia, mulher horrível.
MÓDA = música, cantoria.
MÔDE QUE = por causa de que.
MÓDE’QUE = por quê?
MÓI = muito, mó.
MÓI DE CHIFRE = corno, chifrudo.
MOIO = molho.
MOIÔ = molhou.
MOLENGA = enrolão, mole.
MOLEQUI = menino, criança, guri.
MOLHAR A MÃO = comprar alguém com dinheiro, subornar, pagar alguém por algo ilícito.
MOLHAR O BISCOITO = fazer sexo, transar, afogar o ganso, traçar uma mulher ou gay.
MOLUSCO = fraco, mole.
MONDONGO = rato.
MONJOLO = pilão de mão.
MONO = cara, pessoa, gente.
MONSTRO = pessoa muito forte ou feia, enorme, grande demais.
MORDIDA = Tirar dinheiro, vou dar uma mordida no cara hoje.
MORGÁ = enrolar, embaçar.
MORGAR = enrolar, passar o tempo.
MORINGA = cabeça.
MORÔ? = compreendeu? entendeu? está claro?.
MORRÊ DE RI = sorrir demais.
MORREU NA PRAIA = não conseguiu.
MORTANDELA = mortadela.
MOSTRAR COM QUANTOS PAUS SE FAZ UMA CANOA = provar que é bom.
MOTA = motocicleta.
MOTOCA = motocicleta.
MOTORA = motorista.
MUAMBA = produtos importados do Paraguai.
MUCUTA = sacola, bornal.
MUDI = mudei.
MUDIM = pessoa muda.
MUFINO = ruim.
MUGANGO = esquisito, estranho.
MUIÉ = mulher.
MUITO AREIA PRO MEU CAMINHÃOZINHO = muita coisa, grande, bonito(a).
MUITO LOUCO = muito bonito, lindo, nada igual.
MULA = traficante.
MULEQUE = moleque, criança, adolescente, pessoa agressiva, irreverente.
MULESTA DOS CACHORRO = empolgado.
MULHERENGO = namorador de muitas mulheres.
MUNDARÉU = muito, grande quantidade.
MUNDO DA LUA = desligado, por fora, não está nem aí.
MUNGUZÁ = canjica de milho cozido temperado a gosto.
MUNHECA = mão fechada.
MUQUIFO = lugar sujo, de mau cheiro, horrível, lugar sem condições de morar ou freqüentar.
MURISSOCA = pernilongo, mosquito picante.
MURRINHA = chata, coisa ruim, peste.
MURRO = soco, porrada.
MUSGA = música, tocador.
MUVUCA = tumulto, movimentação, bagunça, muito movimento, barulho.


NA BOA = numa boa, bem da vida, feliz.
NA HORA DO PEGA PRA CAPÁ = perigo, risco, momento decisivo.
NA MOITA = escondido, está com medo.
NA MORAL = ok, numa boa, sem problema.
NADA A VER = modo de expressão: claro que não, dá um tempo, ou: não sei de nada, não sei do que se trata ou: "sacanagem oh!".
NADICA = nada.
NANA = dorme, descansa, cochila.
NANGIVE = vadia, perdida.
NÃO ACELERE MINHA MENTE = não me apresse, não me pressione.
NÃO BOTÁ FÉ = não acreditar.
NÃO DÁ BANDERA = não se aparecer, passar despercebido.
NÃO DÁ PONTA SEM NÓ = fazer bem feito, inquestionável.
NÃO DÔ DONTA = não consigo.
NÃO DORMIR DE TOUCA = não bobear, ser esperto.
NÃO ESTOU NEM AÍ = descompromissado.
NÃO RESMUNGUE! CALA ESSA BOCA E ME DIGA POR QUE É QUE VOCÊ FEZ ISSO? = ameaça e castigo.
NÃO SE TOCA = está aborrecendo, enchendo o saco.
NÃO SEI SE CASO OU SE COMPRO UMA BICICLETA = dúvida.
NÃO VAI SER BOLINHO = não será fácil.
NAS MOCÓ = escondido, com medo.
NAUM = não.
NAVE MÃE = camburão de polícia.
NÉ MEMO? = não é mesmo?
NÉ? = não é?
NEGO VÉIO = pessoa, tratamento.
NEGODE = pagode bem ruim.
NEM AMARRADO = de jeito nenhum, nem que me pague.
NEM CHORO, NEM VELA = encurralado, sem saída.
NEM QUE A VACA TUSSA = não, negação.
NEM RELÓGIO TRABALHA DE GRAÇA = tudo tem um preço.
NEM TODO DIA É DIA SANTO = nem todos os dias as coisas acontecem como queremos.
NERD = idiota, lerdo, devagar, bitolado, babaca, besta. Na atualidade, com o surgimento da tecnologia significa: viciado em computador.
NERGÚMENO = bobo, besta, burro.
NERVOSO = algo que impressiona, potente, bonito.
NHECO-NHECO = relação sexual, sexo.
NI’MIM = em mim.
NINJA = lutador.
NO APAGAR DAS LUZES = no final.
NO CALO = caminhando, a pé, de a pé, fazer um trajeto a pé.
NÓ CEGO = trapaceiro, pessoa que enrola, quem não cumpre compromissos, de difícil solução.
NO TEMPO DE MEU AVÔ = tempos atrás, antigamente, no passado.
NO TEMPO DE MEU PAI = tempos atrás, antigamente, no passado.
NO TEMPO QUE O CÃO ERA MENINO = no passado, antigamente, tempos atrás.
NO TRONO = defecando, cagando, fazendo necessidades fisiológicas.
NOCÊ = em você, para você.
NÓI FOMO = nós fomos.
NÓI VAI = nós vamos.
NÓIA = traficante e usuário de droga, drogado, trombadinha.
NÓIS = nós.
NÓIS É FODA = somos bons, impomos respeito.
NÓIS SABE = nós sabemos.
NÓIS VAI = nós vamos.
NÓIS VIU = nós vimos.
NORDESTINÊS = palavras e gírias procedentes do Nordeste brasileiro.
NOS TRINQUE = bem arrumado, bem vestido.
NOTÁ = anotar.
NOTA = dinheiro.
NUCA = pescoço.
NUM = não.
NUM É MEMO? = não é mesmo?
NUM EMBARRERA NÃO = cair em fria.
NUM FAIZ MÁ = não faz mal.
NUM SEI = não sei, desconhecimento.
NUMA BOA = sem problema, ok.
NUTILIZADO = inutilizado, inútil.


O BICHO VAI PEGÁ = quando algo ruim vai acontecer, perigo, vem bronca.
O CARA É UM BAGRI INSABUADO = pessoa lisa, levar vantagem em tudo, esperto.
Ô DIACHO = insatisfação.
Ô LÁ EM CASA! = elogio, chamariz para mulheres bonitas.
O MAIOR CHIQUE = demais, legal, interessante.
O OME = o chefe.
Ó PAI-Ó = olha para ali, olha.
O POBRE É QUEM PAGA A CONTA = ditado popular de que todas as despesas sobrarão para o pobre. O rico viverá numa boa.
O QUE NÃO MATA, ENGORDA = desculpa de pessoas após comer alimento estragado.
O SACI CRUZOU AS PERNAS = algo inacreditável.
O TIRU SAIU PELA CULATRA = deu errado, deu zebra, tudo errado.
Ô VÉI = oh rapaz, tratamento amigável.
O(A) CARA É UMA ÉGUA = atrasado(a), lerdo(a), “burro(a)”, devagar.
O’ZÔVO = os ovos, os testículos.
OBRAR = fazer necessidades fisiológicas, cagar, defecar, fazer coco, trabalhar, passar um “fax”.
OCÊ = você.
OCÊIS = vocês.
ÔCHE = ochente.
ÓCLOS = óculos.
ÓI = olha.
OI! = modo de expressão: olá, bom dia, boa tarde, boa noite, cumprimento informal.
ÓIA = olhar, ver, observar.
OIEI = olhei.
OIO = olho, olhar.
OLHO D’ÁGUA = nascente, mina de água.
OLHO GORDO = mal intencionado, de olho em alguém, desejando alguma coisa.
ÔMI = homem.
ONÇA = sogra.
ONDA = enrolando, passando o tempo.
ONDE O DIABO PERDEU AS BOTAS = lugar distante, longe, muito longe.
ONDI = onde, lugar.
ONTI = ontem.
ONTONTI = antes de ontem, dois dias atrás.
OPA = oi, cheguei, foi mal, desculpa.
ÔRA = passar mal.
ORDI = ordem, mandar.
ORNANDO = combinando.
ORNAR = combinar, igual.
OROPORTO = Aeroporto.
ORSAMENTO = orçamento.
OS’OTRO = os outros, eles.
ÔTA = outra.
OTO = outro.
ÔTRO = outro.
OTRO(S) = outro(s).
OU QUÁ? = ou não?
OURO = coisa boa.
OVIU = ouviu.


PÁ = para, resolver, acabar, chegar, ok, muito, bastante, pancada, tiro.
PÁ VIRADA = doidão, bravo, nervoso.
PÁ’CABÁ = para acabar.
PABULAGEM = pessoa metida.
PACA = interessante, demais, bastante, muito, bonito. Ex.: já li paca! É bonito paca!
PACAS = interessado, querendo alguma coisa, bastante.
PACOVA = saco cheio.
PADARIA = bunda, nádegas.
PADÊ = maconha, pó, droga...
PADEIRO = namorador que não dá conta da namorada e o outro chega e leva.
PADIN = padrinho.
PADOKA = panificadora, padaria.
PAGÁ MICO = passar vergonha, queimar a cara.
PAGÁ O TURCO = ir ao banheiro, defecar, cagar.
PAGA PAU = admirador das coisas dos outros.
PAGÁ SAPO = discutir com alguém.
PAGÁ VECHA = passar vergonha.
PAGANDO O PATO = pagando por ter cometido erro.
PAGA-PAU = admira, idolatra algo ou alguém.
PAI D’ÉGUA = cidadão, pessoa.
PÁIA = mentira.
PAIA = pessoa chata.
PAIA PRA CARALHO = algo que não presta.
PAIÊRO = fumo de palha, cigarro de palha.
PAINHO = pai.
PALHA = fiasco, nada a ver.
PALITÓ DE MADEIRA = caixão de defunto.
PAMODI = para.
PANÇA = barriga, estômago.
PÂNCA = modo de se comportar ou portar.
PANÇUDO = barrigudo, barriga grande.
PANDECO = marmitex.
PANGARÉ = jovem.
PANTERA = pessoa brava, valente, onça.
PANTIM = fresco, frescura, gaizura.
PÃO DURO = mão de vaca, mão fechada.
PAPA ANJO = pessoa que está ou fica com alguém visando sexo, namorar alguém bem mais novo.
PAPA-ANJO = pessoa que fica ou namora com alguém mais novo(a) que ela(e).
PAPAGAIO VÉIO NÃO APRENDE A FALAR = idosos não aprendem mais, passou do tempo de aprender.
PAPEÁ = conversar.
PAPEL HIGÊNICO = papel higiênico.
PAPO = conversa.
PAPO DE ELEFANTE = conversa chata, sem sentido.
PAPO ESTRANHO = conversa de gay.
PAPO FIRME = conversa séria, diálogo interessante.
PAPOCAR = explodir, quebrar, estourar.
PAQÜERA = fígado.
PAR = muitos.
PAR DELES = muitos.
PAR DI ANO = muitos anos.
PARADA ERRADA = situação ou ambiente que não atendeu expectativas, algo não saiu como previsto.
PARAFUSO SOLTO = descontrolado, abestaiado.
PARANHO = teias de aranha no canto das paredes e no teto.
PARAR TRÂNSITO = mulher gostosa ou bonita.
PARCIDO = Aparecido, parecido com alguém.
PARE, HOME DO CÉU = parar, o mesmo que 'se par de bobo' e 'deusolivre home'.
PARI = parar, ficar quieto.
PARICERO = parceiro, colega, amigo.
PARIDO = dado a luz, nascido, vindo ao mundo.
PARIR = dar a luz, nascer, vir ao mundo.
PARTIR PRA CIMA DE ALGUÉM = partir para a briga, agredir.
PARTO DE ELEFANTE = algo demorado.
PASMO = surpreso, admirado, perplexo.
PASSÁ = contar, passar.
PASSA FOMI = guloso, faminto.
PASSADA DI OLHO = rápido, ligeiro, sem dar atenção.
PASSANDO FAX = defecado, cagando, fazendo cocô.
PASSAR A MÃO = furtar, roubar.
PASSAR A PERNA = dar um golpe, passar o outro para trás.
PASSAR BATIDO = errar, comer barriga.
PASSAR LOTADO = não perceber, passar muito rápido, correndo, desatento, com pressa.
PASSAR MICO = passar vergonha.
PASSAR UM FAX = defecar, cagar, fazer necessidades fisiológicas, coco.
PASSIÁ = passear, sair, dar volta, andar.
PASSÔ = passar.
PASSOU A MILHÃO = passou correndo.
PASTÁ = pastar, comer.
PASTO TÁ BOM = engordou.
PASTORAR = vigiar, cuidar, prestar atenção, guardar.
PATAVÁ = torrar a paciência, encher o saco.
PATAVINAS = nada, tapado.
PATRÍCIA = metido, mala.
PATRICINHA = moça metida.
PATTY = patricinha, garota que anda na moda, riquinha que se acha ou metida a rica, pessoa que esnoba, garota feshion.
PAU = pênis, surra, coça, pancada.
PAU D’ÁGUA = bêbado.
PAU DE VIRÁ TRIPA = pessoa magrela e alta.
PAU NA BRENHA = pessoa otária, metido, besta.
PAU NAS BRENHA = otário, besta.
PAULEÃO = pessoa chata, babaca, sem expressão.
PAXONADO = apaixonado.
PAXONÔ = apaixonou.
PC = computador.
PÉ ATOLADO = corredor, alta velocidade.
PÉ ATRÁS = desconfiado.
PÊ DA CARA = decepcionado, chateado.
PÉ DA ORELHA = nuca, pescoço.
PÊ DA VIDA = nervoso, revoltado, bravo.
PÉ NA COVA = sujeito magro, muito magro, para morrer, à espera da morte.
PÉ NO SACO = pessoa chata.
PÉ PÔ PÉ = devagar, caminhando lentamente.
PÉ RAPADO = atrasado, xucro, iletrado, fraco em observações e conceitos.
PEA = amarrar.
PEBA = quem não faz nada, não trabalha, “vagabundo”, de má qualidade, paia, roceiro.
PEBADO = perdido, ferrado, com dificuldade, passando apertado.
PÊCA = bolinha de gude, cometer erro.
PEÇA BOA = trambiqueiro, mau elemento, marginal, ladrão.
PECINHA = sujeito metido, delicado, acha-se, pensa que é.
PEDAÇO DE MAL CAMINHO = pessoa muito bonita.
PÉ-DE-BOI = forçudo, persistente, que não desiste.
PEDRA = dança, baile.
PEDRA NO SAPATO = preocupado, problema.
PEDRO BÓ = atrasado, bobo, besta.
PEGÁ = pegar, alcançar.
PEGÁ A RETA = seguir em frente, fugir.
PEGA LEVE = devagar, calma.
PEGA O BECO = sai fora, vai embora, parte.
PÉGA PÁ CAPÁ = correr, dar o fora.
PEGA PRA CAPÁ = correr, dá no pé, sair em disparada, afastar-se.
PEGA’NINGUÉM = pessoa que não fica com ninguém, leva tombo.
PEGACRIA = baile com música sertaneja, rela-bucho.
PEGADORA = namorara de muitos homens.
PEGANINGUÉM = que não consegue ficar com ninguém, abandonado.
PEGAR = manter relação sexual, “comer”, namorar, paquerar.
PEGAR JACARÁ = tomar sol.
PEGAR NO FRAGA = flagrar, surpreender.
PEGAR O BECO = sair, cair fora, ir embora, partir.
PEGAR PESADO = chegar junto, dar bronca, chamar a atenção.
PEGOU NO FRAGA = flagrou, surpreendeu.
PEGOU PESADO = deu bronca, chamou atenção, brigou.
PEGUENTO = suado, molhado de suor.
PEGUETES = Pegar uma garota;dar uns amassos.
PÊIA = apanhar, descer, desmontar, amarrar, segurar.
PEIDAR NA FAROFA = vacilar, acredita que é o tal e se acha.
PEITA = camisa, camiseta.
PEITÁ = encarar, enfrentar.
PEITICA = cabuloso, nervoso, chato, que mexe com os outros, insistente, que insiste, azarado, sem sorte.
PEITUDA = mulher do peito grande, enorme.
PELA SACO = pessoa mala, pronunciador de besteira.
PELADA = jogo de futebol.
PELANCA = sobra de pele.
PELASUAMIZÁDI = pela sua amizade.
PELÚCIA = mulher bonita, gostosa.
PELUDA = órgão sexual feminino, vagina.
PENCA = muitos.
PENDENGA = pendência, devedor, mania, hábito, luta, confronto.
PENDUROU A CHUTEIRA = parou, desistir, não querer mais.
PENDURUCALHO = enfeite, órgão sexual masculino, bagulho, emprego sem compromisso, encosto, que não mais serve, lugar para pendurar.
PENETRA = folgado, aparecer em algum lugar sem ser convidado.
PENSÁ = pensar.
PENSA QUE É = se acha, pensa que pode.
PENSA QUE PODE = acha que está com tudo, pensa estar de bola cheia.
PENSAR NA MORTE DA BEZERRA = pensar, imaginar.
PENSÔ = pensou, pensar.
PENTEAR MACACO = cair na real, sair fora.
PÉRA = espera.
PERA = viado, gay, travesti.
PÉRA-LÁ = espera um pouco.
PERAMBULÁ = andar à toa.
PERDEU = não vale a pena tentar, está difícil.
PERDEU A LINHA = saiu fora de si, perdeu a compostura ou o controle de si.
PEREBA = ferida, inflamação, buraco, fenda.
PEREBENTA(O) = cheio de ferida.
PERERECA = órgão genital da fêmea.
PERERECO = bagunça, tumulto.
MACACO MATRICULADO = raiva controlada, descontrole controlado.
PÉRI = espere.
PERIQUITO = genital masculino: pênis, pinto, periquito, birimbal, pau quando ereto.
PERSEGUIDA = genital feminino, vagina.
PERVA = menina levada, sem vergonha.
PESCAR = colador, colar na prova.
PESCOCIÁ = olhar para os lados, admirar outra pessoa ou coisa, matar tempo, enrolar.
PESSOA ABERTA = saído para o mundo, não preguiçoso.
PESTIADO = com alguma doença.
PÊTA = biscoito de polvilho.
PETELECO = tapa, soco, surra, apanhar, bater.
PETEQUINHA = menina bonita, boa, gostosa.
PEXADA = acidente.
PIÁ = menino, criança.
PIA = olhar, espiar.
PIÁ DE BOSTA = moleque malandro.
PIÁ PANÇUDO = guri bobo.
PIÃO = xucro, otário, “besta”, prego.
PICA = pênis.
PICADO = filar cigarro.
PICAR A MULA = partir, sair, deitar o cabelo, escafeder.
PICARETAGEM = pequenos trambiques, negócios de maneira ilícita.
PICHAIM = cabelo enrolado, carapinhas.
PICHOTE = criança, moleque.
PICOLÉ = sorvete em palito, geladinho no palito de madeira.
PICUÁ = bornal, sacola.
PICUMÃ = resíduo de fumaça do fogão de lenha.
PICUREI = procurei.
PIDI = pedir, solicitar.
PIDIDO = pedido.
PILA = dinheiro em real.
PILÃO = peça de madeira utilizada para triturar mantimentos como arroz, milho...
PILHA = mentira.
PIMPOIO = criança pequena, filhos.
PIMPOLHO = criança pequena, filhos.
PINCELADA = falar alguma coisa, resumo de uma fala ou informação.
SAZOM = aquele que xaveca a mulher para o amigo catar, tempera a mulher para os outros.
PINCHAR = jogar, atirar.
PINGA = cachaça.
PINGO = garota que pratica relação amorosa com todos os garotos que fica.
PINGO NOS IS = acertar, colocar nos eixos, organizar.
PINICÔ = fugiu, correu, coçou.
PINOTE = pulo.
PINOTI = liso, esperto.
PINTA = pênis, cara, pessoa.
PINTINHO = pênis pequeno.
PINTO = periquito, pênis, depois de ereto torna-se pau, birimbal.
PINTOU O 7 = aprontou, fez o que não devia.
PIÔ = espiou, olhou.
PIÓ = sim, afirmação.
PIÔIO = piolho de galinha.
PIOLHO = que vai pela cabeça dos outros, sem opinião própria.
PIORRR QUE É MEMO = é mesmo, confirmação de algo.
PIPA = droga.
PIPÁ = usar ou consumir drogas.
PIPAR = usar drogas.
PIPOCADA = falta, falha, pular para trás.
PIPOCANDO = acontecendo, desistindo, pulando para trás.
PIPOCAR = dá para trás, recuar, desistir, pular para trás.
PIPOCO = tiro.
PIPOCOU = sair fora, deu para trás, recuou, desistiu.
PIQUININ = pequeno.
PIQUITICA(O) = pequena(o).
PIRÁ = perder o controle, ficar louco, fora de si, enlouquecido.
PIRADO = enlouquecido, fora de si.
PIRAMBÊ = buraco.
PIRANGUEIRO = mão fechada, mão de vaca.
PIRANHA = garota de programa, mulher que se oferece, “da vida”, “galinha”.
PIRIGO = perigoso, risco.
PIRIGUETE = profissional do sexo, prostituta, puta.
PIRIPAQUE = passar mal, ciricutico, nervoso, ansiedade.
PIRIQUITA = genital feminino: vagina, xana, buceta.
PIRÔ = perdeu o controle, ficou louco, fora de si.
PIRRALHA = menino pequeno.
PIRUA = mulher oferecida, despreendida.
PIRULITAR = sair fora, dar o fora.
PIRULITO = pênis.
PISADO = ferida, machucado.
PISANTE = tênis.
PISÔ-SE = machucou-se.
PISOU NA BOLA = cometeu erro, fez o que não deveria, fez coisa errada.
PISSUI = possuir.
PISTA DE AEROPORTO = calvo, careca, sem cabelo.
PISTOLEIRA = interesseira, que casa por dinheiro, usurpadora.
PITACO = conversa, opinião, sugestão.
PITI = estado psicológico levemente alterado.
PITI BULL = pessoa ruim, nervoso, alterado ou cachorro bravíssimo.
PITIMBOU = lascou tudo, ferrou ou foi ferrado, quebrou, não funcionou.
PITITICA(O) = pequena(o) ou muito pequena(o).
PITOCO = sem rabo.
PITRICA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
PITUCA = cabeça.
PIU-PIU = pênis.
PIVETE = menino pequeno.
PIXIRICA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
PLANTÁ = plantar.
PLAY = metido, mauricinho, que se acha.
PLAYBOY = metido, mauricinho, que se acha.
PÓ = metido, que só anda limpo.
PÓ DA GAITA = pessoa velha, acabada.
PÓ DE ARROZ = que se veste só social e se acha.
PÔ MEU = desagravo.
PÔ QUE = por que?
POBRE COITADO = fudido e mal pago, sem saída.
POBREMA = problema.
POCO = pouco.
POD’S CRÊ = acreditar, confiar
PODA = ultrapassar, cortar, o mesmo que apodá.
PODAR = ultrapassar veículos, cortar árvores.
PODE CRÊ = sim, ok, ta confirmado.
PODEXÁ = pode deixar.
PODI = apodei, ultrapassei.
PÓDI = pode.
PODIMI = pode-me.
PODRE = ruim, fedido.
PÕE NA BUNDA = esconde, guarda, joga fora.
POGRAMA = programa.
PÓIA = apóia, incentiva, oportuniza.
POIA = atrapalhado, bobo.
POIS É = fusca, podendo ser: a sim, concordo, certo (afirmativas)..
POLC = beijo.
POLITÓ = palitó.
PONHÁ = colocar, pôr.
PONHEI = por, colocar.
POPOSUDA = bunduda. Bunda grande.
POPRIDADE = propriedade.
POQUIM = pouquinho.
POQUINHO = pouquinho, pouco, um instante.
POR A BOCA NO TROMBONE = gritar, chamar a atenção.
POR BAIXO DO PANO = cambalacho, sem tornar conhecido.
POR UM FIO = quase, por pouco.
PORCESSU = processo judicial.
PORQUEOU = bebeu de mais e vomitou.
PORRADA = soco, murro, tapa, briga.
PORRAH = puxa, caramba, rapaz (espanto).
PORRETA = algo muito bom.
PORTUGUÊS = diz-se de alguém lerdo, devagar.
PÔS A CARA A BATER = se apresentou.
POSA = dormir na casa de alguém, preparar-se para foto.
POSSIVI = possível.
POSSUÍDO = conjunto genital masculino, possesso, dominado pela raiva e pelo ódio, que age de maneira estranha, age pela raiva.
POSTI = poste.
POSTIM = postinho, Posto de Saúde.
POSTO PRA FORA = colocado para fora.
POTRA BANDA = do outro lado, na outra parte, na parte de lá, do lado de lá.
POTRANCA = mulher, mulherão.
POUPANÇA = bunda, nádegas, traseiro de uma pessoa.
POUQUIM = pouquinho.
POXA VIDA!! = tristeza.
POZÁ = dormir.
POZINHO = metido, todo cheio, que se acha, que anda nos trinque, chato.
PR’AQUELESs = para aqueles.
PR’ELE = para ele.
PR’ESSAS = para essas, para lá, para cá.
PRÁ = para.
PRA DIANTE = para frente, distante, longe.
PRÁ LÁ DE BAGDÁ = zoado, passado, bêbado.
PRÁ LÁ DE BOM = muito bom, melhor ainda.
PRA MAIS DE METRO = coisa ou assunto muito longo.
PRÁBUNITO = sem utilidade.
PRACA = placa.
PRAFRENTEX = para frente, muito bom.
PRAIA SEM AREIA = cadeia, dormir no chão.
PRANTA = planta, flor.
PRANTAÇÃO = plantação.
PRANTAÇÃOS = plantações.
PRANTAR = plantar.
PRATA = moeda, dinheiro.
PRATINHAS = moedinhas, dinheiro.
PREÇO DE ARRASAR = preço baixo, oferta.
PREGO = pessoa que se acha, mané, otário, pião.
PREGUNTÁ = perguntar.
PRENDA = moça, oferta, presente, objeto doado.
PRENHA = grávida.
PREULADO = abismado, impressionado.
PREXECA = órgão genital feminino, vagina, xana, buceta.
PREZEPADA = alguma coisa ou ato que deu errado.
PRIGUIÇA = preguiça.
PRIGUNTA = pergunta, perguntar.
PRIVADA = banheiro, mitório, casinha de segredo.
PRO’CÊIS = para vocês.
PROCÊIS = para vocês.
PROCURAR CHIFRE NA CABEÇA DE CAVALO = procurando o que não existe.
PROCURAR PELO EM OVO = procurar problemas, procurar o que não existe.
PROCURAR SARNA PRA COÇAR = procurando problema.
PROFE = professor (a).
PRONTANDO = aprontando.
PROSA = conversa fiada, bate-papo.
PROSIÁ = conversar, trocar idéias, bate-papo.
PROSTA = próstata.
PRU = para, para o.
PRUCAUSA = por causa.
PRUMÓDIQUE = pelo modo de que?
PRUS = para os.
PRUZIÁ = conversar, bater papo, dialogar.
PSSÔR = professor.
PSSORA = professora.
PU QUE? Por que?
PUCHA? = admiração.
PUDÊ = poder.
PUDEMO = podemos.
PUDIM DE PINGA = bêbado, alcoólatra.
PUIÇA = polícia.
PUIS = pois, pôs, colocar.
PUIS-CLARO = sim, pois sim.
PUISIA = poesia.
PUIZ = colocar, por.
PUIZ ÓIA = olha, veja, escuta.
PULANDO PARA TRÁS = desistindo, pipocando.
PULAR PARA TRAS = mancar, desistir.
PULAR PARA TRÁS = recuar de um combinado.
PULGA ATRÁS DA ORELHA = preocupado.
PULIÇA = polícia.
PULOU PRA TRAS = recuou, desistiu, saiu fora.
PUM = peido.
PUR = por.
PUR QUE? Por que?
PURGAR = vazar pus, escapar.
PURGOU = correu, caiu fora.
PURINQUANTO = por enquanto.
PURIZEMPO = por exemplo.
PURNOSSOS = por nossos.
PURO SUCO = menina sarada, bonita e gostosa.
PURUNGA = recipiente de água advindo da abóbora, cabaça.
PUSSIVI = possível.
PUT´S GRILA = Puxa vida!
PUT’S = susto, exaltação, que coisa.
PUTA = prostituta, profissional do sexo.
PUTA CAGADA = serviço mal feito.
PUTA DE CEGO = prostituta em baixa, de baixa qualidade, sem procura.
PUTA KI PARIU = raiva, revoltado, descontentamento.
PUTA LÁ MERDA = susto, decepção, questionamento.
PUTA MÉRDA = admiração, susto, que coisa, pára.
PUTARIA = zona, bagunça, de perna para o ar.
PUTEIRO = zona, prostíbulo.
PUTIADO = com raiva, bravo, nervoso, decepcionado.
PUTRA BANDA = do outro lado, na outra parte, na parte de lá, do lado de lá.
PUTZ GRILO = nossa!!.
PUTZGRILO = caramba! Que absurdo!
PUXA PUXA Q’PUXA = espanto ou incerteza sobre determinado fato.
PUXA SACO = pessoa que agrada querendo algo em troca.
PUXA VIDA = decepção.
PUXAR A PAIA = cochilar, tirar uma soneca, dormir.
PUXAR O DEDO = atirar, dar um tiro, matar alguém.
PUXAR UM BECK = fumar droga: cocaína, maconha...


Q’SACO = chateza, chato.
QREBRADO(A) = sem dinheiro, liso, duro.
QUADRADO = pessoa sem inteligência, careta, bitolado, sem conhecimento.
QUALÉ? = o que foi? O que você quer?
QUANDO É FÉ = de repente.
QUANDO UM NÃO QUER, DOIS NÃO BRIGAM = se um não quer briga, não adianta o outro provocar.
QUANDO VOCÊ TIVER A MINHA IDADE, VOCÊ VAI ENTENDER = antecipação de conhecimento e aquisição de sabedoria.
QUANDOCÊ = quando você.
QUANDUABRAÇAMU = quando abraçamos.
QUANTO TÁ TIRANDO NO SERVIÇO? = qual o salário?, quanto ganha?
QUARQUÉ = qualquer.
QUARTO = costa da pessoa (meus quartos estão doendo).
QUASE FUI PU PAU = quase morreu.
QUÉ = quer.
QUE CHATO = ruim, indelicado.
QUE MANERO = que legal.
QUE PAIA = sem graça.
QUE PALHA = que fiasco, nada a ver.
QUÊ QUE TÁ SE ABRINDO?= O que é ô?, o que foi?
QUE QUI = o que é que.
QUE SE ACHA = metido, salto alto.
QUE TÁ SE ABRINDO = dando risada à toa.
QUE TAL ISSO DAÍ = pode ser isso?
QUE’D’ELE? = onde está?
QUEBRA GALHO = remendo, conserto provisório.
QUEBRANDO O GALHO = fazendo remendo, ajudando, contribuindo por pouco tempo, consertando provisoriamente.
QUEBRANTE = tirar feitiço, sarava, tirar mal olhado.
QUEBRAR = ficar duro, sem dinheiro, liso, arriado.
QUEBRAR A CORRENTE = vacilação.
QUEBRAR A ESQUERDA = virar à esquerda.
QUEBRAR O PAU = briga feia.
QUEIMA ROSCA = gay, travesti, homossexual, bicha, boiola.
QUEIMADO = ter sido falado mal.
QUEIMANDO A CARA = passando vergonha, fazendo feio.
QUEIMANDO A ROSCA = fazendo sexo anal.
QUEIMAR = falar do outro, estragar a vez do outro.
QUEIMAR A CARA = passar vergonha.
QUEIMAR A ROSCA = transar, fazer sexo; ver molhar o biscoito, afogar o ganso, relação sexual por meio do ânus.
QUEIMAR O FILME = estragar ou falar mal de alguém, vacilar, entregar, dedurar.
QUEIMAR PEDRA = fumar crack.
QUEIMAR ROSCA = transar, fazer sexo; ver molhar o biscoito, afogar o ganso, relação sexual por meio do ânus.
QUEIMOU MEU FILME = falaram de mim, fofocaram.
QUEIXAR = azarar, paquerar, namorar.
QUEIXO(A) = mentira, cantada (ex.: fulano pregou um(a) queixo(a) em cicrana).
QUEIXUDO(A) = mentiroso(a), paquerador(a), namorador.
QUEJO = queijo.
QUEM GABA A NOIVA É O NOIVO = quem muito elogia está puxando o saco, está em busca de vantagens ou quer se aparecer.
QUEM MANDA AQUI? = mandão.
QUEM NÃO SE COMUNICA SE ESTRUMBICA = ausência de comunicação, falta de diálogo.
QUEM NÃO TEM CACHORRO, CAÇA COM GATO = fazer de tudo para conseguir o que se quer buscando recursos alternativos, não desanimar.
QUEM PASSAR POR ÚLTIMO, FECHE A PORTA = o último paga tudo, lava a louça...
QUEM TEM CU, TEM MEDO = todas as pessoas são medrosas.
QUEM TRABALHA DE GRAÇA É RELÓGIO = todo trabalho tem um preço, teu seu valor.
QUENGA = prostituta, mulher da vida, mulher feia, muitos filhos.
QUENTÊ = quente, fervendo.
QUENTINHA = marmitex.
QUERÊ = querer, desejar.
QUERENDO SER = se achando, metido(a).
QUERO CRER = duvido, só acredito vendo.
QUETA O FACHO = fique quieto, assenta-se.
QUI = que.
QUI JEITO = de que jeito.
QUI MASSA = admiração, exaltação.
QUI MI CONTÔ = que me contou.
QUI NEM = igual.
QUI’ZICA = que zebra, trava, que problema.
QUIETO = deixa pra lá.
QUINTAR = quintal.
QUIPROQUÓ = do latim, significa: “quid pro quo”, uma coisa pela outra; toma lá, dá cá.
QUIZILA = confusão.


RABUTAIA = resto, pedaço, sobra.
RACHOU O BICO = se ferrou, caiu do cavalo.
RADIOLA = baile, diversão, festa.
RAIVADO = nervoso, com raiva.
RALA RALA = baile.
RALADO = complicado, ferrado, fudido, passado para trás.
RALAR = trabalhar, sofrer, transar.
RAMONA = grampo de cabelo.
RANCHO = casa, moradia, compra do mês.
RANGO = comida.
RANHETA= ranzinza, brava, chato.
RANHO = catarro, sujeira do nariz ou garganta.
RANZINZA = brava, chata.
RAPA = pessoa que rouba, que pega as coisas, cinco dedos, que tributa a população sem justificativa objetiva.
RAPÁ = rapaz, cara.
RAPARIGA = mulher da vida, prostituta.
RAPARIGAL = zona, prostíbulo.
RAPARIGUEIRO = mulherengo.
RAPDÉIS = ligeiro, rápido.
RASGA = cai fora, sai correndo, sai daqui, foge.
RASGA-LATA = bomba, cabeção-de-nego.
RASTEIRA = passar o outro para trás, aplicar golpe.
RATEAR = dividir, reclamar, falhar, cometer algo incorreto, fora da lei e normas, esbravejar.
RATO = esperto, astuto, cinco dedos, rápido, que conhece macetes, malicioso, que não sai da biblioteca, que vive lendo, que vive na praia.
REATA = passador de cinto de calça.
REBOLAR = jogar, lançar, atirar.
RECLAMÁ = reclamar.
REDA = sai fora, vai embora, tira.
REDONDO = gordo(a).
REFRIGERANTE DE 2 LITROS = vai bem até a metade e depois perde o gás.
REI DA COCADA PRETA = poderoso, chefão, líder, bom do pedaço.
REINANDO = mandão, bravo.
REINAR = ficar bravo, fazer birra, pirraçar, mandar, controlar, brigar.
REIS = gado.
RÉIVA = raiva, nervosismo.
RELAMPEJANDO = trovejando, fortes relâmpagos.
RELAMPEJO = rápido, relâmpago.
RELAXA = acalme-se, não se apavorar.
REMADOR = motorista de transporte coletivo, ônibus.
REMANCHEANDO = enrolando, passando o tempo.
REMECHIDO = comida requentada, sobra de alimentos requentados.
REMELA = sugeira do olho.
REMOSO = misturado, misturar.
RENDENGUE = loja, comércio de roupa.
REPARTIR A PERUCA = sexo.
REPRESENTANDORIA = aposentadoria.
RÊS = gado, (vaca, boi, bezerro).
RESBALÃO = escorregar.
RESENHA = conversa curta e objetiva.
RESPONDA-ME DE NOVO E EU TE ARREBENTO OS DENTES! = ameaça, raiva, valorização do sorriso.
RESSACA = entregue após beber demais, bêbado.
RÉSTIA = reflexo do sol pelo vidro na vista humana.
RETORNEMO = retornamos.
REVESTRÉIS = revirado, de ponta cabeça.
REVORTO = reviravolta.
REVORVI = revolver.
REZENDE = legal, dez.
RIBA = em cima.
RIBEIRA = beira de rio.
RINSO = sabão em pó.
RIPITINO = repetindo.
RIPUTRIUDA = mulher cheia, com carne.
RISCA A FACA = baile.
RODAR A BAIANA = discutir, brigar.
RODINHA = grupo de pessoas conversando.
ROLAR = fazer sexo.
ROLAR ESQUEMA = sair ou ficar com alguém, transar, fazer sexo.
ROLAR O SENTIMENTO = sexo, amor.
ROLÊ = passeio, volta, bater perna, andar, sair, agarrar, aproveitar.
RÔLO = confusão.
ROLO = trocar algo, confusão, breganha.
ROMPER O ANO = passar a festa de ano novo, viajar na noite de ano novo.
RONCHIDÃO = marca de pancada na pele.
ROPA = roupa.
ROSCÓVIS = ânus.
RUA = cidade.
RUAÇA = bagunça.
RUAÇADO = bagunçado, desarrumado.
RÚSTICO = agressivo.


S’IMPORTA = se importa, tem preocupação.
S’ISQUECEU = se esqueceu.
SÁ = essa.
SÁ LUA = essa lua.
SABÊ = saber, tomar conhecimento.
SABIDO = inteligente, esperto.                                      
SABOEIRA = sapatão, lésbica.
SACA = entendeu!
SACANEANDO = zombando.
SAÇARICO = maçarico.
SACO CHEIO = saturado.
SACO DE PANCADA = alvo de gozação, bode expiatório, que apanha.
SACO DE TOUCIM = pessoa que chega ou sai e não cumprimenta o outro.
SACÔ? = entendeu? percebeu? captou? morou?
SADADE = saudade.
SAI AZAR! = espantando ou tirando de perto o que é ruim.
SAI DE BAXO = vai dar confusão.
SAI DO MEU PÉ = me larga, não me enche, me erra, para de encher o saco.
SAIR DE PINOTI = afastar-se sem que ninguém perceba, pessoa lisa, esperta.
SAIR DESEMBESTADO = sair na carreira, sair apressado.
SAIR FAÍSCA = discussão ríspida.
SAIU NO GÁS = correu, deu no pé.
SALCHICHA = salsicha.
SALSICHA = pessoa metida a besta.
SALTO ALTO = que se acha, metido(a).
SALVE = cumprimento.
SAMBACU = tapa, empurrão, chega pra lá.
SAMBOQUE = pedaço de parede ou de reboque de parede.
SANDAINHA = sandália pequena.
SANDÁLIA = chinelo de dedo.
SANGUE BOM = pessoa muito legal, digna.
SANGUE FRIO = calmo, de muita paciência.
SANGUE SUGA = aproveitador.
SÃO = som, barulho.
SAPECO = tiro na cara.
SAPO = entrão, adentra sem ser convidado.
SAQUEI = entendi.
SARACURA = mulher da perna fina.
SARACUTIÁ = andar à toa, passear.
SARADO(A) = homem ou mulher bonito(a), que chama a atenção, forte, demais.
SARAR = curar.
SARAR O PISADO = curar uma ferida ou machucado.
SARDADE = saudade, recordações, lembranças.
SARDADI = saudade.
SARGAÇO = algas marinhas.
SARNENTA = cheio de furo, irregular.
SARRO = risada, casquinha, zombar, zombando.
SARTA DE BANDA = pula fora, some daqui.
SARTEI DE BANDA = pulei fora, não vi nada, não me comprometo, não conheço, nunca vi, não sei de nada.
SASTIFAÇÃO = satisfação.
SASTIFEITA(O) = satisfeita(o).
SE ABRIR = dar demonstração, gargalhar, rir, sorrir.
SE ACABAR COMO UMA SACOLA VELHA = pessoa com caganeira, dor de estômago, vômito, acabar-se no banhairo de tanto vomitar ou defecar.
SE ACHA = pensa que é mais importante, que pode tudo, que está de bola cheia.
SE ACHANDO = acha-se melhor que os outros.
SE AFINOU = riu muito, sorrir.
SE AMARRAR EM ALGUÉM = gostar de alguém.
SE BORRA TODO = morre de medo, caga-se todo, defeca.
SE ENXERGAR = cair na real, cair em si.
SE ENXERGUE = cai na real, cair em si.
SE ESCALAR = se auto-convidar, entrão.
SE EU DIGO QUE É ASSIM, É ASSIM E PONTO FINAL! = determinação, indicação de quem manda no pedaço.
SE EU FOR AÍ E VOCÊ NÃO TIVER TERMINADO ESSA LIÇÃO, VOCÊ JÁ SABE!... = ameaça de castigo, incentivo a ter gosto pelos estudos.
SE EU ME LEMBRAR VOCÊ ME ESQUECE = fato sem importância.
SE FERRÔ = foi prejudicado, azarado.
SE FINJA DE HÓMI E SE PINCHE NO MEU PEITO = chamando o outro para briga.
SE FOI = morreu.
SE FUDEU = teve prejuízo, perdeu, foi derrotado, apanhar.
SE GABANDO = achando-se, contando vantagem.
SE GARANTE = que faz as coisas bem feitas, bom no que faz.
SE LASCAR TODINHO = se dar mal, se arrebentar.
SE LIGA = fique esperto, atento, aprende, presta atenção.
SE MANDA = cai fora, sai.
SE METIDANDO = exibindo-se, aparecendo-se.
SE PARECI BOBO = parece bobo.
SE PINCHE NO MEU PEITO = chamando o outro para briga.
SE RABISCAR DE NOVO, EU ESFREGO SEU NARIZ NA PAREDE! = ameaça.
SE TOCA = seja esperto, tenha cuidado, presta atenção.
SE TOQUE = saiba o que está fazendo, se cuide, tenha cuidado, atenção.
SE VOCÊ CAIR DESSA ÁRVORE VAI QUEBRAR O PESCOÇO E EU VOU TE DAR UMA SURRA! = aviso de queda, ameaça de apanhar: além de cair e quebrar o pescoço, ainda apanha.
SEATORA = corta caminho.
SECA = magra, olha.
SECAR = olhar fixamente para alguém, secar alguém, fitar, apreciar, torcer.
SECAR GELO = trabalho sem resultado.
SECO = tarado, perigoso.
SEGURA VELA = acompanhante de casal de namorado.
SEGURANDO VELA = acompanhando namorados(as).
SEGURAR OU AGARRAR COM UNHAS E DENTES = segurar, garantir.
SEGURAR VELA = acompanhar casal de namorados.
SEGURO MORREU DE VELHO = garantido, precavido, arrisca-se com precaução.
SEM EIRA NEM BEIRA = não tem nada, nem tem para onde ir, nada específico, de mãos limpas.
SEM FUTURO = que não dá certo, não é legal ou interessante, pessoa atrasada, devagar.
SEM GRACEIRA = chateação, falta de sossego, inquietação.
SEM NOÇÃO = pessoa sem limites do que é certo ou errado, besteirento.
SEM ONDE CAIR MORTO = sem nada, nem tem onde ser enterrado.
SEM PÉ NEM CABEÇA = sem sentido, fora de sentido.
SENTA-LE A MÃO = bater, partir para a briga, porrada.
SER PEGO COM AS CALÇAS NAS MÃOS = pego de surpresa, surpreendido.
SERÁ O BENEDITO? = espanto, pasmo, pergunta, preocupação.
SERROTE = quem fila ou pede cigarro.
SEU TROUXA = seu besta.
SEVERÁ = confirmar.
SHOW DE BOLA = muito animado, demais, bom demais, tudo ok, bom, beleza.
SI = se.
SI CÊIS = se vocês.
SI FOI = morreu, acabou-se, foi embora.
SI FU = foi-se, acabou-se.
SI LIGA = ficar esperto.
SI OCÊ = se você.
SICRANO = o outro.
SIGURÁ = segurar.
SIMBORA = ir embora, partir.
SIMBÓRA = vamos embora.
SINA = vida.
SINALÊRA = semáforo.
SINALERO = semáforo.
SINHORA = senhora.
SINISTRO = sem explicação, que aconteceu do nada, desconhecido(a), legal.
SINTIDU = que sentiu pena de alguém, sentido.
SIÔRA = senhora.
SIPÔI = supõe, supor.
SIPOR = supor.
SIRI NA LATA = pessoa revoltada, muito brava.
SIRIRICA = masturbação feminina.
SISTEMÁTICO = esquisito.
SÓ = captei, saquei, entendi.
SÔ = seu, senhor, ex: sô João?, ochente, ué.
SÓ ACREDITO VENDO = pessoa que duvida, que precisa de prova.
SÓ O FILÉ = mulher bonita, demais.
SÓ O MI = mulher bonita, demais.
SÓ O PITEL = legal, demais.
SÔBE = soube.
SOBRÁ = sobrar.
SOCADO = carro rebaixado, carro pleyboy.
SOCÔ = bateu.
SOIDADI = solidade.
SOLAR = machucar.
SOLTA MEU PÉ = deixar o outro livre, não ficar grudado.
SOLTANDO A FRANGA = abrindo-se, oferecendo-se sexualmente.
SOLTAR OS CACHORROS = xingar, falar mal, ficar bravo, nervoso.
SOLTO NA BAGACEIRA = solteiro.
SOMBRÁ = assombrar, fazer medo.
SONSO = bobo.
SOOU = ficou com medo, recuou, mijou para trás.
SOPA = pernambuco.
SORCABA = Sorocaba.
SORTEMO = soltamos, soltar.
SORTERO = solteiro.
SORTUDO = que teve sorte.
SOSSEGAR O FACHO = aquietar-se, não ficar exaltado.
SOU ESPADA = homem quando quer dizer que não é gay.
SOVA = apanhar, bater, agressão.
SPRUBLLE = lega, gostoso(a).
STYLE = que anda na moda.
SUALEGRIA = sua alegria.
SUBI PRÁ CIMA = subir.
SUBIR NO PÉ DE ALFACE = ficar sem fazer nada, não tomar nenhuma atitude, morgar, ficar parado.
SUCATA = pessoa velha.
SUCIDA = suicida.
SUJAR = sacanear com alguém, aprontar, dedurar, entregar.
SUJEIRA = sacanagem.
SUJOU = aconteceu um problema, apareceu alguém, risco de ser visto por alguém.
SUMI = sumir, desaparecer.
SUPAPO = pancada, socos rápidos, chega pra lá.
SUPIMBA = dá, penetrar, dá neles.
SUPIMPA = demais, legal.
SUPIMPA = legal, bom, interessante.
SUPIMPA NA GOIABA = muito legal.
SUPRA SUMO = que se acha o bonzão, pensa saber tudo, acha-se o tal.
SUPRA SUMO DO CÚ DO PATO = o bonzão, que se acha.
SURDINA = escondida, por baixo do pano, em IOF.
SURUBA = orgia, sexo grupal, bagunça sexual, namoro escandaloso.
SURUCA = entra.
SUSSA = sossegado.
SUSTENTÁ = sustentar.
SUSURRAR = cochichar.
SUSURRO = cochicho.
SUVAQUEIRA = mau cheiro nas axilas.
SUVINO = ruim, munheca, mão fechada.
SUVOCA = apanhar, surra.
SUZINHA = sozinha, só.


TÁ = está.
TÁ BÃO = está bom, legal, acertado, tudo bem?, ok?
TÁ BOA? = tudo bem?
TÁ CHUVENDO = menstruada.
TÁ DE CHICO = menstruada.
TÁ DE GRAÇA = fácil, esta brincando.
TÁ DE OLHO = interessado, paquerando.
TÁ DE VARDE = estar à toa, sem nada fazer.
TÁ DURO = sem dinheiro, liso.
TÁ FERRADO = sem saída, marcado, frito, fudido, lascado.
TÁ FRITO = sem saída, marcado, fudido, lascado.
TÁ FUDIDO = sem saída, marcado, frito, lascado.
TÁ LÁ = já fui, a vou, capaz.
TÁ LASCADO = sem saída, marcado, frito,